Darkside  

Voltar   Darkside > Darkside > Comunidade

Responder
 
Thread Tools
_j5
Quagmire
 

17-01-16, 20:00 #76
EviL, particularmente concordo plenamente na utilidade de medicação em um caso como esse, me parece até um caso de esquizofrenia ou qualquer outro caso grave psiquiátrico somatizado a este citado.

Só achei muito falho teu comentário falando na possibilidade de alguém falou alguma coisa pra ela, aí o prejulgamento é no mínimo equivocado, me lembra até uma visão "paternalista" sobre a responsabilidade de um indivíduo adulto sobre suas próprias ações.

Vai saber o que ocorreu REALMENTE no dia, vai saber o que uma mulher destas tinha com o pai, vai saber quem é o pai no caso, vai saber como foi o efeito do corte total dos remédios repentinamente, vai entender o grau de dependência que essa pessoa desenvolveu, não dá pra criar qualquer análise sobre isso sem estar envolvido diretamente com a intimidade desta pessoa e de sua família.

Por sinal é relativamente comum o uso indiscriminado de medicamentos pelo SUS (até pelo volume de pacientes que se atende), sem atentar para a causa raiz dos problemas, tenho um caso psiquiátrico muito próximo na familia envolvendo depressão e bipolaridade, onde chegou a tomar mais de 20 comprimidos por dia, nem vou dizer como era esta pessoa nesta época mas posso resumir em um zumbi ambulante. Se eu tiver saco um dia pego a lista de remédios que esta pessoa tomava, era simplesmente loucura.

Apesar de pequenas sequelas, atualmente toma se não me engano são 4 comprimidos (já é uma pessoa com idade avançada com desfunção química cerebral), melhorias atingidas após muita terapia e principalmente força de vontade para promover mudanças comportamentais.

Sobre ouvir vozes, (sempre respeitando que cada caso é um caso, ou seja, não estou dizendo que se aplica com o assunto citado por ti), veja como seu cérebre colega da USP complementa com possibilidades:

http://jornalmexa-se.com.br/index.ph...piritualidade/.

Mais uma referência: http://www.scielo.br/pdf/rbp/v33s1/04.pdf.






Last edited by _j5; 17-01-16 at 20:06..
_j5 is offline   Reply With Quote
NITRO
Trooper
 

17-01-16, 20:23 #77
Quote:
Postado por EviLBraiN Mostrar Post
...Trata pelo SUS, toma 5 comprimidos de um antidepressivo e 4 de outro. Tava estável. Parou de tomar os remédios ( não sei pq ainda ), entrou num quadro bem grave, só na cama, sem viver... Família preocupada mas observando.


Aí se ela fez isso pq algum mongolóide falou que remédio não era coisa boa e por isso que ela parou, pensa na merda e na consequência que falar merda sobre o que não sabe pode gerar...
O pastor chegou e falou "larga os remédios", tenha fé, reze conosco e pague o dízimo.
Depois quando ela se ligar na besteira que fez volta pra igreja e pede perdão pelos erros.

NITRO is offline   Reply With Quote
Ice
Trooper
 

17-01-16, 20:54 #78
Topei já com um número expressivo de pacientes diagnosticados como deprimidos e posso afirmar: não há uma estrutura definida para esse diagnóstico. Sim, o conjunto de sintomas pode ser exatamente igual em diversos casos, porém a estrutura que liga esse conjunto de comportamentos e sensações é extremamente variada. Creio que posso definir algumas mais comuns e pensar a eficácia de uma terapia ou análise nesses casos. Vou inventar terminologias – porém se alguém se interessar pelo assunto posso encaminhar em private alguns artigos que embasam minha escrita. Vamos lá:

1- O Deprimido Zodiacal: Então, essa estrutura eu posso afirmar como sendo a mais difícil para o terapeuta. É aquele paciente que, já no primeiro encontro, define-se em um sonoro e audível: “sou deprimido”. A depressão é utilizada como uma insígnia para se representar para o outro. Assim como o signo do zodíaco, esse tipo de sujeito – seja homem ou mulher – encontra no diagnóstico de depressão uma panaceia capaz de explicar qualquer desconforto. Para aqueles que tem filhos, a estrutura é exatamente igual ao choro dos primeiros anos de vida: a criança sente um desconforto físico, emite um grito, e somente mediante a interpretação dos pais que aquela incomodação corpórea adquire um significado. Este “tipo” de deprimido clama por esse significado. Pede insistentemente que um outro venha nomear a sua dor.

Por que isso acontece?

Imagina o seguinte: o sujeito passa vinte anos de sua vida com a mesma mulher. Sempre que ele fica doente, ela dá o tylenol. Acontece algum imprevisto no emprego, lá está ela para explicar e dar um significado para a ocorrência. Sente-se feio? Novamente a presença dela o conforta falando sobre suas qualidade. Imagine se essa mulher morre subitamente? A ausência dessa pessoa significando sua dor leva-o a colar-se a um sentido pronto. Afinal, se minha dor tem um nome, posso tratá-la.

Por que esse tipo de caso é difícil para o terapeuta?

Principalmente os mais jovens estão sempre ávidos por mostrar as coisas que aprenderam. Esses pacientes chegam com uma versão sua sobre o que seria o diagnóstico – na maior parte das vezes equivocada. Cabe ao terapeuta entender a função que o “ser deprimido” exerce para aquele sujeito e trabalhar com isso. Parece óbvio, mas não é.
A segunda dificuldade é em um segundo momento da terapia. Esse paciente, da mesma forma que implorou para o psiquiatra um sentido para o seu sofrimento, irá demandar de ti a mesma coisa. Aceitar essa demanda estraga completamente uma terapia. São aqueles casos que a gente escuta: “meu psicólogo disse para eu fazer isso..” ou “meu psicólogo disse que sou assim..”. Suspender em si a vontade de ofertar um sentido não é fácil.

Mas afinal, por que essa posição atrapalha um tratamento?

Por que como todos os humanos somos falhos. No momento que oferecemos um significado quando demandados também estamos apontando a possibilidade de uma queda dessa posição de saber. Assim que o paciente apresentar alguma melhora – isso é, não precisar tanto apresentar-se ao outro utilizando uma alcunha patológica -, irá dinamitar o saber em ti suposto. Acaba o tratamento com uma cura incompleta – afinal, como continuar indo ao psicólogo se a gente crê que ele nada sabe sobre nós?

Embora a palavra que utilizei “zodiacal” possa parecer risível, cabe lembrar que esses casos podem ser de extrema gravidade. Embora meu relato possa parecer como uma patologia mais comum ao campo do feminino, ela atinge igualmente ambos os sexos.

2- O Deprimido Kafkaniano:

Ice is offline   Reply With Quote
EviLBraiN
Trooper
 

17-01-16, 21:03 #79
Cara, eu dei um exemplo concreto sobre o que pode sair de resultado de se falar pra pessoas não usarem medicação. No próprio post falei que ainda não sei pq esta pct citada parou. Vc q não quis entender o que está escrito e supôs que eu acredito que mandaram ela parar.

Vc fala que pra vc parece esquizofrenia ou "um quadro grave psiquiátrico somatizado" somados com um quadro depressivo. Não entrando no mérito que claramente você não sabe sobre diagnóstico pois vc cita coisa impossível, eu já havia dito que era pura depressão na sua forma mais grave.

Você fala: lembra até uma visão "paternalista" sobre a responsabilidade de um indivíduo adulto sobre suas próprias ações.

Então se é assim mesmo, esta paciente vai sair do hospital e vai responder na justiça pelo ato que cometeu possivelmente será presa. Afinal ela é adulta e responsável pelas suas ações.

Que tal perguntar pra um advogado sobre imputabilidade e doença mental ?

