Darkside  

Voltar   Darkside > Darkside > Comunidade

Responder
 
Thread Tools
Zedd
Trooper
 

23-04-16, 01:20 #151
Achei que era. Bom saber

sobre exemplo: nao que nao seja util, numa discussao honesta é. Mas contigo isso é impossível. Antes q tu troque pra roupa de super-antifrasco, me diz com sinceridade se qqr exemplo que eu trouxer vc n vai arranjar uma fonte, por mais ze ruela q seja, pra invalidar? Pq eu perderia tempo no google pra isso? Sem contar que o fato de nao existir exemplos nao invalida a ideia. Pex vc fica ai chupando o pau do livre mercado sem um estado minimo puro jamais ter existido, pq vc acha que seria o ideal apesar de nunca ter visto isso na vida





Zedd is offline   Reply With Quote
wiseman
Trooper
 

Gamertag: DNWise PSN ID: DNWise Steam ID: wiseman
23-04-16, 02:20 #152
"Até a conclusão desse processo, sem prazo determinado, as prestadoras continuarão proibidas de reduzir a velocidade, suspender o serviço ou cobrar pelo tráfego excedente nos casos em que os consumidores utilizarem toda a franquia contratada, ainda que tais ações estejam previstas em contrato de adesão ou plano de serviço", diz o órgão, em nota.

http://www1.folha.uol.com.br/mercado...erminado.shtml

E não tinha visto essa da OAB

— Enviamos ofício à Anatel questionando a resolução que limita o serviço de internet banda larga. A posição da OAB é de absoluta contrariedade à resolução. São duas leis federais que estão sendo descumpridas e desrespeitadas — disse Lamachia, referindo-se ao Marco Civil da Internet e ao Código de Defesa do Consumidor.

http://zh.clicrbs.com.br/rs/vida-e-e...l-5782646.html

wiseman is offline   Reply With Quote
Oleleh
Trooper
 

23-04-16, 02:53 #153
True, tava vendo um twich de poker que tava sendo na australia e a internet deles tava bem zuada, o locutar tava reclamando mto

Oleleh is offline   Reply With Quote
BeGod
Trooper
 

PSN ID: Merurinu
23-04-16, 04:00 #154
Eu to usando internet da Australia, não é boa igual a do Brasil (é um pouco pior, não em velocidade, em latência, principalmente jogos FPS), mas os limites pra internet mediana aqui são 500gb ou 1tb por mês, o que tá bem melhor do que o que vai ter por aí.

BeGod is offline   Reply With Quote
sibs
Trooper
 

25-04-16, 02:04 #155
Quote:
Postado por Zedd Mostrar Post
Eu tbm acho escroto que tenham cagado pra investimento e que o modelo de negocios seja baseado em 'overselling', mas sendo fato... como é que se lida com isso? Acho que o caminho é algo como o Marcelo falou, só que em vez de ser conta de 5 a 10% a mais direto no usuário final power user, ele pagar um pouco mais caro por uma assinatura de netflix, ou pagar um pouco por conta de ser youtube 'power user', etc e a agencia reguladora FUNCIONAR e conseguir determinar qual dessas empresas geradoras de conteudo precisa pagar quanto pra justificar seu consumo de banda

Se estatizacao funcionasse direito no Brasil, era só estatizar essa porra toda, já que não faz sentido ter a infraestrutura replicada de 300 provedoras servindo o mesmo endereço (como se evita com eletricidade) se o serviço é tão essencial que o cara é obrigado a pagar por algum deles mesmo (como é com eletricidade)
O problema é que as operadoras não vendem somente internet, vendem tambem TV a cabo, vendiam SMS(markup de 12000% LOL?), e o caralho a quarta, e que nem o WarWolf falou o lucro delas "só" aumenta em 1% por ano, as operadoras tão interessadas em aumentar o lucro dela, tem muita gente assinando net flix e cancelando a tv a cabo, e ai ta o que deixa as operadoras fodidas, ta cortando a margem delas.


Last edited by sibs; 25-04-16 at 02:11..
sibs is offline   Reply With Quote
wiseman
Trooper
 

Gamertag: DNWise PSN ID: DNWise Steam ID: wiseman
25-04-16, 18:10 #156
Broadband data caps are having their intended effect: punishing cord-cutters

During a recent conversation with a close friend of mine, I mentioned the fact that I’ve gone over my 300GB broadband data cap a handful of times since switching from AT&T U-Verse to Comcast for my home Internet needs last September. He was flabbergasted and questioned how I could possibly be using that much data each month.

While I do work from home and am actively online for several hours during weekdays, I don’t game online or download torrents. I am, however, a cord-cutter so all of our television watching comes from streaming services like Netflix, Hulu and Sling TV.

I’ve only exceeded the data cap a few times – once or twice during college football season when I camp out on the couch or in bed each Saturday to take in the day’s slate of games and another time when my girlfriend was stuck at home for a few weeks recovering from surgery.

Interestingly enough, I never ran into overage issues when I had U-Verse. At the time, AT&T didn’t offer a way for customers to check their monthly data consumption (I asked multiple times) nor did they ever communicate that I was even subject to a data cap.

That changed recently, however, as AT&T announced it was increasing monthly data caps for U-Verse customers and would even do away with the cap entirely so long as you also subscribe to its cable television service.
The move highlights a growing concern among millions of people like me that no longer choose to pay for cable television service.

ISPs, who once fed us lines about excessive bandwidth usage and network congestion in order to upsell people on higher-tier “business class” Internet packages, are now essentially using the same tactics to punish cord-cutters, many of which were likely former cable subscribers.

They can’t stop people from ditching cable subscriptions but they can make their streaming TV experience miserable enough that maybe they’ll come crawling back. Granted, none of them will come right out and say that to your face but that’s exactly what they’re doing. Trust me, rationing your home broadband service each month in order to avoid overage fees isn’t much fun.

Network congestion is no longer a valid excuse for bandwidth caps, either – if it was, they wouldn’t be offering unlimited options. Former FCC Chairman Michael Powell nailed the issue on the head more than three years ago when he said ISP data caps are about monetization, not network congestion.

Consumers aren't the only ones getting the shaft as streaming video providers are also finding themselves stuck between a rock and a hard place. If their users are forced back into a cable subscription, there's a good chance they're also going to cancel their online video subscription(s) in the process.

As a cord-cutter, your options are currently pretty slim. You can limit your reliance on streaming video services (perhaps by deploying an over-the-air antenna which should probably be part of any cord-cutter’s arsenal anyway), pay the overages when they occur, pay for a more expensive Internet package that offers more / unlimited data or concede defeat and jump back in bed with your local pay-TV provider.

One workaround that we’ve found is to use my girlfriend’s smartphone and stream content through T-Mobile’s Binge On service. Sure, the quality is downgraded to 480p but when using a Chromecast to beam content on our television, it’s not so bad… and it sure beats paying monthly overage fees.

Fonte: http://www.techspot.com/news/64554-b...punishing.html

PS: https://en.wikipedia.org/wiki/Cord-cutting

wiseman is offline   Reply With Quote
Baron
Trooper
 

25-04-16, 19:23 #157
Quote:
Postado por Zedd Mostrar Post
Achei que era. Bom saber

sobre exemplo: nao que nao seja util, numa discussao honesta é. Mas contigo isso é impossível.
Bom, ok. Que vou dizer frente a uma merda dessas sendo dita?

Quote:
Postado por Zedd Mostrar Post
Antes q tu troque pra roupa de super-antifrasco, me diz com sinceridade se qqr exemplo que eu trouxer vc n vai arranjar uma fonte, por mais ze ruela q seja, pra invalidar?
Você está dizendo que minhas fontes não são confiáveis? Vamos voltar à realidade:
Você disse quela bobagem lá da Nova Zelândia. Eu fui até a wikipedia, que é uma fonte vagabunda, muitas vezes, só para achar as possíveis empresas privadas que havia lá. Fui no site de algumas delas, copiei e colei.

Ou seja, a fonte que eu busquei foi a fonte real do negócio. Mas você quer criticar as minhas fontes...


Mas vamos lá, você não vai trazer um exemplo, porque não existe. Bom, talvez, TALVEZ, numa vila na europa oriental uma empresa estatal de internet tem um serviço excelente e etc gastando quatrilhões de euros. Você sabe melhor do que eu que nem isso serviria, já que é estatisticamente irrelevante quando você compara com o resto do mundo. Você sabe disso.

Quote:
Postado por Zedd Mostrar Post
Pq eu perderia tempo no google pra isso? Sem contar que o fato de nao existir exemplos nao invalida a ideia.
Existiram centenas de exemplos que fracassaram. Pega o teu próprio país como exemplo. Agora vou dar uma de esquerdista e 'vai estudar história'. Mas, sério, não sei que idade você tem, tem tiver de 30 pra cima deve se lembrar de como era no final dos anos 80.


