Darkside  

Voltar   Darkside > Darkside > Comunidade > Futebol

Responder
 
Thread Tools
vegetous
Trooper
atleticomineiro
 

XFIRE ID: carniceiru
14-11-13, 14:54 #76
será que agora o bafome volta?





vegetous is offline   Reply With Quote
Bombastic
The Alpha Male
atleticomineiro
 

14-11-13, 15:47 #77
AGORA VAI

Bombastic is offline   Reply With Quote
K o R n
Trooper
palmeiras
 

14-11-13, 22:26 #78
HOEHAIEHOUIAEHAEU VOLTA BAFOME, HADES, PENA ETC

K o R n is offline   Reply With Quote
vegetous
Trooper
atleticomineiro
 

XFIRE ID: carniceiru
02-12-13, 00:44 #79
Briga entre torcidas deixa feridos e cancela festa do Cruzeiro no Mineirão

Resumo da história pra quem não é de BH: as marias que esse ano tão rasgando o cu de inveja do galo, resolveram fazer uma vesta igual a que foi feita quando o atlético foi campeão da libertadores. Só que, vai entender essas moçoilas, na falta de com quem brigar, elas se viraram umas contra as outras, a ponto de cancelarem a festa.

 


 


 


 


 


Sério velho, no dia que eles foram campeãs, os caras em vez de comemorar, foram pra Savassi assaltar e depredar lojas, agora isso.

vegetous is offline   Reply With Quote
vegetous
Trooper
atleticomineiro
 

XFIRE ID: carniceiru
19-04-15, 18:41 #80
Passando por aqui só pra dar uma alô pro @bafome ;

 

vegetous is offline   Reply With Quote
bafome
Trooper
cruzeiro
 

Gamertag: bafhomt BR Steam ID: SluG??
07-01-16, 09:51 #81
Opa! Obrigado pela lembrança! Gostaria de dizer que fiquei com xxaudades de vocês e voltei ...

O campeão voltou! O time do povo tem novamente um representante!

bafome is offline   Reply With Quote
vegetous
Trooper
atleticomineiro
 

XFIRE ID: carniceiru
08-12-19, 22:05 #82
VOLTA @bafome ; !!!

Twitter







Last edited by vegetous; 08-12-19 at 22:11..
vegetous is offline   Reply With Quote
XUXU
Trooper
corinthians
 

PSN ID: duMagrao Steam ID: xuxuzao
09-12-19, 19:42 #83
Ta tite? Fica tite nao!

XUXU is offline   Reply With Quote
Baron
Trooper
saopaulo
 

10-12-19, 15:57 #84
Passando só pra lembrar que time grande não cai.

Mas sério, nunca tive nada contra o Cruzeiro (nem contra o Atlético MG, btw) então nem torci pra cair.

Não faz sentido nenhum o Cruzeiro estar na série B e esse lixo de Ceará permanecer agregando absolutamente NADA na série A. Cruzeiro estropiado é muito mais relevante e divertido que esses timecos aí.

Baron is offline   Reply With Quote
vegetous
Trooper
atleticomineiro
 

XFIRE ID: carniceiru
17-12-19, 11:29 #85
Cruzeiro não sai das manchetes dos jornais aqui em Minas!

Outro dia estavam noticiando que o clube não tem dinheiro nem pra tratar a água da piscina.

Não estão pagando nem os funcionários do clube!

A folha de pagamento dos jogadores deles é maior que a do Flamengo e os jogadores mais caros tem contrato até pelo menos o fim do próximo ano.

Eles já gastaram o dinheiro que eles iriam receber da TV em 2020!

Tem um boato de que eles estão correndo risco de cair direto pra série C, se não pagarem o que devem pra FIFA!

O presidente é um maluco que só faz merda! Todo mundo pedindo a renúncia do camarada, mas ele nem cogita sair. Provavelmente tá morrendo de medo de sair e descobrirem o tanto que ele roubou!

Hoje acordei com a notícia de que o MP está fazendo operação nas duas principais organizadas do Cruzeiro. Prenderam uns 20 ou mais!

Fora que ainda tá correndo aquela investigação por corrupção, que ainda pode resultar em punições pro clube!


Feliz 2020 Cruzeiro!

vegetous is offline   Reply With Quote
Baron
Trooper
saopaulo
 

17-12-19, 14:02 #86
Ou seja, o clube está correndo o risco de deixar de existir.

Que loucura...

Baron is offline   Reply With Quote
vegetous
Trooper
atleticomineiro
 

XFIRE ID: carniceiru
19-12-19, 16:36 #87
Quote:
Cruzeiro admite greve de cozinheiros por falta de pagamento e culpa crise

Responsáveis pela cozinha da Toca da Raposa I não foram trabalhar por falta de condições de locomoção

 


O caos está instalado no Cruzeiro. Não bastasse o rebaixamento para a Série B do Campeonato Brasileiro e a crise política que assola o clube, os problemas financeiros afetam quem menos tem culpa na atual situação da Raposa.

Funcionários da Toca da Raposa I paralisaram suas atividades nesta quinta-feira por falta de condição financeira para irem ao trabalho. Além disso, vários funcionários da sede administrativa já haviam exposto as dificuldades financeiras com os atrasos de salários nos últimos dias.

Por conta disso, o Cruzeiro soltou nota oficial a respeito do assunto e promete resolver a questão o mais rápido possível, admitindo a greve dos alguns funcionários.


Confira na íntegra a posição oficial do clube:


"O Cruzeiro EC esclarece que diante do grave momento político e financeiro que o Clube atravessa, os salários dos colaboradores, atletas e diretores estão em atraso e a diretoria trabalha em busca de uma solução para o problema.

A greve dos cozinheiros e assistentes de cozinha na Toca da Raposa I é mais um retrato da crise no Cruzeiro.

Lamentamos e esperamos efetuar o pagamento de todos o mais breve possível.

Cruzeiro Esporte Clube"


https://www.otempo.com.br/superfc/cr...rise-1.2276680
Não tão pagando nem o vale transporte dos funcionários! hauhauhauhauhauha


Ps.: tô rindo do Cruzeiro, e não dos empregados que não tem nada com isso!

vegetous is offline   Reply With Quote
vegetous
Trooper
atleticomineiro
 

XFIRE ID: carniceiru
20-12-19, 14:34 #88
Quote:
Thiago Neves aciona Cruzeiro na Justiça do Trabalho e cobra cerca de R$ 16 milhões

Jogador pede rescisão de contrato válido até dezembro de 2020

O armador Thiago Neves acionou o Cruzeiro na Justiça do Trabalho. O jogador de 34 anos cobra R$ 16 milhões do clube e quer a rescisão de contrato.

Ao Superesportes, o diretor de comunicação do Cruzeiro, Valdir Barbosa, confirmou que o clube foi notificado da ação de Thiago Neves na Justiça.