Você já falou antes dessa sua visão que cada um é adulto e responsável sobre si a ponto que o que outros dizem não influencia nada. Só mostra o quão pouco você tem de experiencia com psiquiatria.

Tratamento pelo SUS não serve de exemplo pra nada a não ser provar que o sus é uma bosta. Teu conhecido ter sido mal tratado no sus não tem nada a ver com a psiquiatria ou a psicologia serem uma bosta. Falta tempo, falta remédios, faltam psiquiatras e psicólogos. Arrisco dizer que ele SÓ foi mal tratado porque justamente FALTOU uma psiquiatria bem aplicada.

Sobre as vozes. Cara, desculpa a prepotência mas eu conheço a minha profissão.

Diagnóstico é justamente do psiquiatra e não de outros profissionais. Como eu falei, quem erra diagnóstico erra tratamento.

É obvio que se a pessoa ouve vozes vc vai fazer toda uma investigação sobre isso. Se isto faz ou não parte das crenças desse paciente. O conteúdo dessa voz, se o pct possui crítica sobre ou não.

É obvio que é totalmente diferente estes dois cenários:

- Uma pessoa que participa de algum "tipo" de religião onde se acredita e se estimula contato com espíritos, diz que conversa com um espírito e ele aconselha coisas boas, que seja paciente, perdoe e bla bla bla...

- Uma pessoa que é ateu, não acredita em nada de espiritos. Ouve uma voz que manda ele matar certa pessoa. Ele não acha que isto é doença, acha que ele deve sim fazer pois é a única forma de parar a voz. ( sim, sintomas psicóticos não possuem lógica e vc não vai nunca conseguir argumentar logicamente com uma alucinação. Faz toda diferença do mundo tb a pessoa achar que a voz está certa ou errada, os dois casos existem )

Qualquer psiquiatra não vai medicar o primeiro caso e vai medicar o segundo. Isso é básico.


Os dois links q vc postou só corroboram o que eu falei ( e por sinal já conhecia ambos sim ). Existem casos que não seria psicose, que seriam outras coisas. E eu estou justamente falando do PERIGO de se tender a achar que é outra coisa. Porque se for psicose, você fará uma merda grande acontecer. Falo isso pra vc no sentido: quem avisa amigo é. A última coisa que quero é que algo assim aconteça pra vc. Então faça amizade com algum psiquiatra que você considere que seja bom, e aí manda pra ele avaliar os casos q vc acha que o diagnóstico ou tratamento estejam errados. Não assuma uma função que você não é habilitado para fazer.

EviLBraiN is offline   Reply With Quote
Ice
Trooper
 

17-01-16, 21:23 #80
2- O Deprimido Kafkaniano.
Este paciente pode ser difícil e fácil – exatamente ao mesmo tempo. Ambas alternativas não são interessantes: proponho, sobretudo um outro caminho de tratamento que vou explicitar mais adiante.

Esta estrutura em particular não suporta absolutamente qualquer demanda a ele endereçada. É como se cada pequena coisa que a vida o obriga de alguma forma a fazer entrasse em metonímia com um gigante capaz de devorá-lo.

Lembram o que é metonímia? A imagem mais clássica é aquela: sempre que vemos no horizonte do oceano uma vela já pressupomos a existência de um barco. A vela liga-se de alguma forma ao elemento barco. Neste deprimido acontece exatamente a mesma operação. É como se cada pequena tarefa, cada momento em que ele interpreta-se como demandado, estivesse intimamente ligado à um gigante invencível.

Atrás desse sujeito, em sua criação, encontramos usualmente duas origens para esse sintoma: um pai ou mãe que, inseguros de sua própria potência e temendo serem superados pelo rebento, precisam incansavelmente esfregar seus méritos por sobre o sujeito. É como se eles se pintassem como figuras grandiosas e inatingíveis – o paciente se vê colocado frente a uma tarefa impossível de equivaler-se a esses.

A segunda origem são crianças que foram investidas por demais com uma demanda de afeto. São as famosas “crianças índigo”: seres pintados como extraordinários, capazes de feitos enormes. Imagine se a tarefa que te é investida como objetivo de vida é mudar toda humanidade? Certamente essa história pode exercer o mesmo peso do pai – gigante. Obviamente essa origem não precisa necessariamente estar circunscrita pelo mito índigo. Imagine aquele filho nascido após outros 3 bebês natimortos. Normalmente ele será encarregado de concretizar todas as outras esperanças depositadas em seus falecidos irmãos.

Lembram da ideia da metonímia? Então. Para esses sujeitos, cada pequena tarefa – escovar os dentes, por exemplo - está em metonímia com esse gigante em suas costas. É contra ele que o sujeito se vê frente a frente em seu quotidiano. E, paralelamente, é essa posição que ele vai demandar do terapeuta.

Quando em terapia, esses sujeitos tendem à quietude. É quase como um teste: “será que tu, terapeuta, irás também encarnar esse gigante?” As falas normalmente tangem o campo das suas “incapacidades”; ele lista durante o encontro todas as coisas que ele tentou fazer e que deram errado. A terapia se perde exatamente no momento em que o terapeuta cai na posição “palpiteira”. Algo do tipo: “por que tu não fez isso?” ou “por que tu não fez aquilo?”. Este tipo de fala é completamente inútil e só reforçam a inibição apresentada.

Comentei no início que esse tipo de paciente pode ser simultaneamente fácil e difícil. Então, depende da posição daquele que escuta: será difícil se tu ocupar a posição do palpiteiro e fácil se tu tamponar essa fala – não fazendo absolutamente nada e extorquindo o paciente em última instância. Qual o outro caminho que proponho? Tentar construir outros espaços de fala. Explico.

(modifico aqui alguns elementos do caso; queria colocar aquele negócio de spoiler mas não sei fazer isso)

Alguns anos atrás atendi um paciente que por três meses a sua única ação era essa: ele chegava, sentava na poltrona, me olhava e dormia. Três meses repetindo isso. Pagava com regularidade e não respondia a absolutamente nada que perguntasse – era como se meu consultório fosse um hotel. Acreditem, isso produz desconforto no terapeuta. Eu passei a levar esse caso para a cama comigo – todos os dias antes de dormir acaba pensando nesse paciente. Certo dia me bateu uma ideia diferente: retirei a poltrona em que ele sentava e preparei uma “cama” para ele no meu divã: estendi uma coberta e coloquei um travesseiro. O efeito foi surpreendente: ele deitou, atirou o travesseiro longe e começou de fato a falar o motivo dele vir até mim.

Então, o que esse paciente me ensinou?

Ele vivia todos os dias lado a lado com o seu gigante. Essa figura, para ele, jamais o deixava quieto: permanentemente esfregava em sua cara suas falhas. Chegar em meu consultório e dormir era a forma dele de falar o que ele queria naquele espaço: autorizar-se a ocupar uma posição diferente frente ao gigante. Meu ato foi o reconhecimento que possibilitou um deslocamento para outro lugar. Os efeitos foram interessantes – atualmente esse sujeito casou e está com um filho de 2 meses; conseguiu passar em um concurso e se descreve como feliz.

3- O paciente dos M&M’S

Ice is offline   Reply With Quote
Ice
Trooper
 

17-01-16, 21:24 #81
(Devo continuar? to escrevendo isso agora; não sei se é do interesse do povo aqui)

Ice is offline   Reply With Quote
EviLBraiN
Trooper
 

17-01-16, 21:30 #82
Eu acho bem interessante.

Só coloque que vc é psicólogo, se fez alguma pós, q linha q segue... Pelo visto psicanálise né.