Aí você tem que tentar entender porque era o caos, não simplesmente dizer que era só 'fazer direito'. O que significa 'fazer direito'?

Você (e todo mundo) possui um modelo mental e por esse seu modelo mental a maneira de se otimizar as coisas é por um órgão central decidindo tudo. Pois bem, seu modelo mental está errado. Enquanto você não contestar esse modelo de visão de mundo você não vai conseguir entender a razão de isso não dar certo.

É mais ou menos como Einstein tendo que contestar a física de Newton para poder fazer a física 2.0 (ou 3.0). Ele teve que contestar, simplesmente porque a física de Newton (ou melhor, uma parte dela) não estava fazendo sentido. Ela dizia uma coisa mas o mundo real dizia outra.

Você vê o mundo real colapsando com essas ideias que você defende mas ainda assim é capaz de sequer DUVIDAR que sua visão de mundo está equivocada.

Seu cérebro diz uma coisa, o mundo diz outra. Quem provavelmente está errado?

Quote:
Postado por Zedd Mostrar Post
Pex vc fica ai chupando o pau do livre mercado sem um estado minimo puro jamais ter existido, pq vc acha que seria o ideal apesar de nunca ter visto isso na vida
Vou começar pelo fim: existiram sim alguns países ou cidades-estado totalmente sem governo. Algumas duraram mais de 800 anos. Vou mais longe, leia a porra da bíblia e você vai ver que sim, na época dos juízes (antes dos reis) a Judeia não tinha governo e não respondia a nenhum governo, seja interno ou estrangeiro.

Agora, por que eu estou dizendo isso? Porque eu acredito que uma Judeia da época dos juízes seria possível no século XXI? Não, só estou dizendo isso porque você disse que jamais existiu sociedade sem governo e NÃO É VERDADE. Cada vez se encontram mais exemplos perdidos na história, inclusive.


Mas tudo bem, agora vamos ao que cabe a mim: quem disse que eu acho que pode existir uma sociedade atual sem governo? Cara, nem eu sei o que pensar disso. Agora vem você e diz que eu sou a favor de uma sociedade sem governo?

Você é o que? Mágico?

E o que significa uma sociedade 100% baseada em livre-mercado nessa sua cabeça? Pode me descrever como você acha que eu vejo isso?

Você já pensou que o mercado não possui ética, moral ou sequer pensamento? Quem possui essas características são seres humanos. Então me responda, nessa sociedade sem governo que você diz que eu ideologicamente acredito:

- tem aborto ou é contra o aborto?
- tem religião? É ateia? Possui mais de uma religião?
- possui copyright? É contra copyright?
- moeda fiduciária: pode ou não pode?

Só pegando esses 4 pontos tão corriqueiros sou capaz de apontar dezenas de autores que você chama de 'neoliberais' que se encaixariam em várias combinações disso aí.

Fora os que você também chama de neoliberais, como Friedman, Mises, Adam Smith e Hayek que NÃO SE ENCAIXARIAM AÍ, porque eles não acreditam na inexistência do estado.


Então me explica aí como é uma sociedade 'sem um estado mínimo' que eu tanto chupo o pau. Afinal de contas, é IMPOSSÍVEL criticar algo que você não seja capaz nem de descrever, concorda?

Baron is offline   Reply With Quote
sibs
Trooper
 

25-04-16, 22:29 #158
@wiseman Pois é, é muito obvio que elas não querem PERDER lucro, veja bem a tragedia que é quando sobe apenas 1%.

Comcast gasta MUITO dinheiro com lobby para mudar as leis, as operadoras brasileiras parecem que querem seguir o mesmo caminho, vai ser engraçado o contraste em 10 anos vamos ter paises com internet de multiplos gigabits completamente uncapped, e alguns paises vao ter caps ridiculos pois as operadoras conseguiram comprar o sistema, já que o USO não vai subir exponencialmente, a resolução HD ta ai a mais de 16 anos, o consumo de banda não vai conseguir se manter com a velocidade que aumenta, já não consegue nesse exato momento.

sibs is offline   Reply With Quote
Raposao
Trooper
 

26-04-16, 01:09 #159
@sibs eu discordo! acho que a tendência geral será todos os países terem data cap! Talvez Brunei e algumas outras exceções não tenham, mas o geral deve ter!

IMHO, outra tendência é as operadoras e os OTT's/grandes provedores de conteúdo chegarem num modelo de negócio viável pra ambos e que não prejudiquem o cliente! Óbvio que o cliente vai "pagar a conta", mas de uma maneira mais "transparente" que não seja através da compra de um pacote excedente! Isso vai se aplicar pra Netflix, Hulu, Youtube etc, que deverão, caso o data cap vingue globalmente, chegar em acordos com as operadoras pra repassar uma parte da sua receita (um modelo de revenue share, SUPER COMUM no mercado)! O mesmo vale pra alguns jogos online de sucesso... Ou seja, pra determinados conteúdos o seu consumo não será descontado da sua franquia! Isso já está acontecendo em alguns mercados, como o canadense e o americano mesmo... até no Brasil já existe pra internet móvel, chama tarifação reversa ou 0800 de dados (ex: Bradesco, Itau etc).

Todavia, quem usar a internet pra TORRENT e piratarias em geral, dificilmente vai se livrar de ter a franquia consumida, já que nenhum pirateador vai bancar um acordo com as operadoras pra dividir seu lucro! Além disso, já existem iniciativas nos EUA pra tentar bloquear a internet de quem baixa conteúdo pirata... enfim, podem ser contras, mas acho que será outra tendência (quando detectável)!

Não entendo como as pessoas não percebem: internet está seguindo o mesmo modelo de praticamente TUDO no mundo! Você paga pelo que consome! Quem consome mais, paga mais! Quem consome menos, (deveria) paga menos! É assim com energia, com água, com pedágio (se você roda 400km na dutra paga mais pedágio que alguém que rodou 200km), com comida, com plano de saúde (existem vários com o modelo de coparticipação) e com todo o resto! Eu não quero ter que pagar a conta do amigo que deixa o dia inteiro baixando filme pornô pirata ou do mlk que deixa o netflix ligado pras paredes, pois os recursos tem custo! Ou vocês acham que a CISCO fornece os roteadores de graça, as empreiteiras fazem obra pra passar fibra debaixo da terra de graça, o governo não cobra impostos, os funcionários não tem aumento, os acionistas não querem lucro etc?

Tem que sair do MIMIMI do "vão cortar meu GAME OF THRONES" pra "vamos exigir mais qualidade, menos quedas e pacotes coerentes com o mercado"!

Raposao is offline   Reply With Quote
Oleleh
Trooper
 

Default Afinal, como funciona esse tal limite de dados da Internet

26-04-16, 01:14 #160
Acho que o "pacote exigente para o mercado" é muito mais do que eles estao colocando, chega ser ridiculo
Uma soluçao seria deixar do jeito que esta, adicionando apenas os planos economicos com cap

Se todos provedores forem pro cap, não entra como cartel?

Oleleh is offline   Reply With Quote
Raposao
Trooper
 

26-04-16, 01:27 #161
Mas acho válido querer tudo ilimitado, só que é uma situação que não vai se sustentar a longo prazo com o crescimento de consumo exponencial de dados... vou tentar explicar meu raciocínio. Vamos supor, com valores totalmente hipotéticos só pra exemplificar com números:
Para construir uma rede com capacidade de 100GB do zero, uma operadora investe $1.000 na construção (uma vez) e $100 por ano (recorrente) pra manter (ex: cabos, armários óticos, switches, roteadores, links de transmissão, firewalls, IPS/IDS, servidores de cache, servidores de autenticação etc);
Devido ao reaproveitamento de vários elementos e do ganho de escala, obviamente o custo do crescimento não é linear, então vamos assumir uma eficiência de 75% pra expansão, ou seja, para aumentar mais 100GB de capacidade há um investimento de $250 para construção e de $25 por ano para manutenção;
Para simplificar o entendimento, assuma a análise encima de um universo fixo de clientes.
No ano 1, a operadora tem 100 clientes que pagam $30 cada e consomem no total 50GB;
No ano 2, a operadora tem 100 clientes que pagam $33 cada (considerando o aumento do valor da mensalidade que é controlado pelo governo e geralmente atrelado a inflação, nesta simulação em 10%) mas estão consumindo 100GB devido ao crescimento de uso do netflix;
No ano 3, a operadora tem 100 clientes que pagam $37 cada mas estão consumindo 200GB devido ao crescimento dos conteúdos 4k;
Caso você saiba o que é um BP (Business Plan), faça um mentalmente e análise se ele tende a ser positivo ou negativo e se você recomendaria o investimento no crescimento da rede.
Transporte este exemplo para um restaurante por kg sem balança e veja se é sustentável.

