Darkside  

Voltar   Darkside > Darkside > Comunidade

Responder
 
Thread Tools
Solluna
Trooper
 

XFIRE ID: o jogo Steam ID: você perdeu
Default Orson Welles, de 1946 pra 2021

09-04-21, 01:09 #1
"Aqui é 'lógic', eu falei essas palavras antes, mas não pelo rádio; Ser nascido livre é nascer em dívida, viver em liberdade sem lutar contra a escravidão é lucrar. Eu vi sulistas que esperam e temem uma revolução negra, Eu não vejo nenhuma finalidade em privar isto de discussão geral. Talvez hajam aqueles dentro dos párias de 10% do povo americano que algum dia irão atacar de volta seus opressores, porém, derrubada esta multidão, outra multidão se levantaria e eu gostaria de perguntar por favor: 'quem derrubaria esta?'

Eu sou um produtor muito bem pago, com plenas razões para alegrar-me e eu o faço, na saudável praticalidade do sistema de lucro, no entanto todo o meu direito de ter mais do que o suficiente, é cancelado se eu não usar este excesso pra ajudar aqueles que tem menos. Eu devo o mesmo lucro que faço, ás pessoas de quem o faço. Se isso é radicalismo, isso vem naturalmente pra maioria de nós no show business, como sendo a geralmente concordado de que qualquer pessoa pública deve sua posição ao público. E é esse significado que eu passo, quando lhes digo que sou seu servo obediente.

Nós devemos a cada dia, merecer o que ganhamos. Uma pessoa saudável deve aos doentes tudo aquilo que ela puder fazer por eles, uma pessoa bem informada deve aos ignorantes tudo aquilo o que ela puder fazer por eles. Uma pessoa livre, deve aos escravos do mundo, tudo aquilo que ela puder fazer por eles, e o que há de ser feito, é mais, muito mais do que caridades, cestas de natal, auxílios e gorjetas, e pães e circos. Só há uma coisa a se fazer com os escravos do mundo: Libertai-vos!.

Se nós não podemos morrer em prol do progresso, podemos viver por ele, por "progresso", nós americanos tendemos ao significado de uma realização mais completa de democracia. a medida do mesmo, como entendemos, é a medida da igualdade aproveitada por toda e cada pessoa, e sobre isso, podemos fazer alguma coisa. Na forma como nossos irmãos e irmãs olharam sobre isso, alguns deles mortos enquanto profiro essas palavras, da forma como eles viram, somos sortudos, e eles estão certos, temos sorte de estarmos vivos, porém somente se nossas vidas fazem a vida em si, algo pelo qual vale-se a pena morrer.

Temos que ser dignos da nossa sorte, ou estaremos condenados, nossas vidas foram poupadas porém isto é meramente o mais tolo dos acidentes, a menos que botemos o dom da vida aos duros encarregamentos da justiça. Se desperdiçarmos este presente não vamos ter nenhum lugar pra nôs escondermos da indignação da história.

Eu quero dizer isto:
A moralidade do bloco de leilões está vencida. Não existe lugar no século americano pra "Jim Crow". A democracia do amanhã discriminará contra a discriminação, seus documentos não incluirão a liberdade para encerrar liberdades. Ódio racial não é a natureza humana, ódio racial é o abandonamento da natureza humana, mas isso é verdade, existem álibis para desculpas fenomenais, econômicas e sociais, entretanto o fato brutal é simplesmente este: Onde o racista coluia aceitavelmente, existe corrupção, os racistas tem que ser parados, os linchamentos precisam ser parados, os assassinatos vindicados. Eu venho no nome daquele menino, e no nome de todos que, nessa nossa terra, não voz por sí próprios. Eu venho com uma chamada a ação, essa é a hora para isto, eu chamo para a ação contra a causa das manifestações. Não vou me surpreender se for acusado em alguns cantos de incitar uma manifestação, e oh, eu sou muito interessado em manifestações, muito interessado em evitá-las, então vôs chamo para a ação contra a causa das mesmas.