Eu acho válido. Quem ler aqui já vai saber mais ou menos como seria um tratamento com um psiquiatra. Como seria com um psicólogo da linha da psicanálise. Etc... Pode ajudar a nortear pessoas no futuro.

( volta e meia recebo alguma mensagem privada pedindo direções sobre tratamento e tal... )

spoiler é assim: escreva [spoiler]aí escreve o que vc quer escrever e que ficará escondido e termina com{/spoiler} ( trocando as { por [

EviLBraiN is offline   Reply With Quote
Ice
Trooper
 

17-01-16, 21:38 #83
Sou psicólogo e psicanalista.
Não sou muito fã de definir orientações teóricas quando se trata de psicanálise, porém minha formação foi centrada em Lacan.

Ice is offline   Reply With Quote
roadster
Banned
 

Default Depressão

18-01-16, 08:20 #84
A mina mato o pai por causa da abstinência do remédio Q ela tava viciada não pq ela sofre de depresao
Fala sério eh muito burro nossa senhora

Tudo dá pra ser tratado de forma natural ou meditação sei lá qualquer merda remédio só piora a situação ou deixa a pessoa dopada não curada
Tratar e curar eh uma coisa muito longe do Q a profissão de medicina faz até pq se ela curar todo mundo não vai ter emprego o negócio da medicina eh deixar as pessoas doentes e isso se faz dando remédios
Tola a pessoa Q entra pra esse mercado achando Q está fazendo o bem.... Tá fazendo o bem pra ele próprio só né a Mercedes do patrick Q nos diga

Os índios e as tribos espalhadas pelo mundo Q vivem muito bem sem vcs manda abraços


Last edited by roadster; 18-01-16 at 08:28..
roadster is offline   Reply With Quote
roadster
Banned
 

Default Depressão

18-01-16, 08:34 #85
Só existe uma cura pra depressão, natureza.
Logo não tem como curar a depressão na cidade

Pega o ser e leva pro meio do mato, deixa uma semana lá vendo o por do sol nadando no rio brincando com os bixo rolando na grama...depois pergunta se o filho da puta da deprimido
Agora volta ele pra cidade não tem como ficar bao o máximo Q da pra fazer se a pessoa não tem uma mente forte eh viver dopado mesmo
Rivotril neles!!!

roadster is offline   Reply With Quote
yahoo!?
Trooper
 

Steam ID: STEAM_0:0:3711915
18-01-16, 11:47 #86
Porra roadster, generalizar é sempre um idiotice que deve ser evitada.

Tem muito médico sem-vergonha, como tem muito médico que ama a profissão e faz pelo bem da humanidade.

Assim como tem maconheiro que só fala e faz bosta, e maconheiro que tem idéias e atitudes geniais.

Isso vem do caráter, ética, moral, valores e virtudes da pessoa.

É igual mecanico e loja de computador, tem tanto filho da puta que quer trocar o carro inteiro e o pc inteiro de cliente só para enganar o cliente e tirar uma grana dele por causa de um parafuso, que o honesto que fala que foi só um parafuso, fica rico por ser honesto e ganha mais clientes e indicações.

yahoo!? is offline   Reply With Quote
_j5
Quagmire
 

18-01-16, 17:15 #87
EviL,

Percebi que infelizmente não consigo trocar experiências contigo, percebi agora mais claramente com tudo isso que você falou. Conhece a fábula chinesa da xícara cheia ? É mais ou menos como eu resumo a tua postura, não há espaço.

Prefiro interpretar questões como a da responsabilidade como um simples fato de entender errado o que eu quis passar, assim consigo manter o respeito pelas obviedades que disses.

Sobre as vozes, a decisão de tratamento de um ateu em relação a alguém "religioso", quando se trata num segundo caso ou não - mostra novamente uma visão limitada de um todo (estou sendo pra não usar um adjetivo diferente), como se espiritualidade fosse algo baseado somente em fé - só acontece com quem acredita.

Você realmente conhece muito da sua profissão, tanto que aprendi bastante coisa lendo o que escreves, só que infelizmente você só entende do seu ponto de vista, daquilo que você já aprendeu, logo todo ponto de vista que questiona alguns paradigmas nunca vai fazer sentido.

Tenho certeza que sua especialização vai passar por grandes reformulações nos próximos 30 anos, até lá espero que você aprenda com a história da sua área e perceba que seu conhecimento é algo temporal, como tudo na vida, evolui, se modifica, se descarta para se criar novas realidades, todas estas suas certezas serão postas a prova e muitas delas vão cair.

_j5 is offline   Reply With Quote
_j5
Quagmire
 

18-01-16, 17:17 #88
Depois eu leio tudo que tu escreveu Ice, muita coisa agora :*

_j5 is offline   Reply With Quote
marconds
PHD em Dota 2
 

20-01-16, 07:46 #89
merda, vou ter que parar o carregamento no xvideos pra ler...

marconds is offline   Reply With Quote
Blazed
Trooper
 

20-01-16, 10:20 #90
meu xvideos tem dia que buga, internet gvt

Blazed is offline   Reply With Quote
_j5
Quagmire
 

20-01-16, 19:46 #91
Ice,

Li tudo agora, achei bem legal a descrição dos casos, podes descrever mais viu ?

Inclusive no caso dos M&Ms eu me identifiquei muito em algumas situações, principalmente a citação do filho criado para ser "notável". Achei muito massa a sua sacada de botar uma cama pro seu paciente hehehe...

Engraçado como a criação forma um indivíduo, em tratamento consegui identificar estes momentos e começar um trabalho persistente de resignificação, além das muitas conversas em terapia, uma das ferramentas que eu mais senti efeito foi a hipnose. As principais melhorias ocorreram em um período distribuído em 6 meses aproximadamente, caindo ficha-a-ficha, uma por vez (cai fichas até hoje, claro)

Consequentemente, minha ansiedade e stress diminuiram drasticamente, melhorei minha imunidade, além de uma realização profissional muito maior.

Este ano que passou trabalhei mais questões de auto-estima que poderiam ser melhoradas... agora estou em um período "tipo de" férias do auto-conhecimento, mas logo logo aparece novas necessidades de reformulação...

_j5 is offline   Reply With Quote
roadster
Banned
 

20-01-16, 23:41 #92
Carai o j5 falo tudo Q eu sempre falei do evil mas eu resumia falando q ele eh uma anta apenas
Vê se aprende q a maconha está aqui pra te ajuda

roadster is offline   Reply With Quote
_j5
Quagmire
 

21-01-16, 09:51 #93
partiu F1 road...

Já aprendi faz tempo

_j5 is offline   Reply With Quote
EviLBraiN
Trooper
 

23-01-16, 09:50 #94
@_j5;

Estava dando uma estudada em uns aspectos hoje e lembrei de você. Artigos pesquisando o efeito placebo. O efeito placebo é alto na medicina como um todo. Muita gente melhora. E ao contrário do que alguns pensam que é uma FALSA melhora, não, é apenas uma melhora por mecanismos DIFERENTES. E existe gente que tenta estudar e entender como essa melhora se dá.

Vou citar os artigos que li, são complexos mas caso queira dar uma olhada:

http://ajp.psychiatryonline.org/doi/...006.163.8.1426

http://ajp.psychiatryonline.org/doi/....ajp.159.1.122

Deste segundo eu destacaria a frase: "Brain physiology in placebo responders was altered in a different manner than in the medication responders."


Então de forma básica, se vc analisa o cérebro das pessoas que melhoraram apenas com o uso de placebo, você vê que as modificações cerebrais foram em áreas diferentes das modificações das pessoas que melhoraram com medicação.

Na minha opinião isso explica muito esses vieses de interpretação que vemos de leigos falando sobre tratamentos psiquiátricos. Isto de, tomou medicação e não melhorou, fez o tratamento alternativo x e melhorou.

