Darkside  

Voltar   Darkside > Darkside > Entretenimento

Responder
 
Thread Tools
vegetous
Trooper
 

XFIRE ID: carniceiru
Post [STAR WARS] Trilogia Thrawn

03-11-15, 22:28 #1
 

[SPOILER]
Quote:
A Trilogia Thrawn, também conhecida como The Thrawn Omnibus, a Trilogia Zahn, a Trilogia do Império, The Three-Book Cycle, consiste em três novelas: Heir to the Empire, Dark Force Rising e The Last Command. Eles foram escritos por Timothy Zahn e acontecem em 9 DBY, cerca de cinco anos após Star Wars Episódio VI: O Retorno de Jedi. Narração para a versões abreviadas de áudio foi realizada por Anthony Daniels e Lawson Denis.

Os personagens carismáticos, a trama envolvente e a ação ininterrupta da trilogia original de Star Wars sempre deixaram o público pedindo mais e se perguntando o que aconteceria após os eventos de O Retorno de Jedi. Mas enquanto a demanda por histórias no universo mítico criado por George Lucas era suprida por tiras de jornal, revistas em quadrinhos e séries animadas, o destino de Luke, Han Solo e Leia após o terceiro filme constituiu um grande mistério durante longos anos.

A sorte dos discípulos de Yoda começou a mudar em 1988, quando a editora Bantam fez uma proposta para publicar uma série de três livros que continuaria a saga a partir do ponto em que escritor algum tinha recebido permissão para trabalhar até então: o período posterior à morte de Darth Vader e a derrocada do Império em O retorno de Jedi. Após um ano de espera, a resposta da LucasFilm finalmente foi positiva. Assim, a editora preparou uma seleção de escritores de ficção científica e mandou amostras dos trabalhos de cada um deles para a LucasFilm.

O escolhido foi Timothy Zahn, vencedor do Hugo Award por seu romance Cascade Point, e autor de duas séries de sucesso, Cobra e Blackcollar; livros de ficção com ênfase no militarismo, análises político-sociológicas e estratégias de combate, elementos que futuramente marcariam a obra de Zahn em Star Wars. Além de suas qualificações evidentes, ele também era bastante familiarizado com a saga: o próprio autor conta que costumava ouvir, com o filho pequeno, gravações em áudio dos filmes, memorizando assim os padrões de diálogo e a atitude dos personagens. A trilogia escrita por Zahn, composta por Herdeiros do Império, O Despertar da Força Negra e Última Ordem, foi um sucesso imediato, figurando em primeiro lugar na lista dos mais vendidos do New York Times e novamente acendendo o interesse do público pelo universo de Star Wars a partir de 1991.

A trama começa cinco anos após a derrota do Imperador e a destruição da segunda Estrela da Morte. Ao contrário do que se poderia imaginar, no entanto, tais eventos não significaram o fim da guerra. Mesmo com seu efetivo deveras reduzido, contando com oficiais jovens e inexperientes, o Império continuava a ameaçar a paz e a liberdade na galáxia. A Rebelião havia fundado uma Nova República, com sede no planeta Coruscant, mas enfrentava vários problemas para se estabelecer. Tentava adquirir naves com contrabandistas e passava por disputas de liderança e suspeitas de traição. Enquanto isso, Luke Skywalker alcança seu amadurecimento como Jedi e realiza seu último contato com o espírito de Obi-Wan Kenobi. Leia está casada com Han Solo e, grávida de gêmeos, passa por um treinamento Jedi pelo irmão Luke. Mas nenhum deles faz idéia da ameaça que terão que encarar: o Império sob a liderança do último Grande Almirante, o insidioso Thrawn, humanóide de pele azul e o único não-humano a receber o título do Imperador. Thrawn é provavelmente o maior gênio em estratégia militar já conhecido, capaz de analisar a psicologia do inimigo e prever suas ações através das obras de arte de seu povo.