O contrato de Thiago Neves com o Cruzeiro é válido até dezembro de 2020, com cláusula que amplia o vínculo por mais um ano, caso ele disputasse 42 jogos na próxima temporada.

Thiago Neves foi afastado do elenco do Cruzeiro pelo então gestor do futebol, Zezé Perrella, no dia 2 de dezembro. O meia estava vetado da partida contra o Vasco devido a um edema na coxa esquerda, mas compareceu a um show de pagode no Mineirão, no dia anterior, para a irritação do dirigente.


POLÊMICAS NA TEMPORADA

Thiago Neves foi um dos jogadores mais criticados pela torcida na campanha do inédito rebaixamento do Cruzeiro à Série B do Campeonato Brasileiro. No jogo contra o CSA, o camisa 10 desperdiçou uma cobrança de pênalti, e o time celeste acabou derrotado em casa, por 1 a 0.

Após a partida, um áudio enviado pelo jogador a Zezé Perrella foi vazado. Na gravação, Thiago Neves pedia ao dirigente para viabilizar o pagamento de 60% do salário pendente do elenco e via a vitória sobre o CSA como certa. “Aí você não precisa arrumar uma premiação para ganhar o jogo, porque a obrigação nossa é ganhar esse jogo. Tá louco! Se a gente não ganhar do CSA, pelo amor de Deus”, disse.

Thiago Neves terminou o Campeonato Brasileiro como artilheiro do Cruzeiro, com seis gols em 27 partidas. TN10 chegou ao clube em 2017 e contabilizou 41 gols e 22 assistências em 151 jogos com a camisa estrelada. Foram quatro títulos conquistados no período: dois do Campeonato Mineiro (2018 e 2019) e duas Copas do Brasil (2017 e 2018). Antes de acionar a Justiça, ele chegou a cogitar reduzir o salário para disputar a Série B pela Raposa em 2020.
https://www.mg.superesportes.com.br/...-milhoes.shtml

vegetous is offline   Reply With Quote
vegetous
Trooper
atleticomineiro
 

XFIRE ID: carniceiru
20-12-19, 14:38 #89
Quote:
Justiça bloqueia R$ 5 milhões de pagamento ao Cruzeiro pela venda de Mayke

Empresa de Engenharia alega que tem direito a 30% da negociação realizado ano passado

Em disputa judicial na qual a empresa ADS Engenharia, de Belo Horizonte, luta para receber 30% dos valores envolvidos na transferência do lateral Mayke, do Cruzeiro para o Palmeiras, o clube paulista foi intimado a depositar em juízo R$ 5 milhões dos R$ 8 milhões que acertou com o clube mineiro para ter aquirir o jogador.

A decisão aconteceu na Justiça no último dia 17. O imbróglio envolve a ADS Engenharia, cujo o proprietário alega ser um descobridor de Mayke e teria acertado contrato com o Cruzeiro em 2010 que teria 30% de futura venda de Mayke.

O Palmeiras exerceu o direito de comprar Mayke ainda antes do encerramento do empréstimo. Assim, a ADS entrou na disputa requerendo que parte dos valores envolvidos na transação fosse a ela destinada.

Na batalha judicial, o Palmeiras apresentou os números do negócio, sendo que comprou 70% dos direitos de Mayke junto ao Cruzeiro e os outros 30% da fatia que era de propriedade do agente Beto Fedato. O Verdão acertou pagar R$ 8 milhões à Raposa pelos 70%, em três parcelas em 2019. Sendo assim, parte desse valor teve o bloqueio judicial.

No último dia 17, a Justiça determinou pelo depósito judicial dos R$ 5 milhões, que seriam 30% dos R$ 14,5 milhões (R$ 4,3 milhões) acrescidos de 15% de juros.
https://www.otempo.com.br/superfc/cr...ayke-1.2277047

vegetous is offline   Reply With Quote
vegetous
Trooper
atleticomineiro
 

XFIRE ID: carniceiru
20-12-19, 14:41 #90
Quote:
Fabrício Bruno também aciona Cruzeiro na Justiça do Trabalho e pede R$4 mi

Defensor reclama de salários e direitos de imagens não pagos pelo clube celeste e audiência está marcada para fevereiro

Depois do meia Thiago Neves, agora é a vez do zagueiro Fabrício Bruno entrar na Justiça Trabalhista contra o Cruzeiro, conforme adiantou o jornalista Guilherme Piu.

No último dia 18, o defensor ingressou com uma ação pedindo a recisão de contrato e cerca de R$ 4 milhões de dívidas que o clube possui com ele.

O valor é o cálculo de salários e direitos de imagem que o Cruzeiro não pagou ao zagueiro.

A primeira audiência para tratar a ação do zagueiro contra o Cruzeiro foi marcada para 8 de fevereiro de 2020, na 3a Vara do Trabalho de Belo Horizonte.

https://www.otempo.com.br/superfc/cr...4-mi-1.2277083
FORÇA CRUZEIRÃO, TAMU JUNTO AQUI TORCENDO PRA VOCÊ SE FODER!

vegetous is offline   Reply With Quote
vegetous
Trooper
atleticomineiro
 

XFIRE ID: carniceiru
06-01-20, 17:17 #91
Quote:
Vittorio Medioli deixa cargo de CEO do Cruzeiro após duas semanas na função



 


Vittorio Medioli não é mais CEO do Cruzeiro. Após apenas duas semanas liderando o chamado Núcleo Diretivo Transitório – que assumiu o clube até a posse do novo presidente, em junho –, o empresário, que também é prefeito de Betim, na região metropolitana de Belo Horizonte, deixou o cargo alegando que o estatuto do clube celeste não permite que ele assuma a função.

“O CEO do Cruzeiro será outro. Ficou esclarecido que o estatuto do Cruzeiro me impede de assumir. Aceitei durante 15 dias participar de uma tentativa de resgatar, que me permitiu conhecer a extensão do imbróglio azul e apresentar estratégias e medidas que o verdadeiro CEO, aquele legitimado, poderá usar”, escreveu o empresário em sua coluna deste domingo no jornal O Tempo, do qual é proprietário.

O empresário aproveitou para fazer duras críticas ao atual modelo do estatuto celeste, que chamou de “um conjunto Frankenstein de regras que atendem interesses miúdos, mesquinhos e de dominação de grupos. Não atendem a grandeza e solidez de suas finalidades. Privilegia mais o incompetente que se preste a atender interesses inconfessáveis de um estreito grupo”.

Medioli acredita que reconstrução do Cruzeiro passa pela mudança do estatuto do clube e, consequentemente, a transformação em clube-empresa.

Entretanto, Medioli ressaltou que continuará acompanhando o Cruzeiro e que vai colaborar à medida do possível. “Não posso e não vou assumir, mas não sumir. Darei tudo que posso e a lei me permite”, afirmou.