Possivelmente são áreas diferentes do cérebro. O tratamento alternativo melhorou uma área que a medicação realmente não atua. Entretanto onde a medicação atua o tratamento alternativo não atua.

Este tipo de estudo mostra que o futuro com certeza é abraçar todas essas áreas como tratamento. Não sendo elas excludentes. Não é tome só remédio e mais nada. Nem, faça só o tratamento alternativo e não tome remédio.


Agora biologicamente falando, é possível que no futuro se chegue em um medicamento que vá atuar em todas as áreas necessárias. Só questão de se seguir pesquisando e aprimorando. Mas com ctz estamos longe disto.

EviLBraiN is offline   Reply With Quote
_j5
Quagmire
 

26-01-16, 00:57 #95
Concordo plenamente na questão do placebo quando se trabalha com um indivíduo que acredita (como se diz a auto sugestão), pois realmente funciona e é válido. Pra mim não interessa o método necessariamente, interessa o resultado e neste sentido acho muito válido esta pesquisa.

Agora, tudo que ainda não se explica ou não está dentro da "ordem científica tradicional" - vira placebo, aí pra mim cai na ciência pragmática, limitada, absolutista, presa ao materialismo.

Temos uma grande diferença de pensamento no que refere-se Depressão em si e principalmente o tratamento medicamentoso, eu já acredito que o futuro está em não se usar mais medicamento como tratamento comum, somente como ação para uma situação emergencial/gravíssima (sempre temporária) ou algum caso de desfunção química cerebral (lítio e afins).

Como seguimos linhas de pensamento muiiiito diferentes, acredito que não temos como compartilhar um aprendizado mútuo, respeito seu conhecimento, me desculpe se meu julgamento for completamente falho, mas pra ti parece que não existe alma, espírito, não existe nada mais sábio que a ciência atual, somos frutos de uma grande explosão através do nada, resultado de uma coincidência infinitamente improvável onde não há sentido em nossa existência, simplesmente estamos aqui e logo não mais existiremos.

Apesar de eu acreditar também no ponto de vista materialista (Um dos pontos de vista) e apostar muito na ciência (inclusive acompanho diariamente algumas fontes de novidades) já acredito em algum propósito nisso tudo, na nossa existência, não acredito em casualidade, acredito que ainda não temos inteligência intelectual como seres para compreender a realidade mais ampla do nosso universo, acredito que o nosso compreendimento atual é extremamente limitado e que viveremos ainda algumas centenas de anos antes de desvendar algo de concreto (isso se formos dignos de sobrevivência).

Podes me considerar uma espécie de agnóstico, se assim preferir.

_j5 is offline   Reply With Quote
EviLBraiN
Trooper
 

21-12-16, 19:08 #96
UPPP - Sem relação com os post anteriores do topic.


Vi um vídeo bacana sobre depressão vs tristeza. Fica o link:


EviLBraiN is offline   Reply With Quote
punisher
spkr
 

21-12-16, 20:24 #97
Quote:
Postado por punisher Mostrar Post
eu gostei do vídeo, achei interessante a palestra e me identifiquei com algumas partes por ter passado por um período bem difícil

hoje eu respeito e muito essa doença, e só consigo imaginar o quão difícil é a vida das pessoas que convivem com ela permanentemente
heh engraçado ler isso, não lembrava desse comentário

fui diagnosticado com transtorno depressivo maior em 2013, mais ou menos meio ano antes desse post
tomei wellbutrin xl por uns 3 meses, comecei a me sentir muito bem, parei de tomar e ir ao psiquiatra
foi só um momento difícil eu pensei

hoje sou diagnosticado com transtorno bipolar tipo 2 e não posso ficar sem lítio

é preciso que se fale mais abertamente sobre distúrbios mentais, a falta de diálogo e informação fere e muito pessoas que passam por isso

sejam menos belicosos pra lidar com esse assunto, por favor, é bem difícil pra quem sofre

bjs and stay safe kids

punisher is offline   Reply With Quote
punisher
spkr
 

21-12-16, 20:29 #98
btw se você passa ou acha que pode estar passando por isso, leia este livro

 

punisher is offline   Reply With Quote
Zedd
Trooper
 

21-12-16, 20:53 #99
punisher, na epoca em que vc ficou pior vc era sedentario?

Zedd is offline   Reply With Quote
punisher
spkr
 

21-12-16, 21:00 #100
qual delas? rs
depressão ou mania?

antes do meu último período depressivo, que foi o pior, eu estava indo regularmente na academia e andando de skate

punisher is offline   Reply With Quote
EviLBraiN
Trooper
 

22-12-16, 08:27 #101
Quote:
Postado por punisher Mostrar Post
btw se você passa ou acha que pode estar passando por isso, leia este livro

[IMAGEM]
Ótimo livro. É uma psiquiatra que sofre de transtorno bipolar e escreve sobre as oscilações de humor.

EviLBraiN is offline   Reply With Quote
punisher
spkr
 

22-12-16, 12:13 #102
Esse livro me ajudou imensamente a entender e lidar com minha condição, agradeci tanto meu psiquiatra por ter me indicado

Além dela ser psiquiatra e bipolar ela é uma das mais importantes pesquisadoras de doença maníaco-depressiva, essa mulher é um mito.

Quote:
After several years as a tenured professor at UCLA, Jamison was offered a tenured post as Professor of Psychiatry at the Johns Hopkins University School of Medicine, perhaps the first time such a post had been offered to a psychologist.
Agora to pra ler o Nothing Was the Same, dela também.

punisher is offline   Reply With Quote
EviLBraiN
Trooper
 

22-12-16, 13:34 #103
Psicóloga então. Achei q era psiquiatra.

EviLBraiN is offline   Reply With Quote
punisher
spkr
 

22-12-16, 13:43 #104
ops, sim, eu colei esse quote justamente pra enfatizar que ela virou tenure de psiquiatria no Johns Hopkins sendo psicóloga, e escrevi psiquiatra em cima

é muito psi

punisher is offline   Reply With Quote
Kensha
Trooper
 

Gamertag: ksnrodrigoms PSN ID: rodrigo_machado
Default Depressão

26-12-16, 06:45 #105
Quote:
Postado por punisher Mostrar Post
ops, sim, eu colei esse quote justamente pra enfatizar que ela virou tenure de psiquiatria no Johns Hopkins sendo psicóloga, e escrevi psiquiatra em cima

é muito psi


Opa Opa! Curti a idéia do livro, aceito de presente hauahaua ♥️♥️

Kensha is offline   Reply With Quote
yahoo!?
Trooper
 

Steam ID: STEAM_0:0:3711915
26-12-16, 09:32 #106
Usando o exemplo da menina que esfaqueou o pai, dito pelo EvilBrain, meu diagnóstico seria assim:

Se uma pessoa em depressão que começa a ter pensamentos (vozes) que ordenam a querer matar o pai, é porque talvez esse pai seja o motivo da depressão.

Não que o pai tenha feito algo, mas na fantasia da pessoa, o pai deve ser morto, e em suma, nessa forma de expressão, o pai pode ser é um significante no qual a pessoa deposita seu estado depressivo, e para sair dele, tem que matar o pai. E quando digo pai, não precisa ser necessariamente o seu próprio pai, mas qualquer figura masculina que represente um pai para ela.

Se a pessoa ao matar o pai e resolvesse a depressão, é porque o pai é o trauma.

A linguagem expressa a repressão inconsciente

Por iso que eu digo que não adianta apenas medicar e chutar a hipotese do caso, tem que investigar, questionar e buscar informações e comparar-las para chegar num diagnóstico psiquico.

yahoo!? is offline   Reply With Quote
Kensha
Trooper
 

Gamertag: ksnrodrigoms PSN ID: rodrigo_machado
26-12-16, 12:09 #107
Pergunta de quem nao tem conhecimento. Depressao faz ouvir vozes? Isso nao eh um sintoma de esquizofrenia?