Raposao is offline   Reply With Quote
Raposao
Trooper
 

26-04-16, 01:35 #162
Ai fica o povo se enganando e dizendo não pode ter franquia, não pode ter redução, deixa a galera baixar torrent a vontade e deixar vídeo de 4k passando de descanso de tela da TV! Ai depois reclama que a qualidade da Internet é ruim, que não consegue usar a velocidade contratada etc!

Eu prefiro muito mais ter franquia e eu poder exigir qualidade, já que as operadoras terão capacidade de dimensionar suas redes de uma maneira mais coerente, do que ficar financiando usuários que tem um perfil totalmente diferente do meu e que no final do dia a conta acaba sendo dividida pra todos (seja no custo alto, seja na qualidade ruim)!

Não vi ninguém até agora exigindo como contrapartida das operadoras a implantação de monitorações de qualidade e garantia da velocidade contratada, o que em geral não acontece! Todo mundo se apega na franquia ilimitada e foda-se o fato de uma parte dos usuários (heavy users, usuários constantes de streaming, torrent etc) prejudicar a outra... eu não quero pagar a conta de ninguém! E que ninguém pague a minha! Cada um que pague a sua!

Raposao is offline   Reply With Quote
sibs
Trooper
 

26-04-16, 02:22 #163
Raposão propoe o fim completo da neutralidade da rede, legal. Conteudo de grandes empresas são privilegiados, nunca existiria o google com isso, qualquer empresa já firmada ta feita, imagina quanta coisa foda nunca existia se essa sua ideia for pra frente - que só server pra dar dinheiro pra operadora.

Quote:
No ano 1, a operadora tem 100 clientes que pagam $30 cada e consomem no total 50GB;
No ano 2, a operadora tem 100 clientes que pagam $33 cada (considerando o aumento do valor da mensalidade que é controlado pelo governo e geralmente atrelado a inflação, nesta simulação em 10%) mas estão consumindo 100GB devido ao crescimento de uso do netflix;
No ano 3, a operadora tem 100 clientes que pagam $37 cada mas estão consumindo 200GB devido ao crescimento dos conteúdos 4k;

Só que, o custo por 100GB seria 100*0.73^2=53R$ no ultimo em relação ao primeiro, dando o total de manuntenção 106R$.
Sim é uma simulação porca, em 10 anos o custo seria 4R$ por 100gb, terrivel né.

As pessoas realmente não entendem o tão foda que uma exponencial é, é que nem processador hoje em dia, meu PC tem 6 anos já e roda TUDO, pq essa merda vem duplicando de velocidade a cada 18meses~, é a mesma bosta com bandwidth, que nem eu falei o padrão 1080P (que ainda é menos usado que 720p na net) ta ai faz 16 ANOS, foda-se que tem o 4k, isso não faz diferença NENHUMA contanto que esse crescimento exponencial em banda continue.

Se o problema é a rede ficando lenta em horarios de picos, você resolveria simplesmente capando a internet em X% dos usuarios que usam D+ nesses horarios, mas o problema é o pessoal cancelando a TV a cabo ioehoieheioe.

Torrent é até vantajoso pq puxa tudo de final de noite/madrugada com RSS.

Quote:
Transporte este exemplo para um restaurante por kg sem balança e veja se é sustentável.
Não tem como ser restaurante por medida sem medir né, mas existe rodizio que tbm é lucrativo, só que isso não tem nada a ver com o topic.


Last edited by sibs; 26-04-16 at 02:27..
sibs is offline   Reply With Quote
wiseman
Trooper
 

Gamertag: DNWise PSN ID: DNWise Steam ID: wiseman
26-04-16, 03:13 #164
Pra mim o problema nem é limitar/colocar franquia, é como é/será feito aqui no Brasil

Os limite já informados das franquias são ridiculos, vão limitar muito. Gente com plano 2mb, seja por não poder pagar mais, seja por falta de disponibilidade na região, terá uma franquia ridicula de 10gb por exemplo.

"Quem usa bastante paga mais, quem usa pouco, paga menos" Quem dera fosse assim, mas até parece q vão baixar preços, vai continuar caro como já é e como é previsto somente pro início do ano que vem, é capaz de vir junto com um aumento de preços tb

E se for pra pagar pelo que se usa, já q a maioria é operadora de TV tb, q flexionem os pacotes de canais. Eu pago cerca de 100 reais mais q o pacote básico por causa de alguns poucos canais q só tem no plano hd top max pica das galáxias. Eu garanto que se fizessem isso muita gente não cancelaria o pacote de tv a cabo/satelite e as operadoras perderiam menos clientes pra Netflix e outros serviços online, mas não, vamos impor franquias pro povo e assim eles voltam a nos pagar assinaturas exorbitantes por 500 canais dos quais só assistem 10

E com o limite de franquia, como fica o NET Now, o Sky Online, o Globosat Play, o Telecine Play, o diabo a quatro play? Vão isentar da franquia? Pq não tem sentido nenhum se não isentarem

wiseman is offline   Reply With Quote
EviLBraiN
Trooper
 

26-04-16, 07:59 #165
Raposao, veja o documentário na netflix: Chuck Norris contra o comunismo.

Sobre como as pessoas faziam para ver filmes vhs em um país onde eles eram censurados.

O pensamento é similar aqui. Se eu gosto de jogar não vou usar minha net pra filmes netflix. Vou comprar por centavos num pen-drive vários filmes ou séries de alguém q baixou e revende, e com o lucro paga o excesso de net q consumiu.

Basicamente o povo vai migrar pra opção mais barata. Igual comprar cigarro de contrabando do Paraguai. Eletrônicos q escaparam da tarifação de alguma forma e chegaram sem o valor adicional dos impostos.

Em suma, na minha opinião, seria um puta tiro no pé. Inclusive se os planos mais antigos mantiverem ilimitados e só os novos limitado. Todo mundo q tem o ilimitado vai virar fornecedor de pen-drives, HD portáteis cheio de conteúdo q os proprietários de planos novos querem mas não podem baixar.

Como sempre, tem gente querendo colocar regras no ser humano sem entender nada sobre como o ser humano funciona.

Isso é só um dos muitos aspectos negativos q uma legislação assim criaria...

EviLBraiN is offline   Reply With Quote
Marcelo
Trooper
 

Steam ID: cabelo
26-04-16, 08:07 #166
Quote:
Postado por Raposao Mostrar Post
Mas acho válido querer tudo ilimitado, só que é uma situação que não vai se sustentar a longo prazo com o crescimento de consumo exponencial de dados... vou tentar explicar meu raciocínio. Vamos supor, com valores totalmente hipotéticos só pra exemplificar com números:
Para construir uma rede com capacidade de 100GB do zero, uma operadora investe $1.000 na construção (uma vez) e $100 por ano (recorrente) pra manter (ex: cabos, armários óticos, switches, roteadores, links de transmissão, firewalls, IPS/IDS, servidores de cache, servidores de autenticação etc);
Devido ao reaproveitamento de vários elementos e do ganho de escala, obviamente o custo do crescimento não é linear, então vamos assumir uma eficiência de 75% pra expansão, ou seja, para aumentar mais 100GB de capacidade há um investimento de $250 para construção e de $25 por ano para manutenção;
Para simplificar o entendimento, assuma a análise encima de um universo fixo de clientes.
No ano 1, a operadora tem 100 clientes que pagam $30 cada e consomem no total 50GB;
No ano 2, a operadora tem 100 clientes que pagam $33 cada (considerando o aumento do valor da mensalidade que é controlado pelo governo e geralmente atrelado a inflação, nesta simulação em 10%) mas estão consumindo 100GB devido ao crescimento de uso do netflix;
No ano 3, a operadora tem 100 clientes que pagam $37 cada mas estão consumindo 200GB devido ao crescimento dos conteúdos 4k;
Caso você saiba o que é um BP (Business Plan), faça um mentalmente e análise se ele tende a ser positivo ou negativo e se você recomendaria o investimento no crescimento da rede.
Transporte este exemplo para um restaurante por kg sem balança e veja se é sustentável.
A falha nessa argumentação é que esse custo não existe.
O custo de infraestrutura de rede é por throughput, largura de banda, não por quantidade de dados.
Se você constrói uma infraestrutura com uma largura de banda de 10Mbit para um cliente e você realmente alocar esses 10Mbit, não faz diferença nenhuma se ele vai consumir 1GB ou 400GB, o seu custo é o mesmo.

Não existe justificativa técnica para esse limites, é uma decisão puramente comercial. O vice presidente da Comcast já admitiu isso pela conta do twitter dele ( http://gizmodo.uol.com.br/franquia-internet-fixa-eua/ ).