Interventor

No texto, Medioli diz que o Cruzeiro precisa de um interventor para assumir a condição de CEO e dar continuidade ao processo de reconstrução do clube. “Os últimos dias me concederam que, mais que um CEO, exposto à incerteza jurídica do cargo, o Cruzeiro precisa de um interventor amparado pela Justiça e com autoridade para executar o que for preciso. Doa a quem doer”, ressaltou.

Acusação

Vittorio Medioli também fez graves acusações contra pessoas ligadas ao Cruzeiro. Segundo ele, conselheiros e dirigentes têm participação em direitos econômicos de jogadores.

“Alguns conselheiros, dirigentes e um mundo indecifrável de figuras, capazes de qualquer coisa, se descobriu serem donos de passe de atletas, numa intrincada rede de empresas nacionais e estrangeiras que ocultam o verdadeiro titular”, disparou.

Necessidade de ‘enorme limpeza’

Por fim, Medioli destacou a necessidade da continuidade do processo de ‘enorme limpeza’ do Cruzeiro. “Não quero matar a esperança de ninguém, mas alertar que há de se fazer um trabalho enorme de limpeza, enxugamento, restauração da credibilidade e, ainda, político para que leis cabíveis amparem a migração do Cruzeiro para clube-empresa, vinculando-o assim a regras objetivas. Poderá, dessa forma, lançar ações para capitalizar o Cruzeiro, dando ao torcedor e a investidores a possibilidade de participar do seu time e lhe dar sustentabilidade.”

Palavra do Núcleo Diretivo Transitório

Saulo Fróes, presidente do Núcleo Dirigente Transitório do Cruzeiro, soltou uma nota horas depois da divulgação da coluna de Vittorio Medioli para informar que o grupo vai se reunir nesta segunda-feira (6) para "traçar novas diretrizes" após a saída do CEO. Após o encontro, segundo Fróes, será dado um posicionamento oficial.

http://www.itatiaia.com.br/noticia/v...-ceo-do-cruzei
"Escorregou pela culatra"

vegetous is offline   Reply With Quote
vegetous
Trooper
atleticomineiro
 

XFIRE ID: carniceiru
09-01-20, 12:05 #92
Quote:
Pedro Lourenço deixa cargo no Conselho Gestor e não é mais vice-presidente de futebol do Cruzeiro

Empresário comunicou saída em reunião com Núcleo Dirigente Transitório, mas prometeu não abandonar o clube: 'Vou ajudar no que for preciso'

 


Pedro Lourenço deixou a vice-presidência de futebol do Cruzeiro. Em reunião de cerca de duas horas com membros do Núcleo Dirigente Transitório, nesta quinta-feira, na Sede Administrativa do clube, no Barro Preto, o empresário comunicou a saída do Conselho Gestor. A informação foi divulgada inicialmente pelo jornal O Tempo e confirmada pelo Superesportes.

A reunião na Sede Administrativa do Cruzeiro começou por volta de 7h40 desta quinta. Estiveram no encontro com Pedro Lourenço o presidente interino do clube, Dalai Rocha, o presidente do Núcleo Dirigente Transitório, Saulo Fróes, e o diretor geral André Argolo.

Em entrevista à Rede Globo, Pedro Lourenço pediu desculpas aos torcedores pela saída do cargo e prometeu que não vai abandonar o clube. “Quero pedir desculpas à torcida por esse momento tão difícil que nós vivemos. Estou com a torcida, não vou abandonar o Cruzeiro, não vou tirar patrocínio. Vou ajudar no que for preciso, mas não como gestor”, declarou.

Dono da rede Supermercados BH, Pedro Lourenço foi parceiro do Cruzeiro em contratações de jogadores, como na aquisição de 50% dos direitos econômicos do lateral-direito Orejuela ao Ajax, por cerca de R$ 6 milhões, no fim do ano passado. O empresário também ajudou o clube financeiramente em várias oportunidades, com o patrocínio do Supermercados BH nos uniformes da equipe. A empresa, inclusive, é atual patrocinadora máster na camisa do time.

A saída de Pedro Lourenço do Conselho Gestor ocorre quatro dias depois do desligamento de Vittorio Medioli da função de CEO do Cruzeiro. Como também é prefeito de Betim, ele alegou que a lei e o estatuto do clube o impediriam de conciliar as funções. O agora ex-dirigente ficou na administração do Cruzeiro por duas semanas, depois da renúncia do então presidente Wagner Pires de Sá

https://www.mg.superesportes.com.br/...cruzeiro.shtml
Quote:
Por lealdade a Pedro Lourenço, Alexandre Mattos também deixa função no Cruzeiro

Executivo havia sido convidado por Pedrinho para voltar ao clube celeste

 


Durou pouco o retorno de Alexandre Mattos ao Cruzeiro. Nesta quinta-feira, o executivo se desligou das funções no clube em razão da saída de Pedro Lourenço do Conselho Gestor. A informação foi divulgada inicialmente pela Rádio Itatiaia e confirmada pelo Superesportes.

Pedro Lourenço, que deixou o cargo de vice-presidente de futebol depois de reunião com membros do Núcleo Dirigente Transitório, nesta quinta-feira, na Sede Administrativa, foi o responsável pelo convite a Alexandre Mattos para trabalhar no processo de reconstrução do clube. Por lealdade a Pedrinho, o executivo decidiu trilhar o mesmo caminho, mas se colocou à disposição para qualquer ajuda ao Cruzeiro.

https://www.mg.superesportes.com.br/...cruzeiro.shtml
Se a canoa não virar,
Olê olê olê olá...

vegetous is offline   Reply With Quote
didz
#NPNÃO
ds
 

Gamertag: Stefan Prestes PSN ID: stefanprestes XFIRE ID: exxhail Steam ID: didz
09-01-20, 14:57 #93
cadê o Pena

didz is offline   Reply With Quote
vegetous
Trooper
atleticomineiro
 

XFIRE ID: carniceiru
10-01-20, 10:57 #94
Quote:
Ederson e David 'somem' e faltam a treino no Cruzeiro

Jogadores se ausentaram da atividade na tarde desta quinta-feira e não atenderam aos contatos feitos pela diretoria; a dupla é representada pelo empresário André Cury

 


Tudo indica que o Cruzeiro terá um novo problema pela frente, algo que tem feito parte do cotidiano do clube nas últimas semanas. Nesta quinta-feira, o volante Ederson e o atacante David não compareceram à Toca da Raposa II para o treinamento da tarde, nem justificaram a ausência. A diretoria estrelada tentou contato com ambos, contudo, sem sucesso.

Os dois jogadores têm o mesmo representante, o empresário André Cury e, por isso, o “sumiço” estaria relacionado a alguma divergência entre o Cruzeiro e Cury. O clube está devendo três meses de salários aos jogadores, além de não ter pago o 13º e outras verbas trabalhistas.

André Cury não foi encontrado para comentar o episódio e o Cruzeiro, por meio de sua assessoria, limitou-se a confirmar a ausência de Ederson e David e a falta de contato da dupla.