Thrawn localiza Joorus C’Baoth, autoproclamado Mestre Jedi, na verdade um clone ensandecido, e recruta-o para coordenar as tropas do Império. Para tanto, faz uso dos ysalamiris, criaturas capazes de anular os efeitos da Força, neutralizando as habilidades de qualquer Jedi. Após um confronto, C’Baoth concorda em unir-se ao Império com a condição de ter outros Jedi para moldar segundo sua visão distorcida. Ele estava interessado em Luke Skywalker, Leia Organa Solo e em seus filhos ainda não nascidos. Eles então passam a ser perseguidos pelos assassinos pessoais do Grande Almirante, os noghri, seres bestiais, de aspecto felino e mandíbula protuberante. E as informações sobre os heróis parecem vir da própria sede da Nova República, de uma misteriosa Fonte Delta.

Dois personagens introduzidos em Herdeiros do Império merecem agora ser mencionados, Talon Karrde e Mara Jade. Karrde é o líder de uma grande organização de contrabandistas, provavelmente a maior desde a queda de Jabba. Segundo o autor, é mais ou menos o que Han Solo se tornaria se não tivesse se juntado a Luke e Obi-Wan em Uma Nova Esperança: um fora-da-lei cheio de recursos, com seus próprios interesses e que, por força das circunstâncias, acaba tomando partido na épica batalha entre o bem e o mal. Mara Jade é a ex-agente secreta de Palpatine, que fazia seu trabalho sujo através do cosmos, eliminando inimigos pessoais e vingando traições. Tivera sua sensibilidade à Força aprimorada por seu mestre. Conhecida como a Mão do Imperador, ela estava presente no palácio de Jabba no dia do resgate de Han Solo, com a missão de matar Luke Skywalker. Mas quando o Imperador foi morto, sua vida perdeu o sentido. Mara vagou pelo universo durante quatro anos, finalmente integrando a organização de Talon Karrde, mas mantendo o desejo obsessivo de matar Luke.

Em meio aos confrontos e perseguições espaciais, temos uma verdadeira aula de estratégia, com o Grande Almirante Thrawn prevendo os passos dos defensores da Nova República, e estes usando o cérebro para vencer. Como afirmou o próprio Timothy Zahn, escrever os livros era como jogar uma partida de xadrez dos dois lados do tabuleiro, de modo que ambos dessem o melhor de si. Na melhor tradição da Trilogia Clássica, os protagonistas são testados até seus limites de maneira inusitada. Luke aceita o convite telepático de C’Baoth com o propósito de conhecer um Mestre Jedi e aprimorar seu treinamento, encontrando uma nova visão sobre seu papel na sociedade, avaliando a ética de seus poderes mentais e participando de julgamentos públicos. Leia descobre ser venerada pelos noghri como a filha e herdeira de Darth Vader, e arrisca sua vida visitando o mundo de seus potenciais assassinos na esperança de voltá-los contra o Império.

Os novos personagens são genuínos anti-heróis e cativam o leitor como o Han Solo dos filmes originais. Karrde começa a história recebendo uma proposta de comercializar naves para a Nova República, mas prefere manter uma posição de neutralidade. Depois de capturar Luke, recusa-se a entregá-lo ao Império, ganhando a eterna inimizade de Thrawn. Mara tem como seu maior desejo a morte de Luke, mas acaba ajudando-o a escapar das garras imperiais numa floresta repleta de ysalamiris. Posteriormente, quando Karrde é feito prisioneiro do Grande Almirante, é a Luke que Mara recorre como a última esperança no resgate de seu amigo e comandante. Os vilões, por outro lado, empreendem uma luta pelo poder. Para Thrawn, C’Baoth é apenas um meio dispensável de retomar a supremacia imperial. Para o Mestre Jedi, apenas os detentores da Força podem trazer a justiça a um mundo fraco e dependente que os odeia.