Marcelo is offline   Reply With Quote
gusto
Trooper
 

Steam ID: penaporta
26-04-16, 08:44 #167
Baron, vc tava querendo um exemplo de telecom estatal. Bem, a Copel não é 100% do Estado do Paraná mas é uma empresa de economia mista, tipo o Banco do Brasil.

gusto is offline   Reply With Quote
dankretli
Trooper
 

26-04-16, 11:37 #168
Quem defende data cap ta esquecendo que mora no HueBR neh!? O preço atual será o preço das menores franquias e quem usar mais terá que pagar mais, mas não terá nenhuma redução para quem usa pouco, querem apostar??
A qualidade continuará o mesmo lixo de sempre, a venda casada continuará igual, etc, etc... a única coisa que vai mudar é o preço pra heavy user!!!!1111 Não terá nenhuma contrapartida, não adianta chorar e pedir, não terá...

dankretli is offline   Reply With Quote
Hades
Trooper
 

26-04-16, 12:07 #169
tomara que limitem logo.

assim as pessoas valorizam mais o tempo na rede e a quantidade de merda tende a diminuir consideravelmente.

menos internet = menos "tops"

pensem nisso.

Hades is offline   Reply With Quote
Blazed
Trooper
 

26-04-16, 12:32 #170
 


RESPEITA O SOUTH AMERICA MEMES

Blazed is offline   Reply With Quote
Ted
Trooper
 

Gamertag: MassahudDS PSN ID: massahud Steam ID: massahud
26-04-16, 12:37 #171
É sem sentido colocar limite de dados pra falar que congestiona. Se congestiona mesmo, deviam por limite de velocidade.

Se colocam limite de dados vão querer aumentar a quantidade de usuários já que a soma dos limites não chega na soma da capacidade da rede do mês inteiro. Ai no dia 1º de cada mês os limites de todos os usuários vão zerar e, como tem muito mais usuários do que a banda suporta, vai ficar uma internet porca pra todo mundo em todo início de mês enquanto os limites não são atingidos.

Ted is offline   Reply With Quote
SigSnake
Trooper
 

26-04-16, 13:40 #172
PARTIU 720p!

SigSnake esta conectado agora   Reply With Quote
wiseman
Trooper
 

Gamertag: DNWise PSN ID: DNWise Steam ID: wiseman
26-04-16, 19:14 #173
Quote:
Postado por SigSnake Mostrar Post
PARTIU 720p!
720p.x265

wiseman is offline   Reply With Quote
Baron
Trooper
 

26-04-16, 19:25 #174
Quote:
Postado por gusto Mostrar Post
Baron, vc tava querendo um exemplo de telecom estatal. Bem, a Copel não é 100% do Estado do Paraná mas é uma empresa de economia mista, tipo o Banco do Brasil.
Eu pedi exemplo de um país em que o mercado é 100% estatal (aos moldes do HueZil na década de 80 e 90) e a internetz consegue estar à altura das internets privadas de USA, Europa, Nova Zelândia, Coreia do Norte, Japão etc.

Vou mais além, desafio a achar um mercado 100% estatal em que a internet seja superior à do Brasil (que, apesar desse lixo de Anatel, ainda consegue ter um nível beeeeem pequeno de competição perto do que teria sem a Anatel.)

Baron is offline   Reply With Quote
Oleleh
Trooper
 

26-04-16, 20:58 #175
Round 6

FIGHT!

Oleleh is offline   Reply With Quote
David
Robson
 

26-04-16, 21:08 #176
Quote:
Postado por wiseman Mostrar Post
720p.x265
huahuahua

Realmedia 128kbps 160x120p

David is offline   Reply With Quote
Baron
Trooper
 

27-04-16, 23:40 #177


Apesar de não concordar com todas as partes deste vídeo, fica aí a recomendação para a aula grátis de economia e história.


Last edited by Baron; 27-04-16 at 23:51..
Baron is offline   Reply With Quote
Raposao
Trooper
 

29-04-16, 01:16 #179
Quote:
Postado por Marcelo Mostrar Post
A falha nessa argumentação é que esse custo não existe.
O custo de infraestrutura de rede é por throughput, largura de banda, não por quantidade de dados.
Se você constrói uma infraestrutura com uma largura de banda de 10Mbit para um cliente e você realmente alocar esses 10Mbit, não faz diferença nenhuma se ele vai consumir 1GB ou 400GB, o seu custo é o mesmo.

Não existe justificativa técnica para esse limites, é uma decisão puramente comercial. O vice presidente da Comcast já admitiu isso pela conta do twitter dele ( http://gizmodo.uol.com.br/franquia-internet-fixa-eua/ ).
Marcelo, quando você limita a franquia você diminui o throughput de rede indiretamente, uma vez que evita que cada usuário fique hipoteticamente 720 horas por mês consumindo seu throughput (ex: 100mbits). Ou seja, você tem menos usuários consumindo largura de banda simultaneamente devido aos que estão bloqueados ou reduzidos e por isso há uma relação sim!

Raposao is offline   Reply With Quote
Marcelo
Trooper
 

Steam ID: cabelo
29-04-16, 01:54 #180
Quote:
Postado por Raposao Mostrar Post
Marcelo, quando você limita a franquia você diminui o throughput de rede indiretamente, uma vez que evita que cada usuário fique hipoteticamente 720 horas por mês consumindo seu throughput (ex: 100mbits). Ou seja, você tem menos usuários consumindo largura de banda simultaneamente devido aos que estão bloqueados ou reduzidos e por isso há uma relação sim!
Não se você realmente alocar a largura de banda que você está vendendo, como eu disse no post acima.

O que você está descrevendo só vai acontecer se você vender mais do que a sua rede tem capacidade de comportar. Colocar esse limite e colocar isso como justificativa técnica é admitir que fez merda.

Como eu disse antes, comercialmente esse limite tem potencial de ser uma coisa boa se for bem dimensionado pois abre a possibilidade de planos absurdamente baratos existirem. Mas eu não confio nas empresas brasileiras para fazerem isso. E a Vivo já provou que não vai fazer isso já que não abaixou o valor de nenhum dos seus planos, apenas mudou de nome e limitou, deixando pior pra absolutamente todos os seus clientes novos em relação aos antigos.

Marcelo is offline   Reply With Quote
Zedd
Trooper
 

29-04-16, 09:22 #181
Quote:
Postado por Baron Mostrar Post
https://www.youtube.com/watch?v=y0j4Wbg8aFY


Apesar de não concordar com todas as partes deste vídeo, fica aí a recomendação para a aula grátis de economia e história.
UAHUEHEAUHA

Zedd is offline   Reply With Quote
Ted
Trooper
 

Gamertag: MassahudDS PSN ID: massahud Steam ID: massahud
29-04-16, 09:58 #182
Quote:
Postado por Raposao Mostrar Post
Marcelo, quando você limita a franquia você diminui o throughput de rede indiretamente, uma vez que evita que cada usuário fique hipoteticamente 720 horas por mês consumindo seu throughput (ex: 100mbits). Ou seja, você tem menos usuários consumindo largura de banda simultaneamente devido aos que estão bloqueados ou reduzidos e por isso há uma relação sim!
Mas no inicio do mês todos tem sua franquia zerada e devem poder consumir 80% da velocidade contratada simultaneamente.

Ted is offline   Reply With Quote
Blazed
Trooper
 

29-04-16, 13:16 #183
O que só demonstra que as empresas que fazem isso tão fazendo pelo dinheiro extra

Blazed is offline   Reply With Quote
Hades
Trooper
 

29-04-16, 13:30 #184
empresas...
fazendo...
pelo...

DINHEIRO

conte-nos mais sobre essa descoberta, blazed. rs

Hades is offline   Reply With Quote
Baron
Trooper
 

29-04-16, 21:51 #185
Quote:
Postado por Zedd Mostrar Post
UAHUEHEAUHA
https://pt.wikipedia.org/wiki/Efeito_Dunning-Kruger

Baron is offline   Reply With Quote
wiseman
Trooper
 

Gamertag: DNWise PSN ID: DNWise Steam ID: wiseman
30-04-16, 01:37 #186
O pacote de bondades que a presidente Dilma Rousseff pretende apresentar à população antes da votação de abertura do impeachment pelo Senado, no dia 11 de maio, inclui o possível fim das franquias de internet.

http://www1.folha.uol.com.br/mercado...locidade.shtml

Opa, se for verdade... IMPEACHMENT É GOLPE!!!!

EDIT: já desistiram...

O Ministério das Comunicações desistiu "neste momento" de formular um termo público com as operadoras banda larga fixa, no qual elas se comprometeriam a oferecer pacotes de dados limitados e ilimitados.

http://www1.folha.uol.com.br/mercado...limitada.shtml

NÃO É GOLPE!!

wiseman is offline   Reply With Quote
Raposao
Trooper
 

30-04-16, 05:57 #187
Quote:
Postado por Ted Mostrar Post
Mas no inicio do mês todos tem sua franquia zerada e devem poder consumir 80% da velocidade contratada simultaneamente.
Não é todo mundo no início do mês, é de acordo com a data do fechamento da sua fatura.