Kensha is offline   Reply With Quote
punisher
spkr
 

26-12-16, 13:40 #108
no meu limitado conhecimento psicose não é comumente comorbidade com transtorno depressivo maior

mas pode ser parte de outros disturbios mentais que não esquizofrenia, e transtorno bipolar (tipo 1) é um deles

punisher is offline   Reply With Quote
yahoo!?
Trooper
 

Steam ID: STEAM_0:0:3711915
26-12-16, 15:20 #109
Depende do que voce entende por ouvir vozes...

Falar sozinho é considerado doença? Mas quem nunca exclamou, perguntou-se ou falou algo sozinho, sem a presença de ninguém ou direcionado a ninguém.

No caso da menina ai que disse, o ouvir vozes pode se aplicar sim, no caso refrações de memórias de palavras agressivas podem ser consideradas "vozes"...

Tipo, a menina pode lembrar do pai xingando ela, e aquela lembrança é auditiva também. Então o que deveria ser pensamento se torna uma voz, algo que ela não percebe vindo dela, vem do seu inconsciente.

A vontade de matar o pai é o reflexo disso. A ação de esfaquear o pai é a consequencia dela ter alimentado alguma raiva do pai, ou de algo sobre o pai.

E ISSO NAO QUER DIZER QUE O PAI TENHA FEITO ALGO... PODE SER PURA FANTASIA DA MENINA.

Se a menina tivesse esfaqueado o amigo da escola, o foco seria outro.


não sei se deu pra entender...

yahoo!? is offline   Reply With Quote
yahoo!?
Trooper
 

Steam ID: STEAM_0:0:3711915
26-12-16, 15:30 #110
Exemplo keshin, eu escutei vozes durante 7 anos, voce deve saber pq jah postei sobre na DS.

Mas o que eu escutava, nunca foi falado para mim na realidade. Por exemplo, ninguém em toda minha memória desde a infancia, tem alguma situação que alguém chegou a falou que eu era o Messias.

Dae as vozes me torturavam em falar que eu era o Messias, que eu tinha que salvar o mundo. E eu ficava em choque, em estados de desespero horriveis, porque se eu fosse o Messias, eu seria Jesus, e se vozes tão me chamando de Jesus, quem Alexandre sou eu?

Entende? Eu entrei em confusão mental porque eu não via aquilo que as vozes falavam, eu consegui "voltar" ou "curar" tudo isso porque EU, alexandre, não acreditava nas vozes.

Diferente de alguém que ACREDITA nas vozes, não fica confuso, ou em conflito, porque ele segue as ordens das vozes como se fossem espiritos mentores ou guias estimulados por uma cultura que acredita em espiritos que se comunicam conosco.

No caso, as minhas vozes eram mais filosóficas do que algo "macabro". Então, também não existe um padrão de diagnostico de esquizofrenia.

yahoo!? is offline   Reply With Quote
EviLBraiN
Trooper
 

26-12-16, 17:48 #111
Quote:
Postado por Kensha Mostrar Post
Pergunta de quem nao tem conhecimento. Depressao faz ouvir vozes? Isso nao eh um sintoma de esquizofrenia?
O quadro mais grave da depressão pode acontecer com sintomas psicóticos. Alucinações ou delírios. Na classificação internacional de doenças ( Cid) seria o F32.3

Entao é uma situação não tão comum mas conhecida o suficiente para estar nos manuais diagnósticos.

Tem q tomar muito cuidado pq saúde mental, pra quem não é profissional da área pode-se confundir muita coisa.

Confundem conceitos da antiga psicanálise com os da psiquiatria. Q foi a minha grande discussão com o j5. Baseado e conhecimentos de coach e espiritualidade ele queria explicar e propor tratamentos de doenças psiquiátricas.

O Yahoo tende a fazer a mesma salada. Como ele mesmo citou, ele já fez topic explicando a posição/situação dele. É só dar search.

O q eu falar aqui é sempre o ponto de vista da especialidade médica psiquiatria.

É como tratar um entorse de tornozelo com ortopedista, fisioterapeuta, quiropata... Cada um vê de uma forma.

Por isso sempre insisto que cada que quiser dar explicações, explique de onde tirou seus conhecimentos. Sem preconceitos, só pro leitor saber e poder separar a visão de cada tipo de profissional.

EviLBraiN is offline   Reply With Quote
yahoo!?
Trooper
 

Steam ID: STEAM_0:0:3711915
26-12-16, 18:20 #112
Apenas defendo a visão de que o ser humano não é apenas um ser bio-quimico, mas um ser de desejo, de frustração, de angustia, e PRINCIPALMENTE de linguagem também.

O cara pode ficar em depressão a vida toda por entender que a vida acaba (morte) e que não tem nada depois dela. Dae vem um padre e ameniza sua dor dando lhe esperança em uma religião que diz que tem vida após a morte. O cara sai da depressão. Porém esse exemplo é muito banal e as vezes sair da depressão é fácil assim.

O cara nasce milhonário e numa aposta de empreendimento perde tudo, entra em depressão porque não é mais milhonário, perdeu tudo. É fácil para quem está de fora dizer que isso é FRESCURA.

Mas o cara tinha um sonho, um empreendimento, realizar aquilo e fazer funcionar era seu desejo. O Desejo vira frustração, ele não consegue lidar com a auto-punição de se culpar por ter perdido tudo.

Entrar em depressão é um piscar de olhos, sair de uma condição depressiva é uma eternidade.

As vezes uma pessoa pode entrar em depressão porque não aceita o luto do familiar que morreu.

Cara... são tantas as hipóteses que eu to citando, que acontecem na realidade...

Eu só não acredito como voce EvilBrain pode negar a "antiga" psicanalise ou qualquer psicologia e não ver que o ser humano é mais que apenas quimica.

yahoo!? is offline   Reply With Quote
Kensha
Trooper
 

Gamertag: ksnrodrigoms PSN ID: rodrigo_machado
27-12-16, 08:54 #113
Obrigado pelas respostas @punisher; @yahoo!?; e @EviLBraiN;

Eu sou depressivo diagnosticado tambem. Minha depressao eh aquela "leve e constante" porem que se agrava com determinadas situacoes/experiencias que vou tendo durante a vida. Porem nunca ouvi qualquer tipo de vozes seja em qualquer situacao que seja. Como sempre achei que escutar vozes esta relacionado mais a esquizofrenia, preferi perguntar.

Kensha is offline   Reply With Quote
EviLBraiN
Trooper
 

27-12-16, 09:24 #114
Quote:
Postado por yahoo!? Mostrar Post
Eu só não acredito como voce EvilBrain pode negar a "antiga" psicanalise ou qualquer psicologia e não ver que o ser humano é mais que apenas quimica.
O próprio freud dizia que um dia a medicina explicaria as suas teorias. Mas que na sua época a medicina não estava avançada suficientemente.

A psiquiatria está bem no início. Não se sabe direito ainda como o cérebro funciona. Isto abre margem para muitas teorias para explicar os fenômenos. Não muito diferente de índios achando que o sol e os trovões eram deuses...

Antes de 1950 não se tinham nem remédios para esquizofrenia. Antidepressivos toleráveis vieram na década de 70. Então imagina o q era ter uma doença dessas na época de freud. Médicos realmente não podiam fazer nada.

Eu não acho terapia algo desnecessário. Tanto que tenho além da especialização em psiquiatria, duas especializações em psicologia. Tenho especialização em terapia cognitivo comportamental e estou terminando terapia cognitivo focada em esquemas.