A Força Negra do título do segundo livro nada tem a ver com a habilidade mística dos Cavaleiros Jedi. Trata-se da Frota Katana, composta por 200 naves classe Dreadnaught pré-Guerras Clônicas, perdidas havia meio século, cada uma necessitando de mais de 100 homens para serem corretamente operadas. Foram localizadas acidentalmente por Talon Karrde e poderiam mudar os rumos da guerra. O Império, no entanto, leva a melhor na corrida e, ao término do segundo volume, detém a maioria das naves. Além disso, Thrawn conseguiu localizar um antigo aparato de clonagem do Imperador. Em poucos dias, portanto, estaria com todas as armas na mão para arrasar definitivamente a nova república. Todas as tramas secundárias se entrelaçam formando uma admirável tapeçaria, que produz um efeito hipnótico sobre o leitor e o conduz até um desfecho que supera suas expectativas, com direito a uma grande batalha espacial, um clone de Luke Skywalker e o essencial duelo de sabres de luz. Os personagens têm complexidade, soam reais e fiéis à suas versões cinematográficas. A mistura de ação e intriga política funciona perfeitamente e é diversão certa para os amantes da saga.

Com o sucesso da trilogia, a franquia cresceu, tendo diversos livros escritos por autores variados. Zahn voltou para encerrar a guerra contra o Império e o romance entre Luke Skywalker e Mara Jade nos livros Specter of the Past e Vision of the Future, que ficaram conhecidos como a série Mão de Thrawn. Assinou a minissérie em quadrinhos Mara Jade: By the Emperor’s Hand, focando o passado da bad girl. Depois, escreveu o romance Survivor’s Quest, centrado em Luke e Mara, já casados (o enlace ocorreu na HQ especial Star Wars: Union). A Trilogia de Thrawn ganhou também versão em quadrinhos pela Dark Horse Comics, adaptada pelo roteirista Mike Baron. A saga cresceu ainda mais pelas mãos de outros autores na série de 19 livros New Jedi Order, na qual os filhos de Han Solo e Leia, já adolescentes, ganham destaque, e nem todos os personagens consagrados sobrevivem. Mas a Trilogia de Thrawn continua firme na preferência da maioria dos fãs, sendo considerada a melhor introdução às aventuras literárias de Star Wars.

http://pt.starwars.wikia.com/wiki/Trilogia_Thrawn

 


O Primeiro Volume Da Consagrada Trilogia Thrawn.
Luke, Han e Leia enfrentam uma nova ameaça. Cinco anos após a destruição da Estrela da Morte, a ainda frágil República luta para restabelecer o controle político e curar as feridas deixadas pela guerra que assolou a galáxia. O Império, porém, parece não ter morrido com Darth Vader e o imperador. Habitando os confins da galáxia, o grão-almirante Thrawn, gênio militar por trás de diversas ações imperiais, ainda luta para reconquistar o poder perdido. A bordo do destroier estelar Quimera, ele descobre segredos que lhe darão a chance de destruir definitivamente o que restou da Aliança Rebelde, para assim retomar o domínio da galáxia e controlar os últimos dos Jedis. Herdeiro do Império é considerado um dos mais importantes marcos do universo expandido de STAR WARS. Desde seu lançamento, tem sido aceito pelos fãs da franquia como a verdadeira continuação da trilogia original. Além disso, a obra foi usada como base criativa para vários outros produtos da série, incluindo elementos de jogos, filmes e animações.


 


No segundo volume da consagrada Trilogia Thrawn, a luta de Luke, Han e Leia em defesa da Nova República continua. Mais uma vez, eles enfrentarão as tropas imperiais dissidentes, comandadas pelo poderoso grão-almirante Thrawn. Quando Talon Karrde é capturado por forças inimigas, Mara Jade relutantemente recorre à ajuda de Luke Skywalker, que é forçado a interromper seu treinamento com um curioso mestre para ampliar o domínio da Força. Enquanto isso, Han Solo e Lando Calrissian seguem com suas investigações, afim de descobrirem um possível traidor da Nova República. E, cumprindo a promessa feita a Khabarakh, Leia Organa viaja a Honoghr em busca de novos aliados contra a tirania de Thrawn.