David interessa ao Fortaleza

O atacante David interessa ao Fortaleza, conforme confirmou o presidente do clube, Marcelo Paz. O contrato do atleta com a Raposa vai até o fim de 2022, e o clube cearense estaria disposto a arcar com os vencimentos do atacante. Uma proposta de empréstimo foi oficializada.

"Ele é um jogador que nos interessa. Não chegamos ainda a uma definição sobre o assunto porque aguardamos as soluções no Cruzeiro. Mas realmente teve um contato. Externamos o interesse. O Cruzeiro sabe, o empresário do atleta também (André Cury). Então vamos aguardar". admitiu Marcelo, nessa quarta-feira.

https://www.otempo.com.br/superfc/cr...eiro-1.2282566

Quote:
Depois de não aparecer, David é mais um a acionar o Cruzeiro na Justiça

Atacante pleiteia liberação via caminho judicial, por conta de salários atrasados, com o objetivo de se transferir do clube

 



O Cruzeiro recebeu a informação de que o atacante David acionou o clube na Justiça para conseguir a liberação. Com mais de três vencimentos atrasados, o jogador se faz valer da lei para deixar a Raposa e fechar com outro clube. Ele já havia não treinado na quinta-feira (9).

O empresário do atleta, André Cury, sinalizou com a possibilidade de compra dos direitos do próprio jogador para colocá-lo em outra equipe. Cury se mostrou descontente com a paralização das negociações para um possível acordo, já que vinha negociando com Alexandre Mattos, que deixou o clube na quinta-feira (9).

Outra questão a ser resolvida e que também incomodou André Cury é a do zagueiro Ramon, contratado do Vitória, ainda em 2019, mas que está com o futuro indefinido pela contratação ter sido feita pelo ex-vice-de futebol Itair Machado, que já deixou o clube.

Segundo o Núcleo Dirigente Transitório do clube, o contrato foi feito acima do teto salarial de R$ 150 mil estabelecido para os jogadores em 2020.

Inclusive, o agente é aguardado pela diretoria celeste na Toca da Raposa, nesta sexta-feira (10), para resolver esta e outras pendências, como o futuro do zagueiro Léo, que é pretendido ao Bahia.

Além de David, o zagueiro Fabrício Bruno, o meia Thiago Neves e o volante Ederson entraram na Justiça contra o Cruzeiro por conta de salários, 13º e férias atrasados, visando à liberação.

https://www.otempo.com.br/superfc/cr...tica-1.2282712

Quote:
Mais um de saída: Cruzeiro informa que lateral Dodô está fora dos planos para a temporada

 


O lateral-esquerdo Dodô não faz parte dos planos do Cruzeiro para 2020. A diretoria celeste comunicou à Sampdoria, da Itália, que não vai exercer a cláusula de compra jogador.

Mas a decisão pode render novos capítulos. Pelo contrato firmado, a Raposa teria que adquirir o atleta se ele atuasse em três partidas do Campeonato Brasileiro do ano passado e o clube fizesse 15 pontos na competição. Mesmo atingindo as condições com facilidade, o Cruzeiro não efetuará o pagamento de 300 mil euros – aproximadamente R$ 1,3 milhão.

Contratado para ser uma sombra de Egídio, que se mostrou irregular na temporada passada, Dodô não conseguiu se firmar na Raposa. Ao todo, atuou em 28 partidas, mas não teve nenhuma grande sequência como titular.

Com a saída, o técnico Adilson Batista conta agora com o jovem Rafael Santos e Marcelo Hermes, que volta de empréstimo do Goiás, para a lateral esquerda.

Saídas

Além de Dodô, já deixaram o Cruzeiro os volantes Jadson (Bahia) e Henrique (Fluminense), o lateral-esquerdo Egídio (Fluminense) e o meia Marquinhos Gabriel (Athletico-PR). Fabrício Bruno, Éderson, Thiago Neves e David acionaram o clube na Justiça. Ezequiel e Pedro Rocha não tiveram contratos de empréstimo renovados.

O clube, mergulhado em dívidas e sem dinheiro em caixa, ainda precisa definir também a situação de alguns medalhões, como Fábio, Dedé, Léo, Rodriguinho e Fred.

https://www.hojeemdia.com.br/esporte...orada-1.766230
Acordei hoje com o povo do rádio dizendo que a dívida do Cruzeiro é bem maior do que os 700 milhões anunciados no fim do ano passado! Que a solução pro Cruzeiro vai ser decretar falência. Perde todos os títulos e vai pra série D!

vegetous is offline   Reply With Quote
Bullet
Trooper
saopaulo
 

10-01-20, 17:49 #95
Que sirva de lição para o grande São Paulo Futebol Clube que segue o mesmo caminho

Bullet is offline   Reply With Quote
maurocool
corinthians
 

PSN ID: maurocool-maurasia Steam ID: maurocool
10-01-20, 18:13 #96
Quote:
Postado por vegetous Mostrar Post
Acordei hoje com o povo do rádio dizendo que a dívida do Cruzeiro é bem maior do que os 700 milhões anunciados no fim do ano passado! Que a solução pro Cruzeiro vai ser decretar falência. Perde todos os títulos e vai pra série D!
O que será que tem lá?

maurocool is offline   Reply With Quote
maurocool
corinthians
 

PSN ID: maurocool-maurasia Steam ID: maurocool
10-01-20, 18:18 #97
Não aguentei e fui procurar haueheuahaue

Véi, 68 equipes heauehauhea
Nem o Wikipedia é tão claro sobre como é a disputa:

A Série D do Campeonato Brasileiro de Futebol de 2020 será a décima segunda edição da competição de futebol profissional equivalente à quarta divisão no Brasil. Esta edição vai ser disputada por 68 equipes, que se classificaram através dos campeonatos estaduais e por outros torneios realizados por cada uma das federações estaduais. A partir desta edição, oito equipes se enfrentarão em uma fase preliminar que ainda não foi detalhada pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF).[1]

Disputam times de lugares como: Macapá, Tocantinópolis, Boa Vista, Coruripe... Imagina um Ano inteiro de primeira fase de Copa do Brasil

maurocool is offline   Reply With Quote
maurocool
corinthians
 

PSN ID: maurocool-maurasia Steam ID: maurocool
11-01-20, 10:00 #98

maurocool is offline   Reply With Quote
vegetous
Trooper
atleticomineiro
 

XFIRE ID: carniceiru
11-01-20, 15:16 #99
Quote:
Presidente de torcida organizada do Cruzeiro é preso em BH

Luan Borges Braga Tofani foi preso em Belo Horizonte em cumprimento a um mandado de prisão por associação criminosa

 


Uma operação da Polícia Militar de Minas Gerais prendeu na manhã deste sábado (11) o presidente da torcida organizada do Cruzeiro, Pavilhão Independente. Luan Borges Braga Tofani, de 30 anos, foi preso em cumprimento a um mandado de prisão por associação criminosa.