As terapias também evoluem. A psicologia continua fazendo experiências e observações. Na minha opinião, psicanalise é válida como um ponto de partida, mas ficar só nela hj em dia é como dizer que o bom de verdade eram carro com motor v12 carburados q faziam 3 km/l. Qnd já vemos nas ruas carros elétricos e híbridos q não poluem ou poluem menos.

O ser humano não é apenas quimica. Mas química é o hardware. Se o hardware do teu computador tá com defeito, não adianta atualizar drivers, Windows, etc. Tem q antes arrumar o hardware pra depois mexer no software. Esse eu acho sempre um bom exemplo pra quem entende de informática.

EviLBraiN is offline   Reply With Quote
yahoo!?
Trooper
 

Steam ID: STEAM_0:0:3711915
27-12-16, 11:56 #115
Mas quem disse que a psicanálise não evoluiu?

Voce só cita freud, mas e lacan, winnicot, klein, firenze e tantos outros teóricos da psicanálise que investigaram outras situações e estruturas da condição existencial humana.

A psicanálise evoluiu também, e tem novos teóricos no Brasil como Magno, Forbes... O fato de uma coisa dita há 100 anos não ser válida é o mesmo que dizer que o juramento de Hipócrates não é válido porque foi escrito há 2600 anos atrás.

E não discordo de vc no quesito hardware, e voce chegou onde eu queria.

E voce esquece que se voce colocar um jogo que suga sua placa de video, ela esquenta, ela ferve, ela queima, e voce perde a placa de video, ou seja, o Software pode causar estrago no hardware também.

Então, casos e casos

É essa a merda da psicologia:
"SOU COMPORTAMENTAL, FODA-SE FREUD"
"SOU PSICANALISTA, FODA-SE SKINNER"

Quando na verdade, as teorias se agregam.

yahoo!? is offline   Reply With Quote
yahoo!?
Trooper
 

Steam ID: STEAM_0:0:3711915
27-12-16, 13:10 #116
E pensando aqui evil...

Já que a psicanalise é um ponto de partida, e voce é terapeuta cognitivo-comportamental...

Como a psicanálise pode ser um ponto de partida de um outro tratamento com outra finalidade?

yahoo!? is offline   Reply With Quote
EviLBraiN
Trooper
 

27-12-16, 20:11 #117
Yahoo, vc faz muita salada de conceitos. É complicado. E já sai dizendo que eu acho/acredito em coisas que nem falei.

Vou me ater a responder dúvidas de psiquiatria no topic. Citei minha formação em terapia justamente pra mostrar q tenho formação em diferentes linhas pois possuo uma visão integrativa e não segregativa da psicologia. Mas vc nao entendeu. E tb para mostrar que eu não acho q só psiquiatria importa e psicologia não tem serventia.

EviLBraiN is offline   Reply With Quote
yahoo!?
Trooper
 

Steam ID: STEAM_0:0:3711915
27-12-16, 21:30 #118
O que voce entende por psicologia?
Ter uma especialização, te torna um bacharel/clinico/terapeuta em psicologia?

Eu fiz 4 anos de psicologia, não me formei, mas entendo tanto de gestalt, como psicanalise, como behaviorismo, como fenomenologia e não faço segregação das teorias só porque existe essa coisa futebolística de torcida por linha teórica e terapeutica.

O que me faz te questionar a ti sobre o que é psicologia para voce, é pelo fato que voce disse que o conhecimento de Freud não funciona nos dias atuais, porque é o mesmo que usar um maverick contra um up!, e que ela é só um ponto de partida, ou seja, não tem finalidade.

Sabia que por essas 2 especializações que foram no maximo 1000 horas de curso, está tirando o emprego de pessoas que passam 5 anos estudando algo, para poder atuar como terapeutas?

Voce acha certo que cursinhos online, presenciais ou de fundo de quintal, sejam válidos para considerar alguem TERAPEUTA PSICOLOGICO?

Por isso voce disse certo, atenha-se a responder sobre psiquiatria.

yahoo!? is offline   Reply With Quote
maurocool
 

PSN ID: maurocool-maurasia Steam ID: maurocool
27-12-16, 21:34 #119
vish, chamou de cursinho de ingles online

maurocool is offline   Reply With Quote
patrick
Trooper
 

PSN ID: rmferrari Steam ID: rmferrari
27-12-16, 21:49 #120
Não passou pro quinto ano por causa do surto ?

patrick is offline   Reply With Quote
yahoo!?
Trooper
 

Steam ID: STEAM_0:0:3711915
27-12-16, 22:07 #121
Eu parei porque tava stressado de tanto estudar, desde a infancia até o 4o ano estudando sem parar... eu tranquei em 2006 porque queira sussegar um pouco de estudo...

O surto foi em 2007

a real é que o que danificou meu cerebro foi um Maracanã de Santo Daime onde tomei 1 litro. Desse dia em diante, tudo ficou bosteado na minha mente.

Se eu te contasse a história toda, voce ficaria de cara. Uma psicologa comportamental filha de uma puta, me levou para tomar santo daime alegando que isso iria me soltar, porque eu era timido (?!) e não falava muito nas sessões. Dae nesse dia eu fui numa casa, velha, do dono de um centro de santo daime daqui de Sorocaba famoso pelas luzes de natal.

Foi uma sessão isolada do culto comum, foi uma sessão privada. Eu paguei 50 reais para tomar ainda, tudo por influencia dela... eu tinha 23 anos.

Dae eu tomei 1 litro de daime e desmaiei, tive alucinações bizarras, lag visual, e umas paranoias começaram depois desse dia.

Até hoje não sei qual foi a intenção dela, a psicologa, nisso.

e eu tenho provas de que isso aconteceu, como o papel do pedido da psicologa de autorização para levar no Daime.

Sempre quis fazer algo judicialmente, mas fazem 10 anos... é foda. O meu psiquiatra concorda e a psicologa atual concorda que isso foi que causou a esquizofrenia, alguma disfunção bioquimica do daime fodeu meu cerebro.

Dae eu comecei a escutar vozes em 2007...

quanto aos meus anos de psicologia, pode perguntar para qualquer um da minha classe, foram incriveis, nenhum problema, eu sai do curso porque tava stressado com meus pais e suas crises de morar com eles. Acho que alguns entendem isso. Dae eu desanimei do curso.

Mas o fato das vozes nada tem a ver com o curso.

Pelo contrário, as vezes eu acho que até por sorte eu ter cursado psicologia antes, eu consegui desfazer a esquizo juntamente com os remédios.

yahoo!? is offline   Reply With Quote
MdKBooM
Trooper
 

28-12-16, 02:20 #122
Yahoo, mete o pau nesse evil coxinha, estou contigo!

MdKBooM is offline   Reply With Quote
Inquisitor
Trooper
 

28-12-16, 03:51 #123
Psicologia = charlatanismo

Inquisitor is offline   Reply With Quote
yahoo!?
Trooper
 

Steam ID: STEAM_0:0:3711915
28-12-16, 10:41 #124
Falou o cara que tem nick cristão de Inquisitor, que era um função da igreja espanhola e romana, que caçavam judeus e descrentes de Cristo para queimá-los, torturá-los e/ou converte-los ao cristianismo, que é uma religião criada por judeus baseada em um Deus para a todos governar e que tem um filho que irá voltar para a Terra montar um reino prometido. Quer mais charlatanismo que isso?

yahoo!? is offline   Reply With Quote
Inquisitor
Trooper
 

28-12-16, 11:19 #125
Pra ser mais charlatão que isso só se meu nick fosse Freud

Inquisitor is offline   Reply With Quote
maurocool
 

PSN ID: maurocool-maurasia Steam ID: maurocool
28-12-16, 11:22 #126
Quote:
Postado por Inquisitor Mostrar Post
Pra ser mais charlatão que isso só se meu nick fosse Freud
Coulher

maurocool is offline   Reply With Quote
punisher
spkr
 

28-12-16, 12:38 #127
vcs brigam demais

punisher is offline   Reply With Quote
_j5
Quagmire
 

29-12-16, 22:56 #128
CALABOCA PUNI!