Lei é a melhor ação, e a mais decisiva. Está no poder das pessoas, a realização de que o que faz linchamentos e começa guerras, é lidado não por bem intencionados, mas por policiais, e eu quero dizer bons policiais, através de incontáveis gerações. Talvez hajam pessoas que não conseguiram ser desviados de seus vicios fascistas de ódio racial, contudo devemos negar a responsabilidade a estas pessoas, de lidarem com assuntos públicos, exatamente como negamos responsabilidade as miseráveis vítimas do hábito das drogas. Existem leis contra o comércio de drogas, podem existir leis contra a permuta do ódio racial.

"todo mundo tem direito a própria opinião!" como o americano orgulha-se, mas ódio racial não é uma opinião, é uma fobia, não é um ponto de vista porém uma doença. Num mundo de pessoas o racista incurável não tem direitos, ele deve ser deprivado de influência num governo do povo, e segregado, como ele mesmo segregaria as pessoas de cor e semitas.

Qualquer coisa muito grande é muito simples, se existe uma grande pergunta racial, existe uma grande resposta pra ela, e a grande resposta é simples, como a palavra "não". America pode escrever seu nome através desse século, e faze-ló ela irá, se nós pessoas, marrons, negras, e vermelhas, crescermos para a grande ocasião que é a nossa irmandade. Isto demandará coragem, ela chama pelo fazer das grandes causas, o que significa o sonhar dos grandes sonhos. Devolver o mundo de volta para seus habitantes é um trabalho muito grante pros meramente práticos, nenhum de nós vai viver pra ver uma paz sem culpa. Nós lutamos e rezamos e morremos pelo que vai estar aqui quando partirmos, as crianças de nossas crianças, são os ancestrais de um povo livre, para as gerações, a luta vale a pena.

E com isso, significa que meu tempo acabou, e quando meu tempo acaba, eu permaneço como sempre, obedientemente seu. "


Orson Welles, 1946 (tradução livre, por mim mesmo)






Last edited by Solluna; 09-04-21 at 01:31..
Solluna is offline   Reply With Quote
serjaum
Master Chief
 

Gamertag: serjaum
09-04-21, 11:19 #2
carai oh o tamanho do texto

serjaum is offline   Reply With Quote
WaR WoLf
Trooper
 

09-04-21, 14:27 #3
Um belo texto. E por ele compreendemos como é intransponível algumas condições do homem e da sociedade. Lembrando que o conceito da identidade universal do homem se deu pela primeira vez na filosofia de Santo Agostinho que propôs a lógica: se Deus ama os homens, todos os homens são iguais no amor de Deus. Logo todo homem é igual.

Isso foi em 350 a 400 DC. Trata-se de um marco porque foi a primeira vez que a humanidade passou a se entender por uma identidade única. Esse conceito inexistia antes. Seja no ocidente ou em em qualquer outro povo sempre prevaleceu a ideia de predestinação ou casta: havia o humano inferior - destinado à servidão ou ao trabalho escravo - e o nobre e o rei ou o chefe da tribo. Cada qual nascia marcado, predestinado à sua condição.

Entre 1946 de Orson Welles foram e Agostinho de Hipona são 1.546 passados, para 2021 são 1.621 anos. Se adotarmos que uma geração dura 40 anos, foram 41 gerações tentando resolver o problema da igualdade de identidade universal humana sem sucesso.

Agora imaginem o tempo para solucionar o problema da igualdade social que passou a ser contextualizada em 1.880. No texto o Welles cita como bem-aventurada sorte.

WaR WoLf is offline   Reply With Quote
Responder

Thread Tools

Regras de postagem
Você não pode criar novos tópicos
Você não pode postar
Você não pode enviar anexos
Você não pode editar seus posts

BB code is On
Smilies are On
[IMG] code is On
HTML code is Off

Atalho para Fóruns



O formato de hora é GMT -3. horário: 11:09.


Powered by vBulletin®
Copyright ©2000 - 2021, Jelsoft Enterprises Ltd.
User Alert System provided by Advanced User Tagging (Lite) - vBulletin Mods & Addons Copyright © 2021 DragonByte Technologies Ltd.