Segundo informações do batalhão de Choque da PM, os militares receberam informações de que Luan estaria em uma reunião da torcida no centro de Belo Horizonte e montaram uma operação para a prisão do cruzeirense.

Ainda segundo a polícia, o mandado de prisão decorre da operação 'Voz da Arquibancada', realizada em dezembro do ano passado e que teve como alvo líderes e membros das organizadas. Na ocasião, oito pessoas foram presas e 20 mandados de busca e apreensão foram cumpridos nas sedes das torcidas organizadas do Cruzeiro, Máfia Azul e Pavilhão Independente.

A PM informou também que Luan Borges, foi levado para a Central de Flagrantes da Polícia Civil, no bairro Floresta, em Belo Horizonte.


Outro caso

Essa não é a primeira vez que Luan Borges Braga Tofani tem problemas com a Justiça. Em 2011, ele foi detido e autuado por rixa, lesão corporal e dano material após se envolver, juntamente com outros cruzeirenses, em uma briga com torcedores do Atlético. O caso aconteceu no Shopping Del Rey, na região Noroeste de Belo Horizonte.

https://www.otempo.com.br/superfc/cr...m-bh-1.2283179

Quote:
Bem Protege cobra R$ 2,4 milhões do Cruzeiro na Justiça

Empresa de proteção veicular pagou para estampar sua marca na camisa da Raposa, e acusa o clube de não ter cumprido suas obrigações contratuais

 


Uma parceria entre Cruzeiro e Bem Protege foi anunciada em 23 de fevereiro do ano passado. No acordo firmado entre as partes, ficou acordado que a empresa especializada em proteção veicular pagaria R$ 840 mil, divididos em 12 parcelas mensais de R$ 70 mil, para estampar sua marca na gola da camisa estrelada. Além de manter em seu uniforme o logotipo, o clube deveria cumprir outras obrigações contratuais, todas elas com o objetivo de divulgar o nome da patrocinadora em determinado número de eventos, jogos e ações, além de ceder espaço publicitário da Toca da Raposa I.

O grupo afirma ter cumprido sua parte no trato e acusa a Raposa do contrário. Após tentar solucionar o desacerto de forma amigável, a Bem Protege decidiu acionar o clube do Barro Preto na Justiça. No último 30 de dezembro, entrou com ação na 20ª Vara Cível da Comarca de Belo Horizonte, na qual exige a rescisão unilateral do contrato e a cobrança de R$ 2.450.800,00, incluindo multas, não pagamento das cinco parcelas que restam e indenização por dano moral.

Nas alegações apresentadas à Justiça, a Bem Protege assegura ter quitado sete parcelas mensais, totalizando R$ 490 mil, até outubro do ano passado. Quando o caos estrelado atingiu níveis irreversíveis, a empresa entrou em contato para rescindir, de forma amigável, o vínculo que se encerraria em 31 de dezembro de 2019.

No entendimento da direção do grupo, além de o Cruzeiro não estar cumprindo sua parte no trato, a exposição negativa na mídia, com dirigentes sendo alvo de investigações das polícias civil e federal, e denúncias de prática de crimes de falsificação de documento, falsidade ideológica e lavagem de dinheiro estariam afetando a imagem da empresa.

Houve uma tentativa informal de se romper o contrato amigavelmente, considerando-se a proximidade entre os diretores de ambas as partes. Como as conversas não evoluíram nesse sentido, em 10 de dezembro, a Bem Protege documentou a intenção de rompimento, em e-mail enviado a Rene Salviano, diretor comercial da Raposa e responsável por alinhavar a parceira. Na mensagem, ressalta a patrocinadora, ficou em aberto a possibilidade de um destrato amigável, abrindo mão de eventuais penalidades previstas.

Dois dias depois, o e-mail foi respondido por Herbert Junior, citado como funcionário do departamento jurídico cruzeirense, alegando que não houve descumprimento contratual, bem como reiterando que o objetivo principal havia sido cumprido: estampar a marca na gola da camisa do Cruzeiro.

Insatisfeita com o retorno dado pelo clube, a patrocinadora fez uma notificação extrajudicial no mesmo dia, comunicando sobre a rescisão antecipada do vínculo. Como não houve resposta, optou por judicializar o impasse.

ACUSAÇÕES DA EMPRESA

À Justiça, a Bem Protege acusa o Cruzeiro de ter descumprido nove itens contratuais, na íntegra ou parcialmente (veja abaixo). Neste caso, conforme consta na cláusula 6.1 do contrato assinado pelo ex-presidente Wagner Pires de Sá, em 14 de fevereiro de 2019, está prevista a rescisão do acordo, bem como o pagamento de multa. Nos cálculos apresentados na ação, este valor seria de R$ 405.800,00.

O montante mais significativo, porém, refere-se ao pedido de indenização por danos morais, calculado em R$ 2 milhões. No entendimento da patrocinadora, as investigações e as denúncias de eventuais ilícitos e suspeitas de corrupção envolvendo os ex-dirigentes cruzeirenses comprometeram a imagem do grupo.

Ao anexar ao processo matéria jornalística publicada sobre o assunto, a Bem Protege argumenta:

“Na citada reportagem vê-se, claramente, que não só a imagem do clube, mas como também de todos os patrocinadores, que estampam sua marca no uniforme do time, estão associadas a atos ilícitos. Há, portanto, vinculação entre os atos ilícitos e a reputação dos patrocinadores, em evidente macula à honra destes”


O ponto mencionado na petição inicial está contemplado na cláusula 6.3 do contrato, que prevê a rescisão e eventual cobrança por perdas e danos. Fato que, na interpretação dos advogados que representam o grupo na ação, sustentaria o pedido milionário de indenização por danos morais.

O que dizem as partes

A ação distribuída pela Bem Protege na 20ª Vara Cível da Comarca de Belo Horizonte é assinada por dois advogados. Um deles é Wilson da Silveira Júnior. Mesmo com o SuperFC tendo tido acesso à petição inicial, ele negou que a empresa tenha entrado na Justiça contra o Cruzeiro.

Informou, ainda, que se encontra viajando e que o assunto deverá ser tratado na próxima semana, em reunião com os diretores da empresa. Contudo, sem revelar detalhes, admitiu que o Cruzeiro teria “descumprido várias cláusulas”.

“A Bem Protege não entrou na Justiça e esse valor (R$ 2.450.800,00) não procede. Pode ser apenas uma estimativa. Por sigilo profissional não posso falar mais nada. Mas não entramos na Justiça. Vamos decidir isso no próximo dia 15”, informou.

Rene Salviano foi o diretor do Cruzeiro responsável por conduzir as negociações que culminaram com a assinatura do contrato de patrocínio. Ele foi procurado no início da manhã desta sexta-feira, mas disse que não poderia responder naquele momento, porque estaria em reunião.