_j5 is offline   Reply With Quote
punisher
spkr
 

30-12-16, 13:33 #129
<3

punisher is offline   Reply With Quote
ragauskas
Trooper
 

Steam ID: ragauskas
30-12-16, 13:35 #130
esse topico ta mto depressivo

ragauskas is offline   Reply With Quote
Never Ping
Trooper
 

Gamertag: Willian Braga XFIRE ID: neverping Steam ID: neverping
03-01-17, 14:00 #131
Senti falta de alguém com paranóia. Tem? Só pra saber... né?

Never Ping is offline   Reply With Quote
yahoo!?
Trooper
 

Steam ID: STEAM_0:0:3711915
03-01-17, 17:44 #132
Clap clap clap...

Engraçado, o cara insulta a profissão de psicólogo e todo mundo abaixa a cabeça como se entendessem alguma coisa da profissão, da área, ou das ciências que envolvem a psicologia.

Se eu chegasse e chamasse programado de charlatão porque pega código pronto de sites por ai e se acha criativo, nego estaria surtando aos avessos toda sua furia igual uma metralhadora no teclado...

Pois é, me retiro do tópico sabendo do que to falando. E não vou abaixar a cabeça para pessoas de outras profissões que nada estudaram de psicologia, ou se estudaram, foi só a ponta do iceberg.

Parabens DS

yahoo!? is offline   Reply With Quote
Zedd
Trooper
 

03-01-17, 18:13 #133
N, a gente estaria dizendo que o cara e um pessimo programador se as coisas que ele faz nao funcionam. Pq é facil qdo é algo q esta objetivamente certo ou errado (simplificando)

Mas vc tem razao que tem um preconceito bem bizarro de alguns contra humanas, como se qqr coisa nao objetiva fosse equivalente a horoscopo e bruxaria

edit: vc tem que entender tambem que psicologia, em particular, mas tambem psiquiatria, sao campos dos quais a gente so ouve qdo dá merda (nao foi teu caso, alias? nego tem andou tomar ayhuasca), quase nunca dos casos 'ok', que existe um preconceito grande contra falar de qqr coisa doenca menta, e que é um campo repleto de uma combinacao deliciosa de gente burra e arrogante, mais do que outras areas


Last edited by Zedd; 03-01-17 at 18:24..
Zedd is offline   Reply With Quote
ragauskas
Trooper
 

Steam ID: ragauskas
03-01-17, 18:41 #134
quer dizer q horoscopo e bruxaria agora sao contos de fadas? afff zedd preconceito idiota, aposto q vc nunca estudou pra falar mal deles, horoscopo eh algo milenar, ta escrito nas estrelas, como vc nao acredita?

e nunca assistiu harry potter nao? cheio das bruxaria legal

ragauskas is offline   Reply With Quote
Zedd
Trooper
 

03-01-17, 18:44 #135
Vc ta falando pra encher o saco ou realmente acha que psicologia e psiquiatria sao tao hocus pocus qto horoscopo?

Antigamente, eu teria certeza que e zoeira, mas de uns tempos pra ca nego ta tao bizarro que e preciso perguntar

Zedd is offline   Reply With Quote
ragauskas
Trooper
 

Steam ID: ragauskas
03-01-17, 18:51 #136
se usar harry potter em um post falando sobre bruxaria eh passivel de interpretacoes diferentes de ZUEIRA, eu passo a acreditar q esse mundo esta chato pra caralho

ragauskas is offline   Reply With Quote
Something
Trooper
 

03-01-17, 19:12 #137
Nego falando que horoscopo não existe, maluco escroto demais

tipico leonino

Something is offline   Reply With Quote
Never Ping
Trooper
 

Gamertag: Willian Braga XFIRE ID: neverping Steam ID: neverping
04-01-17, 10:18 #138
Quote:
Postado por Something Mostrar Post
Nego falando que horoscopo não existe, maluco escroto demais

tipico leonino
Resposta típica de um taurino.

Never Ping is offline   Reply With Quote
Zedd
Trooper
 

04-01-17, 13:08 #139
Quote:
Postado por ragauskas Mostrar Post
se usar harry potter em um post falando sobre bruxaria eh passivel de interpretacoes diferentes de ZUEIRA, eu passo a acreditar q esse mundo esta chato pra caralho
Na mesma DS onde nego acha que é tranquilo falar abertamente que todo muçulmano é terrorista (os que nao sao 'nao sao true muslism'), que questionar policia que avacalha nego é comunismo ou 'querer que policial morra, direto dos manos', e que feminismo e coisa de adolescente americana gorda chiliquenta? Tudo pode ser

Zedd is offline   Reply With Quote
yahoo!?
Trooper
 

Steam ID: STEAM_0:0:3711915
04-01-17, 16:06 #140
Desculpe, mas o cara não chamou eu, evil, ou um psicologo especifico de charlatão.

Ele chamou a PSICOLOGIA = CHARLATANISMO.
Ou seja, a área toda, desde a faculdade, a psicopedagogia educacional, a psicologia empresarial e industrial, a psicologia clinica, a psicologia dos esportes, a psicologia dos animais e xingou cada profissional em uma dessas áreas, xingou até mesmo o Evil que é PSIQUIATRA, mas ta fazendo formação em Comportamentalismo.

Sabe cara, é como se o cara visse toda uma ciência que estuda a mente humana, o corpo, o espirito/consciencia/realidade ou como queira chamar... presta socorro para muitos autistas, sindrome de down, evoluiu e tem muito a evoluir juntando com a genética, a biotecnologia, e aprimorar as capacidades humanas.

E o pior é que muito pensam isso, que psicologia é bruxaria, charlatanismo, coisa de louco...

Parem e pensem em quantos suicídios são evitados por uma análise?

Psicólogo não é pra vida toda, tem alta. Tem que deixar o cara viver para trazer mais dados na sua análise. Voce pode fazer 1 ano de análise e depois de 3 anos voltar porque alguma vivencia tua te perturba.

Análise vai mais que apenas ouvir, é inferir, escutar a fala, o sentido da fala. E depois de 10 anos de análise sinceramente voce é apto a fazer um curso de psicanálise, mesmo não tendo formação psicológica.

Entendem?
Existe uma variedade de áreas que a psicologia atua.

EXISTE PSICÓLOGO CHARLATÃO? E X I S T E (com ou sem diploma)

Mas não generalize quem leva a sério essa porra toda que é a mente humana.

Vai começando a discernir quem é charlatão (formados em cursos de 800 horas sobre qualquer assunto de psicologia, florais de bach, holistica, medicinas alternativas) e quem manja do assunto.

yahoo!? is offline   Reply With Quote
_j5
Quagmire
 

04-01-17, 18:04 #141
Quote:
Postado por yahoo!? Mostrar Post
Desculpe, mas o cara não chamou eu, evil, ou um psicologo especifico de charlatão.

Ele chamou a PSICOLOGIA = CHARLATANISMO.
Ou seja, a área toda, desde a faculdade, a psicopedagogia educacional, a psicologia empresarial e industrial, a psicologia clinica, a psicologia dos esportes, a psicologia dos animais e xingou cada profissional em uma dessas áreas, xingou até mesmo o Evil que é PSIQUIATRA, mas ta fazendo formação em Comportamentalismo.