Raposao is offline   Reply With Quote
sibs
Trooper
 

30-04-16, 10:08 #188
Quote:
Postado por Raposao Mostrar Post
Não é todo mundo no início do mês, é de acordo com a data do fechamento da sua fatura.
Com ctz diminuiria o uso na media, que eh a intencao deles, nao sei o quanto de efeito teria pq os horarios de picos ainda seriam os mesmos considerando os dias, mas talvez seriam ateh pior pq a fatura das pessoas nao deve ser uniformemente distribuida no mes , e eh pelos horarios de pico que eles compram banda, e quando nao fosse pico iria ter rios de banda sobrando lol.

But then again, qualquer um que nao eh imbecil consegue ver que a justificativa disso nao eh tecnica.

sibs is offline   Reply With Quote
Jeep
fagmin
 

XFIRE ID: ds-jeep Steam ID: jeep_ds
30-04-16, 11:15 #189
vamos pensar "ao contrario"?

uma das maiores cotas é de 130gb, certo? um mes a grosso modo tem 720 horas, ok?

130/720=0,18, ou 180mb por hora, /60= 3mb/min /60= 50k/s

Jeep is offline   Reply With Quote
MdKBooM
Trooper
 

30-04-16, 11:36 #190
Ou cobra por quantidade de dados ou pela velocidade de conexão, não dá pra cobrar 2x em SP por exemplo onde não há escassez de infra.

MdKBooM is offline   Reply With Quote
MdKBooM
Trooper
 

30-04-16, 11:41 #191
Quote:
Postado por wiseman Mostrar Post
O pacote de bondades que a presidente Dilma Rousseff pretende apresentar à população antes da votação de abertura do impeachment pelo Senado, no dia 11 de maio, inclui o possível fim das franquias de internet.

http://www1.folha.uol.com.br/mercado...locidade.shtml

Opa, se for verdade... IMPEACHMENT É GOLPE!!!!

EDIT: já desistiram...

O Ministério das Comunicações desistiu "neste momento" de formular um termo público com as operadoras banda larga fixa, no qual elas se comprometeriam a oferecer pacotes de dados limitados e ilimitados.

http://www1.folha.uol.com.br/mercado...limitada.shtml

NÃO É GOLPE!!
Parágrafo relevante: "O termo não impediria que as empresas vendessem pacotes no modelo de franquias, como acontece na telefonia móvel(...)"

Hahaha tchau querida!

MdKBooM is offline   Reply With Quote
Oleleh
Trooper
 

01-05-16, 01:39 #192
Quote:
Postado por sibs Mostrar Post
Com ctz diminuiria o uso na media, que eh a intencao deles, nao sei o quanto de efeito teria pq os horarios de picos ainda seriam os mesmos considerando os dias, mas talvez seriam ateh pior pq a fatura das pessoas nao deve ser uniformemente distribuida no mes , e eh pelos horarios de pico que eles compram banda, e quando nao fosse pico iria ter rios de banda sobrando lol.

But then again, qualquer um que nao eh imbecil consegue ver que a justificativa disso nao eh tecnica.


Ahhhh naooo, te chamou de imbecil! Eu não deixava!

Conta tudo pra sua mãe kiko!

Oleleh is offline   Reply With Quote
sibs
Trooper
 

01-05-16, 13:01 #193
lol imbecil foi meio D+ mesmo.

sibs is offline   Reply With Quote
MdKBooM
Trooper
 

01-05-16, 13:08 #194
eu acho que merece ban. o que você acha @Spoon;?

MdKBooM is offline   Reply With Quote
sibs
Trooper
 

07-06-16, 19:44 #195
https://www.techdirt.com/articles/20...-markets.shtml

Quote:
"The cost of increasing [broadband] capacity has declined much faster than the increase in data traffic," says Dane Jasper, CEO of Sonic, an independent ISP based in Santa Rosa, Calif.

Jasper, of course, has reason to challenge his much larger rivals. However, he also backed up his argument with real numbers. A few years ago Sonic (formerly Sonic.net) spent about 20 percent of its revenue on basic infrastructure. Since then, the cost of routers, switching equipment and other related gear declined so much that Jasper says the company's infrastructure costs are now only a bit more than 1.5 percent of its revenue.

For this reason, Sonic has no plans to impose data caps, according to Jasper.
Que é basicamente o que eu argumentei, e que basicamente foi ignorado, o custo/velocidade caem exponencialmente, o uso não consegue se manter com uma curva exponencial, pq simplesmente depois de VIDEO não tem mais media que gaste mais banda.

http://www.cio.com/article/3075975/i...data-caps.html

Quote:
Comcast last month posted its strongest earnings in years, easily beating Wall Street's expectations, while racking up a profit of $2.13 billion on revenue of $18.8 billion. Jasper says Comcast's margins on high-speed Internet are over 90 percent, and calculations from Bruce Kushnick of the New Network Institute suggest Time Warner Cable's broadband margins were 97 percent in 2013.
Tem que ser muito cara de pau pra falar que não tem como prover internet sem cap em 2016 pelo preço que as operadoras brasileiras cobram, claramente eles deviam falar "A empresa só faturou 5% a mais que no ano passado."

sibs is offline   Reply With Quote
sibs
Trooper
 

08-06-16, 21:01 #196
Cade o pessoal argumentando que tinha que por limite, pq não tem como com o uso maior etc...

Hi guys.

O WarWolf eu nao tenho esperança, mas Raposao? Zedd? Mudaram de ideia?

sibs is offline   Reply With Quote
EviLBraiN
Trooper
 

08-06-16, 23:16 #197
Silêncio....

Cri Cri Cri....

EviLBraiN is offline   Reply With Quote
WaR WoLf
Trooper
 

31-07-16, 02:40 #198
Quote:
Postado por sibs Mostrar Post
Cade o pessoal argumentando que tinha que por limite, pq não tem como com o uso maior etc...

Hi guys.

O WarWolf eu nao tenho esperança, mas Raposao? Zedd? Mudaram de ideia?
Eu nem lembrei desse tópico, só fui acessar novamente hoje. Bem, o melhor argumento que tenho para te dar é o pedido de recuperação judicial da Oi na ordem de R$65 Bilhões. E não é a única com endividamento alto.

Operadoras Dívida Bruta (2015)
Oi R$ 55 bilhões
Claro US$ 33,1 bilhões
Vivo R$ 8,9 bilhões
TIM R$8,4 bilhões

Como eu disse inúmeras operadoras menores aproveitaram o movimento das concorrentes a favor da limitação para colocarem-se contrárias ao que foi sugerido como "novo modelo" ou modelo de adaptação. Alias eu trabalho em uma que fez isso (disse isso na minha postagem), declaramos as mesmas coisas que esses outros ISP menores para imprensa. Perfeitamente normal, estamos tentando ganhar mercado e conquistar a opinião pública. É uma boa estratégia, beira o sensacionalismo, mas é plausível. Agora, uma coisa é o que falamos para clientes, para os jornais, e outra totalmente diferente é o que conversamos dentro da empresa e nos eventos globais das telecoms. Internamente sabemos que estamos correndo risco, entre nós mesmos sabemos que estamos correndo risco. Mas manter o fluxo de caixa hoje é mais importante, então compensa deixar o grande público neste bate e volta.

Bem, eu não posso divulgar o balanço da empresa que trabalho para te mostrar quanto gastamos apenas para manter a infraestrutura: mas é aquilo...duplicamos nosso backbone, aumentamos as licenças de gerenciamento de central (você compra a central e paga uma mensalidade alta para liberá-la de acordo com o trafego e/ou números de acesso) e tudo isso para dar conta de atender um crescimento de planta de apenas 3% nos últimos 4 anos. Em 2012 trabalhávamos basicamente com as mesmas velocidades que trabalhamos hoje, de 5Mb a 20Mb. Então, na sua opinião, o que aconteceu? Porque para mim e para as outras 500 pessoas que trabalham comigo, e trabalham comigo nesse setor a questão é bem diferente do que você está dizendo. Se tudo está certo, se os custos caíram para as telecoms mesmo, acho que possivelmente deveríamos contratá-lo como nosso líder espiritual, líder xamânico. Porque você vê um cenário bem diferente do nosso.

Primeiro a Oi, depois a Claro, a Vivo, a TIM. Falindo uma a uma. Olha que para um mercado opressor, que rouba dinheiro da galera, sem concorrência os neguinho tão se fodendo legal. Não era pra ganharmos dinheiro? É simples: a internet era ociosa há alguns anos atrás e as pessoas ainda se comunicavam por voz. A internet era ilimitada. Hoje as pessoas não usam voz (pouco a pouco será ilimitada para qualquer operadora) e o modelo de tarifação será o da banda larga - que hoje representa maiores custos para empresa devido os serviços de streaming. É bem simples: trata-se de uma mudança de modelo. De voz por minuto/franquiada para voz ilimitada. De internet ilimitdada para internet por mega/franquiada.