*Rene Salviano solicitou que as perguntas fossem enviadas por e-mail, mas até a publicação dessa reportagem ele não havia respondido. Assim que ele apresentar seu posicionamento, será publicado neste espaço

Veja as cláusulas que teriam sido descumpridas pelo Cruzeiro, segundo a Bem Protege

Descumpridas integralmente:

- efetuar duas publicações mensais sobre da marca no stories do Instagram do Cruzeiro;

- ceder os mascotes oficiais para participação em quatro eventos;

- realizar duas visitas VIPs na Toca da Raposa II, em data a ser definida conforme disponibilidade, limitando-se a 20 pessoas por visita;

- Inserir a marca da patrocinadora nos uniformes das equipes de futebol dos campeonatos internos (clubes sociais);

- ceder espaço físico na Toca da Raposa I para instalação de duas placas estáticas para publicidade, em local de visibilidade do público e dos meios jornalísticos e TV.

Descumpridas parcialmente:

- enviar um e-mail marketing por mês, durante a vigência do contrato, para o mailing do Sócio 5 Estrelas;

- realizar um tour por semestre no Mineirão, em data a ser definida, conforme disponibilidade, limitando-se a 10 pessoas por visita;

- veicular a empresa como "marca patrocinadora" em eventos sociais do clube;

- realizar três ações de campo em jogos em que o Cruzeiro seja o mandante, respeitando as regras da competição.

O QUE COBRA A BEM PROTEGE

- Multas previstas em contrato: R$ 100.800,00

- Inexigibilidade das obrigações assumidas pela patrocinadora: R$ 350 mil (5 parcelas restantes de R$ 70 mil)

- Indenização por dano moral: R$ 2 milhões

TOTAL: R$ 2.405.800,00 (dois milhões, quatrocentos e cinco mil e oitocentos reais)

https://www.otempo.com.br/superfc/cr...tica-1.2282978
Força Cruzeirão!

vegetous is offline   Reply With Quote
vegetous
Trooper
atleticomineiro
 

XFIRE ID: carniceiru
14-01-20, 17:02 #100
Quote:
Ex-CEO do Cruzeiro diz que dívida do clube chegaria a R$ 1 bilhão

 


O atual prefeito de Betim e ex-CEO do Cruzeiro, Vittorio Medioli, deixou o cargo que tinha no clube celeste no último dia 5, mas continua preocupado com a saúde financeira da Raposa. Nesta terça-feira (14), ele divulgou um vídeo em que afirma que a dívida dos celestes chegaria a R$ 1 bilhão, e não R$ 800 milhões, como apontou o balanço feito pela nova gestão da agremiação.

“Numa situação catastrofista, como é o Cruzeiro, a cada dia aparecem mais dívidas. A última conta vai chegar a R$ 800 milhões. Lá, foi feito um Refis (Programa de Recuperação Fiscal), que se chama Profut, mas tem três anos que não o pagam. E para renovar (o Profut) é preciso mais R$ 200 milhões. Dentro dos R$ 800 milhões que estão falando, como não tem esses 200 milhões, a dívida vai para R$ 1 bilhão”, disse Medioli.

O prefeito de Betim reiterou a “necessidade de uma intervenção judicial porque recuperaria um prazo para renegociar essa situação”. “E como renegociar? Afinal, não é muito difícil”, ressaltou.

Além disso, mostrou preocupação novamente com problemas internos envolvendo dirigentes e atletas. “Hoje as pessoas ficam tão distraídas em ganhar direito com trambique lá dentro, que não cuida do atleta, não cuida do clube. É um caso de polícia, tem que entrar lá, despoluir e reconstruir, não é muito difícil”, afirmou.

Medioli era considerado uma das esperanças para o Cruzeiro se reerguer neste ano, em que terá de disputar pela primeira vez em sua história a Segunda Divisão do Brasileiro. No entanto, por conta de problemas nos bastidores, deixou o Núcleo Dirigente Transitório do Cruzeiro no início deste mês.

Depois dele, debandaram o então vice de futebol, Pedro Lourenço, e Alexandre Mattos, que ajudaria na montagem de elenco durante o período de 60 dias.

https://www.hojeemdia.com.br/esporte...3%A3o-1.766831
 

vegetous is offline   Reply With Quote
Yakov
Trooper
corinthians
 

Gamertag: kovyakov PSN ID: kvYkv Steam ID: kovyakov
14-01-20, 18:25 #101
quero ver ate aonde vai isso ai

Yakov is offline   Reply With Quote
vegetous
Trooper
atleticomineiro
 

XFIRE ID: carniceiru
23-01-20, 16:18 #102
Quote:
Justiça quebra sigilo bancário de ex-diretores do Cruzeiro e mira jogadores

Entre os que terão as contas vasculhadas estão Itair Machado, Sérgio Nonato, Wagner Pires e Zezé Perrella; atletas e empresários teriam feito 'rachadinhas' com ex-dirigentes

 


Fontes ligadas ao Ministério Público Estadual e à Polícia Civil ouvidas pela reportagem do SUPER.FC confirmaram que ex-dirigentes do Cruzeiro tiveram o sigilo bancário quebrado.

O antigo presidente, Wagner Pires de Sá, o vice-presidente de futebol, Itair Machado, e o diretor geral, Sérgio Nonato, estão sendo investigados e existe a possibilidade também de o antigo presidente do Conselho Deliberativo do clube, Zezé Perrella, já ter sofrido o mesmo tipo de procedimento.

A ação é decorrente da investigação da Polícia Civil, que está em fase avançada e apura denúncias sobre falsificação de documentos, falsidade ideológica e lavagem de dinheiro.

O clube é acusado de realizar transações irregulares, usar empresas de fachada para regularizar operações e venda de jogadores menores de idade. A assinatura de Itair Machado, aliás, está em vários documentos desse tipo. O dirigente, inclusive, teria autorizado para ele mesmo diversos aumentos salariais.

As mesmas fontes também confirmaram que as investigações miram também empresários, jogadores e ex-jogadores do clube, por uma possível “rachadinha” nos contratos.

Além do salário base e dos valores referentes ao direito de imagem constantes habitualmente nos contratos dos atletas, o Cruzeiro pagaria a cada jogador uma quantia descrita como “acréscimos remuneratórios”, valores esses que poderiam voltar aos ex-dirigentes de forma fraudulenta.

Vale lembrar também que os empresários também recebem, de forma legal, valores específicos pelo agenciamento dos atletas.

 

  1. Clube assina contrato com um atleta e estabelece valores relativos a salários e direitos de imagem
  2. De acordo com fontes ligadas ao clube, esses “acréscimos” eram acertados para retornar para dirigentes celestes por meio de empresários
  3. Além dessa remuneração, Cruzeiro também repassa aos jogadores “acréscimos remuneratórios”, não especificados


Da redação
22/01/20 - 19h11

Fontes ligadas ao Ministério Público Estadual e à Polícia Civil ouvidas pela reportagem do SUPER.FC confirmaram que ex-dirigentes do Cruzeiro tiveram o sigilo bancário quebrado.