 


Uma impiedosa praga assola o mundo, transformando cada homem, mulher e criança do planeta em algo digno dos pesadelos mais sombrios. Nesse cenário pós-apocalíptico, tomado por criaturas da noite sedentas de sangue, Robert Neville pode ser o último homem na Terra. Ele passa seus dias em busca de comida e suprimentos, lutando para manter-se vivo (e são). Mas os infectados espreitam pelas sombras, observando até o menor de seus movimentos, à espera de qualquer passo em falso... Eu sou a lenda, é considerado um dos maiores clássicos do horror e da ficção científica, tendo sido adaptado para o cinema três vezes.


Postei umas sinopses, mas ao dar uma conferida notei que tem muito spoiler. Eu mesmo parei de ler por medo de ter spoiler dos dois livros que ainda não li. Então coloquei em spoiler pra evitar maiores choradeiras.






Last edited by vegetous; 03-11-15 at 22:36..
vegetous is offline   Reply With Quote
vegetous
Trooper
 

XFIRE ID: carniceiru
03-11-15, 22:35 #2
Bem, essa série está nos meus planos de leitura desde a década de 2000, ou talvez até antes. Mas acabei nunca me interessando o suficiente para comprá-la. Agora aproveitando uma promoção para o kindle e a iminente estreia do próximo capítulo, resolvi dar uma chance a ela.

O primeiro livro começa devagar, mas depois que embala, haja ação. Hoje mesmo eu li por volta de uns 40%, até que ele terminou.

Não é a coisa mais legal do universo, mas é bastante divertido e vale a leitura pra quem gosta de star wars.

vegetous is offline   Reply With Quote
Yakov
Trooper
 

Gamertag: kovyakov PSN ID: kvYkv Steam ID: kovyakov
03-11-15, 22:44 #3
nao foi declarado que tirando os filmes ja lançados, todo o universo vai ter um reboot?

Yakov is offline   Reply With Quote
vegetous
Trooper
 

XFIRE ID: carniceiru
03-11-15, 22:46 #4
Esses livros nunca fizeram parte do canon oficial, era tudo universo expandido e agora é considerado Star Wars Legends.

vegetous is offline   Reply With Quote
vegetous
Trooper
 

XFIRE ID: carniceiru
30-11-15, 18:36 #5
Quote:
Autor de livros sobre Star Wars, Timothy Zahn encontra fãs no Rio


28/11/2015 07h45 - Atualizado em 28/11/2015 16h22


Autor tem 30 anos de carreira e já publicou 40 romances de ficção científica.
Trilogia Thrawn já vendeu cerca de 100 mil exemplares no Brasil.


 


Timothy Zahn é um ícone do mundo da ficção científica. Com mais de 30 anos de carreira, o escritor viu a sua popularidade se elevar ainda mais ao escrever a Trilogia Thrawn, onde obteve uma difícil autorização de George Lucas para desenvolver os eventos que aconteceram após o filme “O retorno de Jedi”, de 1983. Apenas no Brasil, os livros venderam cerca de 100 mil exemplares.

Dono de uma carreira com números impressionantes, Timothy já publicou 40 romances, oito deles dedicados ao universo de Star Wars, 90 contos e outras histórias curtas, quatro coletâneas de contos e foi vencedor do prêmio Hugo em 1984, com a obra ‘Cascade Point’.

Zahn está no Brasil para participar da Jedicon Rio, o maior evento dedicado ao universo de Star Wars no Brasil. O evento acontecerá este sábado (28) e no domingo (29), no Planetário do Rio, na Gávea, na Zona Sul, e terá palestras, lançamento de livros, filmes sobre o tema e até um casamento Jedi. Em entrevista exclusiva ao G1, o autor afirma que a sua única aspiração é criar histórias divertidas para os leitores.

O senhor costuma ser recepcionado como um astro pelos fãs de Star Wars. Na Comic Com Experience, ano passado, o senhor deu autógrafos durante 15 horas. Espera recepção semelhante na Jedicon, no Rio?