Sabe cara, é como se o cara visse toda uma ciência que estuda a mente humana, o corpo, o espirito/consciencia/realidade ou como queira chamar... presta socorro para muitos autistas, sindrome de down, evoluiu e tem muito a evoluir juntando com a genética, a biotecnologia, e aprimorar as capacidades humanas.

E o pior é que muito pensam isso, que psicologia é bruxaria, charlatanismo, coisa de louco...

Parem e pensem em quantos suicídios são evitados por uma análise?

Psicólogo não é pra vida toda, tem alta. Tem que deixar o cara viver para trazer mais dados na sua análise. Voce pode fazer 1 ano de análise e depois de 3 anos voltar porque alguma vivencia tua te perturba.

Análise vai mais que apenas ouvir, é inferir, escutar a fala, o sentido da fala. E depois de 10 anos de análise sinceramente voce é apto a fazer um curso de psicanálise, mesmo não tendo formação psicológica.

Entendem?
Existe uma variedade de áreas que a psicologia atua.

EXISTE PSICÓLOGO CHARLATÃO? E X I S T E (com ou sem diploma)

Mas não generalize quem leva a sério essa porra toda que é a mente humana.

Vai começando a discernir quem é charlatão (formados em cursos de 800 horas sobre qualquer assunto de psicologia, florais de bach, holistica, medicinas alternativas) e quem manja do assunto.
Caiu na pescaria amiguinho? :*

 

_j5 is offline   Reply With Quote
Zedd
Trooper
 

04-01-17, 18:09 #142
Nao e trollagem se o cara realmente acredita na bobagem

Zedd is offline   Reply With Quote
Blazed
Trooper
 

04-01-17, 19:59 #143
Quote:
Postado por Inquisitor Mostrar Post
Pra ser mais charlatão que isso só se meu nick fosse Freud
dayummmm
 

Blazed is offline   Reply With Quote
yahoo!?
Trooper
 

Steam ID: STEAM_0:0:3711915
04-01-17, 20:25 #144
Na verdade, me deixei pescar J5...

Toda brincadeira (trollagem, zuera) tem um fundo de verdade. Isso é uma lei na psicologia. Igual a mentira, as vezes é um desejo do mentiroso projetado no objeto de mentira, que quer se realizar de alguma maneira... Ah, acho que voces não vão entender... tipo se voce mentir pra mim e eu descobrir ou voce contar que é uma mentira, eu sei que no fundo, essa mentira é um algo que voce se identifica e projeta em mim. É algo do seu inconsciente.

A mentira também é um ato falho.

Quanto mais eu do corda na linha, e jogo verdes, mais eu puxo informações

yahoo!? is offline   Reply With Quote
Something
Trooper
 

04-01-17, 20:49 #145

Something is offline   Reply With Quote
troy
Trooper
 

04-01-17, 21:04 #146
depressão é falta do que fazer

a pessoa não descobriu o que gosta de fazer e nem se força ou busca, e tem a opção de vegetar, portanto vegeta

a doença de fato é restrita a poucos casos, o boom de depressivos que vemos hoje é tristeza + preguiça

troy esta conectado agora   Reply With Quote
EviLBraiN
Trooper
 

04-01-17, 21:29 #147
Quote:
Postado por Something Mostrar Post
As opiniões dele nesse vídeo derivam de cometer justamente o erro de confundir depressão com tristeza.

Que foi justamente o vídeo que usei pra upar o topic no post 96.

Logo, desta vez, ele fez um vídeo inútil. Pq partiu de uma premissa errada.

EviLBraiN is offline   Reply With Quote
Kensha
Trooper
 

Gamertag: ksnrodrigoms PSN ID: rodrigo_machado
04-01-17, 21:51 #148
Quote:
Postado por troy Mostrar Post
depressão é falta do que fazer

a pessoa não descobriu o que gosta de fazer e nem se força ou busca, e tem a opção de vegetar, portanto vegeta

a doença de fato é restrita a poucos casos, o boom de depressivos que vemos hoje é tristeza + preguiça
Gente, eh serio isso?

Kensha is offline   Reply With Quote
Something
Trooper
 

04-01-17, 22:04 #149
@EviLBraiN; To ligado, achei meio fraco também esse vídeo, mas convenhamos que está bem nojento essa moda de se mostrar depressivo, tipo:

"Nossa, to tão cansado que só quero dormir."
"Só queria alguém pra amar"
"Só penso em comer, oh meu deus"

Fora as imagens de "sofrencia".

Tá bem cancer essa moda ai. Acho que isso acaba banalizando um pouco a depressão e acaba atrapalhando quem realmente precisa de ajuda

Something is offline   Reply With Quote
yahoo!?
Trooper
 

Steam ID: STEAM_0:0:3711915
04-01-17, 22:05 #150
Porque voces associam depressão tão somente à tristeza?

Tristeza é só um "sintoma". O buraco é sempre mais profundo.

Exemplo: As vezes o cara não consegue lidar com a morte do pai atropelado na frente dele porque ele lembra da cena diáriamente e isso trava sua existência. A questão não é a tristeza pela morte do pai, e sim, pela maneira traumática que ele como filho, viu a morte do pai. Isso por exemplo, é o fundamento de um trauma psíquico, algo que te chocou, que deu um baque.

Choque traumático, um baque, uma alucinação, um delírio, uma fé cega, a decepção de acreditar uma mentira... tudo isso leva para a depressão.

Então, pensa mais profundamente caras... tristeza todo mundo sente.
Mas ficar em estado de depressão profunda provavelmente é um choque traumático até mesmo que a pessoa não quer contar, e por não contar, não verbalizar, ficar só no mundo dos pensamentos, isso afoga mais ainda o cérebro, e a pessoa fica sem REAÇÃO porque simplesmente é algo tão grande pra ela que não da pra lidar, pelo menos, sozinha.

Por isso existe acompanhamento terapeutico. Tem psicólogo que sai dar role com o paciente, as vezes, para enfrentar uma situação de AGORAFOBIA (medo de multidões) e ter o entendimento da sua própria condição.

Caras relaxem, não é um video do youtube que vai dizer o que é depressão porque como EU, ICE e EVILBRAIN falamos, depressão NÃO TEM CAUSA ÚNICA. Stress por exemplo, pode levar a depressão. Pra voces pode parecer incompatível, mas acontece.

Exemplo 2: O cara não dá atenção para a mulher, começa a tomar goró todo dia para aturar tudo isso, começa a chegar mamado em casa e já dorme. A mulher que se foda (mesmo não tendo amante), já não existe o amor da parte dele, só da mulher, sabe o que acontece? Não é o cara que vai entrar em depressão, é a mulher, e nem sempre por tristeza, mas por ver a condição do marido e tentar fazer algo para a ajudar e ver a frustração que passa porque o marido não liga mais para ela. Tristeza é uma reação do organismo, um sintoma de que existe algo ali conduzindo aquela mulher a sentir aquela tristeza, que remete a um sofrimento.

Comece a asssociar depressão à sofrimento, e sofrimento nem sempre é extravazado pela tristeza, mas também pela implosão, stress, agressividade.

yahoo!? is offline   Reply With Quote
Responder

Thread Tools

Regras de postagem
Você não pode criar novos tópicos
Você não pode postar
Você não pode enviar anexos
Você não pode editar seus posts

BB code is On
Smilies are On
[IMG] code is On
HTML code is Off

Atalho para Fóruns



O formato de hora é GMT -2. horário: 23:30.


Powered by vBulletin®
Copyright ©2000 - 2018, Jelsoft Enterprises Ltd.
User Alert System provided by Advanced User Tagging (Lite) - vBulletin Mods & Addons Copyright © 2018 DragonByte Technologies Ltd.