Last edited by WaR WoLf; 31-07-16 at 02:55..
WaR WoLf is offline   Reply With Quote
tdf
 

Steam ID: tdf
31-07-16, 13:20 #199
Oi, Tim e claro deviam investir em sinal mesmo. Único motivo q não saio da vivo é que o sinal das outras é uma merda.

tdf is offline   Reply With Quote
Oleleh
Trooper
 

31-07-16, 15:12 #200
Oi

Oleleh is offline   Reply With Quote
wiseman
Trooper
 

Gamertag: DNWise PSN ID: DNWise Steam ID: wiseman
31-07-16, 15:43 #201
Claro pode ter o melhor sinal do mundo q eu não volto, é a operadora mais chata, estão sempe "mendigando".
Se o vivente é pré-pago, eles ligam oferecendo mudar pra um plano toda vez q faz uma recarga
Se o vivente é pós-pago, eles ligam oferecendo mudar pra um plano mais caro
Enquanto o vivente não atende, eles ficam ligando ligando ligando diversas vezes no celular e no fixo, mesmo que dure dias
E se o vivente recusa, o atendente fica indignado do tipo "o q? como pode recusar algo tão bom?"


Last edited by wiseman; 31-07-16 at 15:52..
wiseman is offline   Reply With Quote
sibs
Trooper
 

31-07-16, 19:33 #202
@WarWolf;

Seu argumento teria um pouco de logica se o lucro dessas empresas dependesse somente do fator que agente ta discutindo (reducao de custo vs aumento de uso), se a empresa resolve dar 100 milhoes de dollares pra fazer propaganda com o Neymar o problema é dela, se a empresa é mal administrada não tem salvação mesmo.

Quote:
Em 2012 trabalhávamos basicamente com as mesmas velocidades que trabalhamos hoje, de 5Mb a 20Mb. Então, na sua opinião, o que aconteceu? Porque para mim e para as outras 500 pessoas que trabalham comigo, e trabalham comigo nesse setor a questão é bem diferente do que você está dizendo. Se tudo está certo, se os custos caíram para as telecoms mesmo, acho que possivelmente deveríamos contratá-lo como nosso líder espiritual, líder xamânico. Porque você vê um cenário bem diferente do nosso.
Pergunta la pro cara da Sonic?

Completamente plausivel o que o cara falou e vai de acordo com os artigos "cientificos" com dados do mundo real .

Quote:
"The cost of increasing [broadband] capacity has declined much faster than the increase in data traffic," says Dane Jasper, CEO of Sonic, an independent ISP based in Santa Rosa, Calif.

Jasper, of course, has reason to challenge his much larger rivals. However, he also backed up his argument with real numbers. A few years ago Sonic (formerly Sonic.net) spent about 20 percent of its revenue on basic infrastructure. Since then, the cost of routers, switching equipment and other related gear declined so much that Jasper says the company's infrastructure costs are now only a bit more than 1.5 percent of its revenue.


Quote:
É simples: a internet era ociosa há alguns anos atrás e as pessoas ainda se comunicavam por voz. A internet era ilimitada. Hoje as pessoas não usam voz (pouco a pouco será ilimitada para qualquer operadora) e o modelo de tarifação será o da banda larga - que hoje representa maiores custos para empresa devido os serviços de streaming. É bem simples: trata-se de uma mudança de modelo. De voz por minuto/franquiada para voz ilimitada. De internet ilimitdada para internet por mega/franquiada.
Lógico, que é isso que vocês querem um mercado fechado no qual vocês podem cobrar RIOS por um produto que o cliente não consegue viver sem, se eu trabalhasse p/ uma ISP tambem taria vendendo essa historia tristissima.


Last edited by sibs; 31-07-16 at 19:39..
sibs is offline   Reply With Quote
sibs
Trooper
 

31-07-16, 19:44 #203
Quote:
We want to make sure our products meet the needs of customers for what they want to do and it does not inhibit them or force them to make decisions on how they want to use the product. The nice part of technology and what has happened is that transport costs continue to decline and by putting in the packet optical fabric it takes away a lot of those constraints," McCarthy said. "There may be a time when usage-based pricing is the right solution for the market, but I really don't see that as a path the market is taking at this point in time.
CEO da Frontier

Quote:
St. Louis-based cable operator Suddenlink has caps ranging from 250 GB to 550 GB, depending on speed. Its customers pay the increasingly-standard $10 per each additional 50 GB consumed, and have the "option" of paying an additional fee to avoid usage caps entirely. Yet outgoing Suddenlink CEO Jerry Kent made it abundantly clear on a conference call last fall that the days of investing serious amounts of capital into the network are long gone (especially for cable, where DOCSIS upgrades are relatively inexpensive). These days, the name of the game is milking your captive customers for all they're worth
^ O que as operadoras brasileiras querem fazer.

https://www.techdirt.com/articles/20...-markets.shtml

sibs is offline   Reply With Quote
MdKBooM
Trooper
 

20-08-16, 03:05 #204
Up.

Paying too much for internet? Security company claims Australian bandwidth costs SEVENTEEN times more than Europe thanks to Telstra and Optus

http://www.dailymail.co.uk/news/arti...tra-Optus.html

sauce: https://www.reddit.com/r/worldnews/c...ternet_in_the/

MdKBooM is offline   Reply With Quote
vegetous
Trooper
 

XFIRE ID: carniceiru
22-08-16, 20:33 #205
Quote:
Não há razão para limite de banda larga, dizem especialistas

22/08/2016 12:58 Bruno do Amaral, do Teletime


Após o tema ter relativamente se arrefecido, a polêmica de implantação de franquia de internet em banda larga fixa voltou a ganhar destaque nesta semana com a publicação do relatório da Ouvidoria da Anatel, que condenou a atuação da agência no caso. A prática foi também assunto de debate nesta sexta-feira, 19, na sede do Instituto de Defesa do Consumidor (Idec), envolvendo especialistas de áreas técnica e jurídica para abordar o assunto. O argumento apresentado é que não haveria justificativas técnicas para operadoras estabelecerem o limite dos dados, enquanto há no Marco Civil e na legislação de proteção ao consumidor pontos que proibiriam a prática.

"Tecnicamente, não há uma justificativa para que exista franquia de dados, os argumentos se baseiam muito em falácia, usando desconhecimento técnico das pessoas para tentar enfiar isso de alguma forma goela abaixo para a gente para que aceitem", afirma a engenheira de computação e doutoranda pela USP, Nathalia Sautchuk. Ela alega que alguns dos problemas apresentados pelas operadoras, como a capacidade limitada, têm outras soluções, citando implantação de redes de entrega de conteúdo (CDNs) e participação em pontos de troca de tráfego (PTTs). Na opinião dela, o debate está "muito atrelado ao da neutralidade de rede", uma vez que seria uma rentabilização alternativa, futuramente oferecendo serviços diferenciados por meio de zero-rating. "Talvez a franquia seja o bode na sala, mas a grande questão é a neutralidade."

Há também o argumento da abordagem das teles, que alegam que precisam das franquias para justificar investimentos. "Não vejo a franquia ajudando na preservação de investimentos, o que mudaria é alterar o parâmetro de entrega: se tem máximo de 100 Mbps, mas um típico acesso de 10 Mbps está bom (para o consumidor), isso sim muda", afirma o engenheiro de redes e instrutor da Escola de Governança da Internet, Rubens Kuhl. Ele acredita que o regulamento de qualidade tem meta "muito alta (velocidade de 80% na média e 40% na instantânea)", o que gera expectativa irreal. "Criou-se reposta regulatória ao meu ver excessiva e gerou porta dos fundos que é a franquia. Tem diálogo que precisa ser refeito, inclusive de mudar o regulamento de qualidade."

Para o engenheiro e criador do canal do YouTube "Eu faço a Internet Funcionar", Thiago Ayub, a infraestrutura ótica conta com capacidade elevada o suficiente, mesmo considerando a última milha com cobre (FTTx em geral). Dessa forma, a deficiência seria na estratégia de implantação da rede. "Se há gargalo na última milha, então significa que vendeu mais capacidade do que tinha, foi overbooking", alega. "Se não tem capacidade, não venda 200 Mbps, venda 2 Mbps", exemplifica. Ainda na opinião de Ayub, há oligopólio das empresas de telecomunicações, o que acaba prejudicando o fornecimento de banda larga.