Meu único objetivo foi escrever uma história que seria divertida para os leitores e os conectasse aos filmes da trilogia original de Star Wars. Eu me sinto muito honrado de que a Trilogia de Thrawn ainda continue popular entre os leitores e os fãs de Star Wars todos esses anos.

Como foi convidado a desenvolver os eventos que aconteceram no filme “O retorno de Jedi”?

Pediram para que eu enviasse um esboço da história, sem nenhuma ordem ou mesmo sugestões sobre como os eventos deveriam ser desenvolvidos. Uma vez que enviei o esboço, me avisaram sobre algumas coisas que não deveria fazer, mas muitas das minhas ideias foram aceitas. Quando cada livro era terminado, a Lucasfilm olhava tudo novamente e pedia algumas mudanças, mas a maioria delas era pequenos detalhes.

Mesmo com o lançamento dos novos filmes de Star Wars, muitos fãs amam seus livros e gostariam de vê-los na tela grande. Como você se sente com essa repercussão?

Eu me sinto muito honrado e satisfeito que as pessoas ainda curtam os livros. Isso signfica que eu consegui capturar o sentimento do universo de Star Wars e criar uma história e personagens que servissem a esse universo. É claro que eu também gostaria de ver os livros se tornando filmes, ou talvez uma minissérie de TV, algum dia. Mas essa é uma decisão que só o pessoal da Disney e da Lucasfilm pode tomar.

Quando George Lucas fez os Episódios I, II e III, ele colocou alguns elementos da sua trilogia, como o planeta Coruscant. O senhor que criou possa aparecer em “O despertar da força” ou os próximos filmes?

Tudo é possível. A Lucasfilm possui os direitos de todo o material do Universo Expandido, é claro. Então eles são livres para inserir cenas, personagens, palavras ou enredos do UE quando quiserem. Eu não faço ideia se qualquer coisa que criei vai aparecer nos filmes. Mas me sentirei muito feliz se isso acontecer.

Qual é a sua opinião sobre as críticas de que Star Wars Episódio VII, que não mostra muitas coisas nos trailers, diferente de outros filmes, como, por exemplo, Os vingadores: a Era de Ultron, por exemplo?

Acho que é uma boa ideia mostrar apenas algumas cenas. Eu prefiro ir ao cinema sem saber o que vai acontecer. Então, pessoalmente, eu não quero um monte de spoilers nos trailers.

Em sua opinião, por que Star Wars segue conquistando tantos fãs após tanto tempo?

Star Wars é sobre temas que seres humanos, em todas as partes da Terra, podem entender e apreciar: amor, coragem, honra, sacrifício, perigo, medo, amizade, disputas impossíveis, entre outros. Todos podem se identificar com Han, Luke, Leia, Wedge e os outros personagens e podemos nos sentir como se estivéssemos lá, no meio da história e da ação.

O senhor está ansioso para o lançamento de ‘Star Wars: o despertar da força’?

Eu estou muito ansioso para ver 'O Despertar da Força', assim como os Episódios 8 e 9 e os filmes derivados. Para mim, quanto mais Star Wars, melhor.

http://g1.globo.com/rio-de-janeiro/n...as-no-rio.html
Acabei de ler o segundo livro, até então bem legal a história!

vegetous is offline   Reply With Quote
Responder

Thread Tools

Regras de postagem
Você não pode criar novos tópicos
Você não pode postar
Você não pode enviar anexos
Você não pode editar seus posts

BB code is On
Smilies are On
[IMG] code is On
HTML code is Off

Atalho para Fóruns



O formato de hora é GMT -3. horário: 23:10.


Powered by vBulletin®
Copyright ©2000 - 2021, Jelsoft Enterprises Ltd.
User Alert System provided by Advanced User Tagging (Lite) - vBulletin Mods & Addons Copyright © 2021 DragonByte Technologies Ltd.