O antigo presidente, Wagner Pires de Sá, o vice-presidente de futebol, Itair Machado, e o diretor geral, Sérgio Nonato, estão sendo investigados e existe a possibilidade também de o antigo presidente do Conselho Deliberativo do clube, Zezé Perrella, já ter sofrido o mesmo tipo de procedimento.

A ação é decorrente da investigação da Polícia Civil, que está em fase avançada e apura denúncias sobre falsificação de documentos, falsidade ideológica e lavagem de dinheiro.

O clube é acusado de realizar transações irregulares, usar empresas de fachada para regularizar operações e venda de jogadores menores de idade. A assinatura de Itair Machado, aliás, está em vários documentos desse tipo. O dirigente, inclusive, teria autorizado para ele mesmo diversos aumentos salariais.

As mesmas fontes também confirmaram que as investigações miram também empresários, jogadores e ex-jogadores do clube, por uma possível “rachadinha” nos contratos.

Além do salário base e dos valores referentes ao direito de imagem constantes habitualmente nos contratos dos atletas, o Cruzeiro pagaria a cada jogador uma quantia descrita como “acréscimos remuneratórios”, valores esses que poderiam voltar aos ex-dirigentes de forma fraudulenta.

Vale lembrar também que os empresários também recebem, de forma legal, valores específicos pelo agenciamento dos atletas.


Punições

As denúncias pelas quais o Cruzeiro está sendo investigado são passíveis, inclusive, de punições esportivas. A venda de jogadores menores de idade, por exemplo, é proibida pela Lei Pelé, pela CBF e também pela Fifa.

Caso as denúncias sejam procedentes, o Cruzeiro pode sofrer advertências disciplinares, ser proibido de registrar e contratar atletas.


Segredo de Justiça

A reportagem entrou em contato com o delegado Domiciano Monteiro, chefe da Divisão de Investigação de Fraudes e Crimes contra a Administração Pública.

Segundo ele, nenhuma informação sobre as investigações pode ser repassada pois o processo corre em segredo de Justiça.


Clube pode ser investigado pela Interpol

Fontes ligadas ao Cruzeiro informaram à reportagem do SUPER.FC que ainda será aberta uma investigação pela Interpol sobre um contrato do clube que teria gerado uma dívida a favor de um clube árabe, que gira em torno de 9 milhões de euros (R$ 41,7 milhões de reais). Esse valor precisa ser recolhido junto à Fifa.

Todos os citados na reportagem foram procurados, mas não foram encontrados.
https://www.otempo.com.br/superfc/cr...ores-1.2287623

vegetous is offline   Reply With Quote
vegetous
Trooper
atleticomineiro
 

XFIRE ID: carniceiru
24-01-20, 15:28 #103
Quote:
Dívida do Cruzeiro na Fifa pode chegar a R$ 97 mi; entenda prazo e punições

Pendências com transferências de jogadores podem causar diversas sanções; só o Al-Jazira cobra cerca de R$ 45 milhões pela negociação de Thiago Neves


 


Além da enorme queda de receita, com um orçamento de apenas R$ 80 milhões em 2020, dos quatro meses de salários atrasados, da disputa da Série B do Brasileirão e de enfrentar processos na Justiça, o Cruzeiro ainda tem um problema gigantesco: mais de R$ 97 milhões de dívidas na Fifa.

O SUPER.FC teve acesso, por meio de fontes policiais, a um documento que mostra, em detalhes, a delicada situação da Raposa com a entidade máxima do futebol mundial. Por conta de várias sentenças envolvendo diversas transferências de jogadores, entre elas as por falta de pagamento, como as contratações de Riascos junto ao Morelia-MEX, Rafael Sóbis junto ao Tigres-MEX, Arrascaeta junto ao Defensor-URU, e Denilson junto ao Al Wahda-EAU, ainda não pagas pelo clube mineiro, o Cruzeiro tem uma dívida na Fifa de R$ 95.949.438,61.

Além disso, a reportagem apurou que os custos de todos os processos também ficam por conta do clube mineiro. Esta quantia é de R$ 1.838.250. Com isso, caso seja condenado em última instância, o Cruzeiro terá que arcar com mais de R$ 97 milhões.

A Raposa será julgada em última instância até março por conta da dívida, segundo apurou o SUPER.FC. A partir do julgamento, terá um prazo de 90 dias para pagar uma parte de dívida: R$ 22 milhões. Caso não pague, poderá sofrer várias punições, dependendo daquilo que será determinado pela entidade máxima do futebol e das condenações.

Entre as punições previstas, mas não confirmadas pelo fato de os casos ainda não terem sido julgados e definidos, o clube pode perder pontos na disputa da Série B, ser impedido de inscrever jogadores ou até mesmo rebaixado, dependendo do julgamento.

O SUPER.FC entrou em contato com a Fifa para saber sobre eventuais punições, mas a entidade não retornou as questões levantadas até a publicação desta reportagem.

A dívida tem o valor superior a R$ 97 milhões por conta da situação envolvendo a transferência de Thiago Neves, contratado em 2017, após rescindir seu contrato com o Al-Jazira, dos Emirados Árabes Unidos, de forma unilateral. O clube árabe acionou o Cruzeiro na Fifa, cobrando 9.052.504,04 de euros (cerca de R$ 45 milhões) alegando que a rescisão foi induzida pelos mineiros. Em julho de 2019, a Raposa venceu a disputa em primeira instância, mas a situação ainda não está definida. O Al-Jazira recorreu e aguarda o desfecho do caso e a influência dos clubes árabes na Fifa pode ser um problema a mais para o Cruzeiro.


Posicionamento

Caso a Raposa vença a disputa com o Al-Jazira, ainda assim, a dívida com a Fifa será superior a R$ 52 milhões. Ao SUPER.FC, o Cruzeiro informou que, em 15 de janeiro, “efetuou o pagamento de R$ 713.078,46 à Fifa, referente a custas processuais e outros compromissos para o momento”. O clube afirmou não ter “mais nenhum vencimento em janeiro” e "não ter consolidados os números nos outros meses".
https://www.otempo.com.br/superfc/cr...coes-1.2288268

vegetous is offline   Reply With Quote
vegetous
Trooper
atleticomineiro
 

XFIRE ID: carniceiru
04-02-20, 12:10 #104
Quote:
Cruzeiro revisa balanço de 2018 e déficit passa de R$ 27 mi para R$ 73 mi

Valor é 170% superior ao apresentado inicialmente pela gestão anterior da Raposa

Em abril do ano passado, o balanço relativo ao ano de 2018 foi aprovado pelas conselheiros do Cruzeiro. O documento foi um dos estopins para a eclosão da crise política, administrativa e financeira que assola o clube, uma vez que não recebeu a aprovação do conselho fiscal. Na ocasião, os responsáveis pelo setor renunciaram. Em pleno 2020, o clube ainda busca a revisão desse documento e a aprovação do mesmo em reunião que será realizada na próxima quinta-feira. No novo balanço existe a correção do débito, que se mostrou muito superior ao apresentado pela antiga gestão, passando de R$ 27.236.795 para R$ 73.816,626, valor 170% superior ao apresentado inicialmente.