Visão jurídica

Os especialistas acreditam que o estabelecimento de franquias "só se explica por lógica de mercado, além de ser escassez artificial", resume o advogado do Idec, Rafael Zanatta. Na visão dos debatedores, as operadoras estariam criando gargalos artificiais. "A atitude das operadoras de incluir ou reduzir franquias é (feita) sem qualquer impacto nos preços dos serviços – você limita o serviço, mas o preço continua o mesmo", reclama a advogada e coordenadora do Intervozes, Veridiana Alimonti. "Isso incorre em série de abusos, estão elevando o preço indiretamente, porque o consumidor estará pagando preço de serviço que antes era ilimitado." Ela argumenta que a falta de justificativa técnica para a existência da franquia já seria abusiva antes mesmo de se observar a questão contratual.

Alimonti lembra ainda que o próprio conceito de zero-rating só existe por conta da vinculação direta com o limite mensal de dados. "O fato de existir franquia como algo central leva a criar solução mágica de criar zero-rating, que só faz sentido nesse modelo de escassez artificial, de monetizar a falta de infraestrutura", alerta. No entendimento da advogada, o próprio conceito fere a neutralidade de rede. Perguntada se o conceito de zero-rating se aplicaria ao de acesso patrocinado, ela foi enfática: "os efeitos na prática, tanto em termos técnicos de privilegiar pacotes em detrimento de outros, e criar problemas para os menores que não têm condições de cobrir o preço (pago às operadoras para patrocinar o acesso), na minha opinião, são os mesmos".

A advogada do Procon-SP, Priscilla Widmann, acredita que "a saída seria a tributação dessas empresas (over-the-top) para investimento em banda", e que o argumento das teles de que "quem usa menos paga por quem usa mais", trazendo injustiça na precificação, não seria cabível. "A franquia na verdade vai excluir os mais pobres da Internet", afirma. Widmann critica ainda o que chama de "fenômeno de surpresa (tu quoque)" na alteração unilateral dos contratos. "Pode até ocorrer alteração, mas tem de ser dialogada, respeitando consumidores e sem efeito surpresa", diz.
http://exame.abril.com.br/tecnologia...-especialistas

vegetous is offline   Reply With Quote
sibs
Trooper
 

22-08-16, 23:26 #206
Quote:
Postado por MdKBooM Mostrar Post
Up.

Paying too much for internet? Security company claims Australian bandwidth costs SEVENTEEN times more than Europe thanks to Telstra and Optus

http://www.dailymail.co.uk/news/arti...tra-Optus.html

sauce: https://www.reddit.com/r/worldnews/c...ternet_in_the/
Sim, mercado fechado.

O preco deveria cair da internet na verdade, ou deveria aumentar a velocidade, a Comcast tem gigabit internet nas cidades que o google fiber atua por 70 USD...

Tem muita margem p/ lucro na internet brasileira quando voce considera que o empregado no brasil ganha 1/5 pra menos do americano que é a maior despesa das telecoms.

Esse negocio de cap em mobile eh pura filha da putagem tbm.

sibs is offline   Reply With Quote
SigSnake
Trooper
 

07-09-16, 23:02 #207
OLHA QUE TOPE

http://noticias.uol.com.br/internaci...etenimento.htm

Em Cuba, onde a internet é cara e o acesso ainda é restrito a locais públicos, a população deu um jeitinho para conseguir o seu próprio serviço de entretenimento sob demanda e ver filmes, séries e até novelas do mundo todo. É uma espécie de Netflix offline chamado "paquete semanal" (pacote semanal), em que o cliente recarrega semanalmente o seu pendrive nos postos de "venda", seja uma loja ou até no vizinho.

O "paquete" pode ser conseguido de várias formas diferentes, mas o processo é normalmente o mesmo: o cliente leva o seu pendrive, HD externo ou qualquer meio de armazenar conteúdo em grande quantidade e faz o download do que é oferecido naquela semana (ou de parte dele, dependendo de quanto cabe no pendrive). O material pode chegar a 1 terabyte..

O valor cobrado pela "recarga" é de CUC 2 (equivalente a US$ 2, cerca de R$ 6,50). Considerando que a internet em Cuba custa o mesmo valor por uma hora de uso --na rua, com sinal de wi-fi lento--, o preço pago pelo "Netflix improvisado" é relativamente barato. Para efeito de comparação, o salário mínimo em Cuba gira em torno de CUC 30 --e é por isso que todas as famílias buscam uma forma de complementar a renda mensal, inclusive com a venda do próprio "paquete".

Por conta do embargo econômico imposto pelos EUA, a pirataria sempre existiu em Cuba. A Netflix até oferece o seu serviço em Cuba, mas a velocidade lenta e o alto custo da internet no país torna impossível o consumo de conteúdo e até de downloads mais pesados.

Hoje é assim que os cubanos têm acesso às superproduções de Hollywood, às novelas brasileiras e a todo tipo de material cultural que é restrito pelo governo cubano --sejam músicas ou até revistas. Mas existem regras impostas pelos curadores do "paquete", quem cria a programação semanal oferecida: ele não oferece pornografia ou conteúdo político.
A origem do pacote

O "paquete" passa de mão em mão em Cuba, e atravessa o país em carros, ônibus e avião. Ninguém sabe ao certo como o conteúdo é baixado da internet, mas as apostas são de que pelo menos parte seja feito nos EUA. Ainda assim, os distribuidores precisam ter computadores potentes o suficiente para fazer a transferência de dados para os pendrives --e isso pode levar horas, já que o "paquete" costuma ter até 1 terabyte.

"Não sabemos se o download é feito em Cuba, se o conteúdo é trazido dos EUA em hard drives ou uma combinação dos dois. O que se sabe é que para baixar esta quantidade de dados em Cuba, seria necessário ter a assistência do governo e da ETECSA [a empresa de telecomunicações estatal]", afirma em entrevista ao UOL Larry Press, professor da California State University Dominguez Hills, que estuda a internet em Cuba.

Uma pista de como o "paquete" é produzido está nas declarações dadas à imprensa por Elio Hector Lopez, conhecido como El Transportador. Ele se identifica nas redes sociais como "produtor e promotor de música cubana", e relatou em entrevista à revista americana Fast Company ter começado com o que hoje se transformou no "paquete" enquanto trabalhava em um banco, onde aproveitava a internet do lugar para fazer o download de músicas. Tudo era distribuído para DJs, mas o negócio ganhou fama.

Em parceria com outras pessoas com acesso à internet que faziam o mesmo --mas baixavam jogos, filmes, séries-- foram montados os primeiros pacotes colaborativos. Mas eles não são os únicos. Hoje, o "paquete" é repassado aos "vendedores" por um valor não identificado --acredita-se que por mais de CUC 20.

A equatoriana Dennisse Calle, que estudou a distribuição e o conteúdo do "paquete" em Havana, chegou a comprar o "paquete" vendido por diferentes distribuidores da capital cubana. Segundo ela, o conteúdo muda pouco de um fornecedor para o outro. Ela constatou ainda que existem fornecedores que entregam o "Netflix offline" como delivery, porta a porta; outros têm uma sede fixa, e trabalham com a licença do governo --mas para outros tipos de comércio, como a venda de CDs.
Mas o que tem no "paquete" de 1 terabyte?

Imagine que, ao abrir o pendrive, seja possível acessar dezenas de pastas. Não há apenas filmes, seriados e novelas como nos serviços de entretenimento por demanda. O "paquete" traz ainda aplicativos (que funcionam offline), programas de computador, revistas --importadas e nacionais, que publicam conteúdo sem autorização do governo e até propaganda de estabelecimentos locais.

De acordo com Dennisse, que analisou diferentes "paquetes" para comparação, um terço do conteúdo oferecido semanalmente é de programação de TV; filmes representariam apenas 2% do material. Outros 29% são de músicas. O restante são os softwares, aplicativos, publicações e até propagandas.

As novelas, que têm um fã clube tradicional em Cuba, são a grande parte do conteúdo do "paquete". E não pense que há apenas produções americanas: de todo material copiado dos canais de TV, 57% vêm dos EUA (principalmente dos canais voltados para o público latino); 15% vêm de países latino-americanos, como Brasil, Argentina e Colômbia; 13%, do México; o restante, de países como Reino Unido, Turquia, Espanha e até do Japão.

Entre as publicações, muitas revistas em inglês e em espanhol são escaneadas --algumas já antigas-- de fofocas, ciência, tecnologia, política internacional etc. Algumas são nacionais, produzidas de forma ilegal, são distribuídas somente pelo "paquete" (e pela internet).

O "paquete" traz até uma versão offline de um site de anúncios de compra e venda de produtos e serviços. Você pode acessar o Revolico de qualquer parte do mundo, já que ele está disponível online. Mas para os usuários do pacote, o Revolico funciona como uma espécie de banco de dados de anúncios offline atualizado com a próxima versão do "paquete".

Ele tem de tudo: peça de computador, casa, carro, CD, ofertas de emprego, móveis, roupas e propaganda de cabeleireiro, relojoeiro, academia de ginástica --a lista é gigantesca.

"O 'paquete' é uma nova alternativa para a televisão cubana que, mesmo custando CUC 2 por semana, é acessível, já que muitas pessoas o compartilham com amigos, parentes e colegas de trabalho", diz Dennisse em seu estudo, realizado na Universidade de Princeton, nos EUA.
Ilegal, mas tolerado

Encontrar o "paquete semanal" em Havana não é difícil. Ainda que ele seja completamente ilegal, desde o download e os direitos autorais até a distribuição, o governo faz vistas grossas para o processo completo que envolve a produção e a venda.

Na opinião da especialista, a grande dificuldade para controlar o "paquete" é que ele circula de formas rápidas e vem de muitas fontes. "Só posso supor que o governo não tem o poder para apreender todos os flashdrives, computadores, laptops e unidades de discos", afirma.

"Também não acho que o governo se sente ameaçado por ele. O paquete deve ser visto como um passatempo para a população, e não uma forma de ataque", diz ela. "O objetivo principal não é ser subversivo ou contrarrevolucionário, é somente a diversão", afirma.

Larry Press, da Universidade do Estado da Califórnia, lembra que o paquete ajuda a economia cubana ao assegurar algum tipo de emprego privado. É impossível saber quantas pessoas trabalham na venda, mas existe a possibilidade de que ele seja o principal empregador não-estatal em Cuba.

"Além disso, ele também reduz a demanda por conexão de internet, uma vez que as pessoas obtêm o material que faria o download pelo 'paquete'", aposta Press. Para o professor, ele também reduz a necessidade de infraestrutura, fornecendo vídeos, por exemplo, sem utilizar recursos da web.

"O 'paquete' só é capaz de existir por causa de Estados que controlam firmemente a televisão e não tornam a internet disponível a todos", diz Dennisse. Para ela, o "paquete" em si é uma representação de uma empresa quase capitalista, já que proporciona tantas coisas à população cubana por um preço extremamente baixo.

SigSnake esta conectado agora   Reply With Quote
Blazed
Trooper
 

07-09-16, 23:38 #208
Criatividade vence adversidade

Blazed is offline   Reply With Quote
jacu
Trooper
 

08-09-16, 00:51 #209
A anatel é tão bosta que o Brasil quase ficou pior que Cuba

jacu is offline   Reply With Quote
EviLBraiN
Trooper
 

08-09-16, 09:25 #210
Sigsnake, veja o filme: Chuck norris vs communism .

Parece título de comédia, mas é um documentário sobre essa mesma situação aí de Cuba na antiga URSS. As pessoas fazendo isso pra conseguir filmes. É bem bom. E tem no netflix. Tem topic aqui tb desse filme.

EviLBraiN is offline   Reply With Quote
wiseman
Trooper
 

Gamertag: DNWise PSN ID: DNWise Steam ID: wiseman
13-01-17, 03:02 #211

wiseman is offline   Reply With Quote
SigSnake
Trooper
 

14-03-17, 22:05 #212
instalei um novo programa aqui de controle

ultimos 30 dias:

43 dl
2 ul

em sendo:
16 gb = jogos baixados no steam
15 gb = firefox (estou fazendo um curso online, cerca de uma hora aula diaria)
7 gb = torrent AAAARRRRRRRR
3 gb = csgo
1,4 gb = updates blizzard

vivo fibra 100 mega

SigSnake esta conectado agora   Reply With Quote
Conker
Trooper
 

15-03-17, 00:40 #213
Quote:
Postado por SigSnake Mostrar Post
instalei um novo programa aqui de controle

ultimos 30 dias:

43 dl
2 ul

em sendo:
16 gb = jogos baixados no steam
15 gb = firefox (estou fazendo um curso online, cerca de uma hora aula diaria)
7 gb = torrent AAAARRRRRRRR
3 gb = csgo
1,4 gb = updates blizzard

vivo fibra 100 mega
ql programa? ele pega so teu laptop tood ou da rede na sua casa?

Conker is offline   Reply With Quote
SigSnake
Trooper
 

15-03-17, 09:50 #214
o programa é o glasswire, ele pega so no pc que esta instalado...mas como minha TV esta ligada nele, a unica coisa fora é a rede wifi que uso o celular, ai o gasto é irrisorio...

SigSnake esta conectado agora   Reply With Quote
wiseman
Trooper
 

Gamertag: DNWise PSN ID: DNWise Steam ID: wiseman
14-12-17, 18:56 #216
The FCC just repealed net neutrality. What happens next?

The FCC voted this morning to nullify 2015’s Open Internet Order and its strong net neutrality rules, substituting a flimsy replacement with a deeply (and deliberately) incorrect technical justification.

The battle is lost. What of the war? Here’s what happens next, and what you can do to help.

https://techcrunch.com/2017/12/14/th...-happens-next/

wiseman is offline   Reply With Quote
sibs
Trooper
 

15-12-17, 01:23 #217
trumpzao pondo os corporate shill no controle da parada.

sibs is offline   Reply With Quote
Baron
Trooper
 

15-12-17, 22:45 #218
Vou postar correndo isso aqui antes que os provedores censurem



Baron is offline   Reply With Quote
percezione
Trooper
 

Steam ID: brunorei
15-12-17, 23:47 #219
Ué, Baron a favor de regulamentações? É muito imbecil mesmo viu, sabe nem o que fala...

percezione is offline   Reply With Quote
Baron
Trooper
 

16-12-17, 03:12 #220
Eu ia falar coisas sobre você, mas aí fiquei com medo que o meu ISP me dê um ban por utilizar palavras de baixo calão num fórum.

Sabe como é, agora a internet não é mais neutra, você tem que ter certos cuidados. Agora o governo não me protege mais e eu estou com medo que uma empresa privada cruel e gananciosa limite o meu facebook caso eu não ande na linha.

This is the end, my friend. The end.

Eu até já aceitei que sem net neutrality não haverá mais internet até 2019. Sem governo regulamentando não existe internet, assim como não existem estradas, comida, mulheres, sol...


 


Last edited by Baron; 16-12-17 at 03:24..
Baron is offline   Reply With Quote
EviLBraiN
Trooper
 

17-12-17, 08:46 #221
Galera do mais estado e que depois reclama de cartéis reclamando de medidas pró menos estado.

Aqui em Curitiba a propaganda de uma empresa q só oferece Internet de alta velocidade é justamente tirando sarro das outras q te obrigam a contratar também telefone ou TV a cabo.

Já pensou concorrência entre pacotes de Internet. Planos cada vez melhores por preços cada vez mais baixo? Lindo né?

Mas não, deixa pra lá, melhor regular tudo e o governo monopolizador da bondade continuar dizendo o que as pessoas precisam e não precisam.

EviLBraiN is offline   Reply With Quote
Zigfried
Trooper
 

XFIRE ID: k00patroopa Steam ID: koopatroopa_
17-12-17, 17:51 #222
Exponha mais sua visão Evil.

Pelo pouco q li, n vejo nada de bom com o fim da rede neutra.

Zigfried is offline   Reply With Quote
David
Robson
 

17-12-17, 18:47 #223

David is offline   Reply With Quote
EviLBraiN
Trooper
 

18-12-17, 09:04 #224
Quote:
Postado por Zigfried Mostrar Post
Exponha mais sua visão Evil.

Pelo pouco q li, n vejo nada de bom com o fim da rede neutra.
Só acho lógico zig. Não q eu acho q o fim dele vá trazer algo de bom imediato. ( num livre mercado traria concorrência conforme o q vc quer usar na Internet, um idoso q só usa WhatsApp poderia ter um plano mais barato q o de um adolescente q passa o dia jogando e vendo séries)

Agora a existência da net neutrality me soa como uma lei q obriga q o pedágio de uma estrada tenha q ser o mesmo valor não importando se vc tá de moto ou caminhão de 8 eixos nem se vc vai rodar 50km ou 500km...

Eu acho q os provedores q estiverem sacaneando clientes tem de ser eliminados pela concorrência. Não por lei do governo.

Net neutrality beneficia grandes provedores q já conseguem suportar bem altas demandas e prejudica um pequeno investidor que queira iniciar em negócio por ex.

Q q vc pensa?

EviLBraiN is offline   Reply With Quote
Zedd
Trooper
 

18-12-17, 09:11 #225
A sua analogia serve ao argumento contrário melhor do que ao seu, evilbrain

Zedd is offline   Reply With Quote
Responder

Thread Tools

Regras de postagem
Você não pode criar novos tópicos
Você não pode postar
Você não pode enviar anexos
Você não pode editar seus posts

BB code is On
Smilies are On
[IMG] code is On
HTML code is Off

Atalho para Fóruns



O formato de hora é GMT -2. horário: 09:54.


Powered by vBulletin®
Copyright ©2000 - 2018, Jelsoft Enterprises Ltd.
User Alert System provided by Advanced User Tagging (Lite) - vBulletin Mods & Addons Copyright © 2018 DragonByte Technologies Ltd.