Chama a atenção ainda débitos do clube na ordem de R$ 33 milhões apenas em FGTS, além de vencimentos relativos a atletas e funcionários. O levantamento ainda alerta para a dificuldade do Cruzeiro em relação às rescisões em aberto, até dezembro de 2019 em pouco mais de R$ 17 milhões.

O novo documento conta com a revisão e análise de auditores independentes, trabalho executado pela consultoria Oliveira Mendes, e a assinatura de seis membros do conselho fiscal.

A revisão do balanço traz ainda a atualização da dívida total do clube no exercício 2018, agora em R$ 534 milhões. Na apreciação do documento do ano passado, o débito era de R$ 520 milhões. Em 2017, o orçamento o apontou uma dívida de R$ 385 milhões. Ou seja, um aumento de quase 39%.

Empréstimos

Um dos pontos do novo balanço mostra a movimentação de empréstimos contraídos pelo clube com o Banco BMG. Em 2017, nenhuma operação foi feita com a instituição financeira. Mas em 2018, a administração registrou um débito de quase R$ 34 milhões com juros de 1,34% ao mês.

Os valores com empréstimos e financiamentos até dezembro do ano passado atingiram um montante de R$ 164,8 milhões, com parte desses valores sendo renegociadas pela administração atual.

Revisão de dívidas

O valor total das dívidas com terceiros e outras agremiações do país e também de fora do Brasil passou de R$65,3 milhões em 2017 para R$ 97.068.137,00. Estão somadas nestas cifras débitos com clubes nacionais na ordem de R$ 8,245.326,00, com agremiações internacionais em R$ 58.831.896,00 e com terceiros em R$ 29.989.915,00.


Josias Pereira | @superfcoficial
04/02/20 - 09h08

Em abril do ano passado, o balanço relativo ao ano de 2018 foi aprovado pelas conselheiros do Cruzeiro. O documento foi um dos estopins para a eclosão da crise política, administrativa e financeira que assola o clube, uma vez que não recebeu a aprovação do conselho fiscal. Na ocasião, os responsáveis pelo setor renunciaram. Em pleno 2020, o clube ainda busca a revisão desse documento e a aprovação do mesmo em reunião que será realizada na próxima quinta-feira. No novo balanço existe a correção do débito, que se mostrou muito superior ao apresentado pela antiga gestão, passando de R$ 27.236.795 para R$ 73.816,626, valor 170% superior ao apresentado inicialmente.

Chama a atenção ainda débitos do clube na ordem de R$ 33 milhões apenas em FGTS, além de vencimentos relativos a atletas e funcionários. O levantamento ainda alerta para a dificuldade do Cruzeiro em relação às rescisões em aberto, até dezembro de 2019 em pouco mais de R$ 17 milhões.

O novo documento conta com a revisão e análise de auditores independentes, trabalho executado pela consultoria Oliveira Mendes, e a assinatura de seis membros do conselho fiscal.

A revisão do balanço traz ainda a atualização da dívida total do clube no exercício 2018, agora em R$ 534 milhões. Na apreciação do documento do ano passado, o débito era de R$ 520 milhões. Em 2017, o orçamento o apontou uma dívida de R$ 385 milhões. Ou seja, um aumento de quase 39%.

Empréstimos

Um dos pontos do novo balanço mostra a movimentação de empréstimos contraídos pelo clube com o Banco BMG. Em 2017, nenhuma operação foi feita com a instituição financeira. Mas em 2018, a administração registrou um débito de quase R$ 34 milhões com juros de 1,34% ao mês.

Os valores com empréstimos e financiamentos até dezembro do ano passado atingiram um montante de R$ 164,8 milhões, com parte desses valores sendo renegociadas pela administração atual.

Revisão de dívidas

O valor total das dívidas com terceiros e outras agremiações do país e também de fora do Brasil passou de R$65,3 milhões em 2017 para R$ 97.068.137,00. Estão somadas nestas cifras débitos com clubes nacionais na ordem de R$ 8,245.326,00, com agremiações internacionais em R$ 58.831.896,00 e com terceiros em R$ 29.989.915,00.

Arrascaeta

Outra importante mudança foi a saída da negociação envolvendo Arrascaeta, um dos pontos mais discordantes do balanço aprovado no ano passado. Agora o valor de R$ 44,3 milhões foi subtraído das operações referentes aos direitos econômicos negociados pelo clube em 2018.

Antecipação de receitas

O balanço ainda aponta que o clube antecipou em 2019 pouco mais de R$ 3 milhões em receitas dos direitos de transmissão do Campeonato Mineiro e da Copa do Brasil deste ano.

Profut e dívidas tributárias

O Cruzeiro tem reuniões em Brasília marcadas para esta semana para a renegociação dos valores referentes ao Profut e também a inscrição no Refis, ameaçada, segundo balanço, por causa da inadimplência das obrigações tributárias em 2019. Há um tópico na revisão do levantamento que mostra o clube tendo parte da dívida tributária inscrita para cobrança da Procuradoria da Fazenda Nacional, totalizando um valor possível de execução de R$ 268,6 milhões.

Recomendações

O novo conselho fiscal do Cruzeiro emitiu seu parecer sobre o balanço atentando para despesas elevadas no futebol profissional e intermediações, aumento com endividamento e possibilidade de insolvência, além de ingressos distribuídos e a verificação de todas as antecipações e empréstimos realizados no ano de 2018.

O conselho fiscal ainda pede mudanças no estatuto, solicitando a responsabilização dos dirigentes por gestão irregular ou temerária, bem como medidas judiciais cabíveis contra os gestores para o ressarcimento dos prejuízos causados ao patrimônio do clube. Esses dirigentes ainda ficariam inelegíveis por dez anos para cargos eletivos em qualquer entidade desportiva profissional.

https://www.otempo.com.br/superfc/cr...3-mi-1.2292611

vegetous is offline   Reply With Quote
Responder

Tags
bafail, galo > cuzeiro

Thread Tools

Regras de postagem
Você não pode criar novos tópicos
Você não pode postar
Você não pode enviar anexos
Você não pode editar seus posts

BB code is On
Smilies are On
[IMG] code is On
HTML code is Off

Atalho para Fóruns



O formato de hora é GMT -3. horário: 14:59.


Powered by vBulletin®
Copyright ©2000 - 2020, Jelsoft Enterprises Ltd.
User Alert System provided by Advanced User Tagging (Lite) - vBulletin Mods & Addons Copyright © 2020 DragonByte Technologies Ltd.